Lemúria (festival)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Lemuria (festival))
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Lemúria ou Lemurália era o nome de um festival da Roma Antiga celebrado nos dias 9, 11 e 13 de maio. O seu objectivo era apaziguar os espíritos dos mortos que se acreditava rondarem pelas casas.

Segundo as informações transmitidas por Ovídio, este festival foi instituído por Rómulo como forma de apaziguar o espírito do seu irmão Remo, (por si morto) e que o nome original do festival era Remúria. Durante o período do festival os templos encontravam-se encerrados e evitava-se casar durante o mês de maio. Dizia-se que aqueles que casavam em maio morreriam pouco tempo depois.

Os ritos do festival eram celebrados à meia-noite de cada um dos dias. O pater familias, descalço, dava voltas à casa, ao mesmo tempo que estalava os dedos para afastar os espíritos. Depois lavava as mãos em água de uma nascente, pegava em favas e atirava-as para trás das costas (estas favas seriam supostamente consumidas pelos espíritos) e afirmava nove vezes em voz alta que fazia aquele acto para redimir a família, sem nunca olhar para trás. O pater familias voltava a lavar as mãos e batia em bronze, pedindo aos espíritos dos seus antepassados para que abandonassem a sua casa; só então é que poderia olhar para trás.


Ícone de esboço Este artigo sobre Roma Antiga e o Império Romano é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.