Leovigildo Franco de Sousa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Leovigildo Franco de Sousa.

Leovigildo Queimado Franco de Sousa (Évora, 9 de Setembro de 1892 - 1968)[1] foi um político, Engenheiro Agrónomo e banqueiro português, responsável pelo ministério da Agricultura entre 11 de Abril e 24 de Julho de 1933, como sub-secretário de Estado, e de 24 de Julho de 1933 a 23 de Outubro de 1934, como ministro. Licenciado em Agronomia pelo Instituto Superior de Agronomia de Lisboa, fez parte do Conselho de Administração da Caixa Geral de Depósitos entre 1935 e 1962.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.