Lensman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lensman
Amazing stories 193403.jpg
Livros
  1. Triplanetary (1934) Triplanetária (4 partes, Janeiro-Abril de 1934, Amazing Stories)
  2. First Lensman (1950) O Planeta Secreto (1950, Fantasy Press)
  3. Galactic Patrol (1950) Patrulha Galáctica (6 partes, Setembro de 1937 - Fevereiro de 1938, Astounding Stories)
  4. Gray Lensman (1951) Heróis Galácticos 4 parts, October 1939-January 1940, Astounding Stories)
  5. Second Stage Lensman (1953) A Lei do Espaço (4 parts, November 1941-February 1942, Astounding Stories)
  6. Children of the Lens (1954) Os Filhos do Cosmos (4 parts, November 1947-February 1948, Astounding Stories)
  7. The Vortex Blaster (1960) aka Masters of the Vortex Os Senhores do Vórtice
  8. New Lensman (1976) by William B. Ellern (escrito a partir das suas notas, manuscritos não publicados ou baseados em trabalhos anteriores)
Autor E.E.Doc.Smith
Título original Lensman
Idioma original inglês
Publicado entre 1934 - 1948
Editora  Estados Unidos
Fantasy Press
País  Estados Unidos
 Portugal/ Brasil
Livros do Brasil (Coleção Argonauta)
Gênero Space Opera

A série Lensman é uma série literária de ficção científica do gênero space opera, criada por Edward Elmer "Doc" Smith. A série foi indicada para o Prêmio Hugo de Melhor série de todos os tempos (o vencedor foi a série Fundação de Isaac Asimov).[1]

Originalmente, a série consistiu nos quatro romances Galactic Patrol, Gray Lensman, Second Stage Lensman, e Children of the Lens publicados entre 1937 e 1948 nas revista Astounding Stories.[2] Em 1948, por sugestão do Lloyd Arthur Eshbach (editor das edições originais dos livros de Lensman), Smith reescreveu Triplanetary, publicada em 1934 na revista Amazing Stories, para se encaixar como prequela da série Lensman. O primeiro Lensman romance de foi escrito em 1950 para servir como um elo entre Triplanetary e Galactic Patrol, até que finalmente, Smith revisou o resto da série para remover inconsistências entre a cronologia original de Lensman e Triplanetary.[3]

Adaptações[editar | editar código-fonte]

Anime
Ver artigo principal: Lensman (anime)

Galactic Patrol Lensman (GALACTIC PATROL レンズマン?) É uma série japonesa de anime baseada na série Lensman. A série possui 25 episódios e foi ao ar de 06 de outubro de 1984 a 08 de agosto de 1985 no Japão. Os primeiros quatro episódios da série animada foram lançadas como um filme, totalmente editados pela Harmony Gold USA.[4][5]

Histórias em quadrinhos[editar | editar código-fonte]

Entre 1990 e 1991, a Eternity Comics publicou histórias em quadrinhos no estilo mangá, baseadas no anime Galactic Patrol Lensman.[6]

Jogos[editar | editar código-fonte]

A série foi adaptada em dois wargames: Lensman[7] e Triplanetary.[8][9]

Em 1993, a Steve Jackson Games lançou um suplemento para o seu RPG GURPS intitulado Gurps Lensman: Starkly Astounding Space-Opera Adventure.[10]

Referências

  1. The Locus Index to SF Awards: 1966 Hugo Awards
  2. Joseph Sanders (1986). E.E. "Doc" Smith. Wildside Press LLC. pp. 91–. ISBN 978-0-89370-951-8.
  3. Lester Del Rey (1980). The world of science fiction, 1926-1976: the history of a subculture Garland Pub. [S.l.] 9780824014469. 
  4. «Galactic Patrol Lensman». Anime News Network. 
  5. Renato Viliegas (2000). "Revista Henshin! #8 - Se não fosse por eles..." , Editora JBC. ISSN 1518-3785
  6. Maggie Thompson, Brent Frankenhoff e Peter Bickford (2009). 2010 Comic Book Checklist & Price Guide Krause Publications [S.l.] p. 415. 9781440203862. 
  7. Miller, Marc W. (2007). "Lensman". In Lowder, James. Hobby Games: The 100 Best. Green Ronin Publishing. 176–178 p. ISBN 978-1-932442-96-0.
  8. Jackson, Stev (6 de Julho de 1998). "The Return of Triplanetary". Steve Jackson Games.
  9. RPG: GURPS
  10. «Lensman» (PDF). Steve Jackson Games. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Lensman
Ícone de esboço Este artigo sobre ficção científica e fantasia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.