Lazarus Chakwera

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sua Excelência
Lazarus Chakwera
6.º Presidente do Maláui
Período 28 de junho de 2020
a atualidade
Vice-presidente Saulos Chilima
Antecessor Peter Mutharika
Dados pessoais
Nome completo Lazarus McCarthy Chakwera
Nascimento 5 de abril de 1955 (65 anos)
Lilongué, Federação da Rodésia e Niassalândia (atual Maláui)
Nacionalidade malauiano
Alma mater Universidade do Maláui
Universidade de Limpopo
Universidade da África do Sul
Universidade Internacional Trinity
esposa Monica Chakwera
Filhos 4
Partido Partido do Congresso do Malawi

Lazarus McCarthy Chakwera (Lilongué, 5 de abril de 1955) é um teólogo e político do Maláui, atual presidente do país desde 2020, após ser eleito nas eleições presidenciais daquele ano.[1] Ele é líder do Partido do Congresso do Maláui desde 2013 e foi anteriormente líder da oposição na Assembleia Nacional após eleições altamente controversas realizada em 21 de maio de 2019, que foram derrubadas pelo Tribunal Constitucional. Ele foi Presidente das Assembleias de Deus do Maláui, de 1989 a 14 de maio de 2013.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Início de vida[editar | editar código-fonte]

Lazarus Chakwera nasceu em Lilongué, a atual capital do Maláui, em 5 de abril de 1955, quando o país ainda estava sob o domínio colonial britânico.[2] Sua família era agricultora de subsistência nos arredores da cidade.[3] Dois de seus irmãos nascidos antes dele morreram na infância e seu pai, acreditando que ele viveria, deu a ele o nome Lazarus, em referência à personagem bíblica que foi ressuscitada dos mortos por Jesus. Lazarus Chakwera é casado com Monica e juntos eles têm quatro filhos e netos.[4]

Carreira teológica[editar | editar código-fonte]

Chakwera se formou em Bacharel em Artes (Filosofia) pela Universidade do Maláui, em 1977. Estudou teologia e obteve um diploma de Honra na Universidade do Norte da África do Sul e um mestrado (MTh) na Universidade da África do Sul, em 1991.[4] A Universidade Internacional Trinity, nos Estados Unidos, concedeu-lhe um doutorado (D. Min) em 2000. Tornou-se professor no Seminário Teológico Pan-África em 2005.[2]

Ele trabalhou como instrutor na Escola de Teologia da Assembléia de Deus de 1983 a 2000, onde se tornou diretor em 1996. Foi co-diretor e professor do Seminário Teológico de Todas as Nações.[5] Desde 1989, ele preside as Assembleias de Deus do Maláui. Em 14 de abril de 2013, ele surpreendeu muitos ao declarar suas intenções de concorrer à Convenção do Partido do Congresso do Maláui (MCP) da oposição como presidente, enquanto ainda mantinha a Presidência da Assembleia de Deus.[6]

Carreira política[editar | editar código-fonte]

Os rumores da intenção de Chakwera de concorrer na corrida presidencial do MCP foram relatados pela primeira vez nos meios de comunicação online em 9 de abril de 2013.[7] Eles foram confirmados em 14 de abril de 2013.[6] Chakwera posteriormente enviou seus documentos de nomeação enquanto ainda estava à frente das Assembleias de Deus do Maláui.[8] A convenção do MCP, prevista para 27 de abril de 2013,[9] foi posteriormente adiada para 10 a 11 de agosto, onde foi eleito presidente do MCP e acabou por representar o partido nas eleições gerais de 2014. Durante as eleições gerais do Malawi de 2014, rumores especularam em diferentes plataformas que as eleições foram fraudadas. Chakwera dirigiu-se a todos os malawianos para permanecerem em paz, aceitarem o resultado e aguardarem as próximas eleições. Além de ser bem-sucedido como principal presidente do partido de oposição, ele também atuava como membro do parlamento do grupo constituinte do noroeste de Lilongué.[10]

Chakwera anunciou sua renúncia como Chefe das Assembleias de Deus do Maláui (AG) com efeito em 14 de maio de 2013.[11] Ele disse que isso lhe permitiria se concentrar mais na política da linha de frente e afirmou que ainda estava servindo a Deus em outro contexto. Chakwera uniu forças com o líder da UTM, Saulos Chilima, formando uma Aliança em preparação para as eleições gerais em junho de 2020 no Maláui. Isso aconteceu quando o Tribunal descartou as eleições gerais em 2019 devido a enormes irregularidades depois que o Partido Progressista Democrático (DPP) reivindicou a vitória.[12]

Chakwera derrotou o presidente em exercício Peter Mutharika nas eleições de 2020, tendo obtido quase 59% dos votos. Chakwera foi empossado como o sexto presidente do Maláui em 28 de junho. Nesta ocasião, o Maláui fez história no norte da África subsaariana, quando um tribunal anulou as eleições presidenciais devido a irregularidades e um líder da oposição venceu as novas eleições.[1]

Referências

  1. a b «Lazarus Chakwera sworn in as Malawi president after historic win» (em inglês). bbc.com. 28 de junho de 2020. Consultado em 29 de junho de 2020 
  2. a b «Man of God, Welcome to Cut Throat Politics» (em inglês). Zodiakmalawi.com. 17 de abril de 2013. Consultado em 29 de junho de 2020. Arquivado do original em 30 de junho de 2013 
  3. «Personal Story of Lazarus Chakwera : AGTV» (em inglês). Agtv.ag.org. 24 de junho de 2010. Consultado em 29 de junho de 2020 
  4. a b Columns (15 de abril de 2013). «Malawi on the road to 2014: Rev. Dr. Lazarous Chakwera | Malawi Nyasa Times – Malawi breaking news in Malawi». Nyasa Times (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020 
  5. «On the Road to 2014: Dr. Lazarus McCarthy Chakwera» (em inglês). Malawi Voice. Consultado em 29 de junho de 2020. Arquivado do original em 4 de outubro de 2013 
  6. a b «Chakwera guns for MCP presidency» (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020. Arquivado do original em 16 de maio de 2013 
  7. «Rev Chakwera, Munlo linked to MCP leadership contest: Malawi on the road to 2014 | Malawi Nyasa Times – Malawi breaking news in Malawi». Nyasa Times (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020 
  8. «Chakwera presents nomination papers for MCP presidency: Malawi road to 2014 | Malawi Nyasa Times – Malawi breaking news in Malawi». Nyasa Times (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020 
  9. «Malawi Congress Party convention postponed indefinitely | Malawi Nyasa Times – Malawi breaking news in Malawi». Nyasa Times (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020 
  10. «Malawi election: Peter Mutharika wins presidential vote». BBC (em inglês). 30 de maio de 2014. Consultado em 29 de junho de 2020 
  11. Politics. «Chakwera steps down as Malawi Assemblies of God president: To concentrate on front-line politics | Malawi Nyasa Times – Malawi breaking news in Malawi». Nyasa Times (em inglês). Consultado em 29 de junho de 2020 
  12. «Malawi court overturns 2019 presidential election result». FT (em inglês). 3 de fevereiro de 2020. Consultado em 29 de junho de 2020 

Precedido por
Peter Mutharika
Presidente do Maláui
2020presente
Sucedido por
Incumbente
Ícone de esboço Este artigo sobre um presidente é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.