Leopardo-da-indochina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde dezembro de 2009). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaLeopardo-da-indochina
Estado de conservação
Espécie vulnerável
Vulnerável
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Família: Felidae
Género: Panthera
Espécie: P. pardus
Subespécie: P. p. delacouri
Nome trinomial
Panthera pardus delacouri
Pocock, 1930

O leopardo-da-indochina (Panthera pardus delacouri), também conhecido como leopardo-indochinês, é uma subespécie de leopardo nativo do sudeste da Ásia e sul da China.[1]

População[editar | editar código-fonte]

Em uma floresta tropical altamente fragmentada na capital da Malásia, o número de leopardos foi estimado em 28,35 indivíduos por cada 100 km² , que é uma das maiores densidades de leopardo já relatados. Como resultado da diminuição rápida das florestas, os indivíduos podem ter sido empurrados para o que restou da floresta nesta área, de modo que a sua população é inesperadamente elevada. Estes leopardos-da-indochina foram principalmente afetados por atividades de construção realizadas no interior da floresta.

Referências

  1. Henschel, P., Hunter, L., Breitenmoser, U., Purchase, N., Packer, C., Khorozyan, I., Bauer, H., Marker, L., Sogbohossou, E., Breitenmoser-Würsten, C. (2008). «Leopardo-da-indochina». Lista Vermelha da IUCN de espécies ameaçadas da UICN 2014.3 (em inglês). ISSN 2307-8235 
Ícone de esboço Este artigo sobre Felídeos, integrado ao WikiProjeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.