Levir Culpi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Levir Culpi
Levir Culpi
Levir Culpi 2016
Informações pessoais
Nome completo Levir Culpi
Data de nasc. 28 de fevereiro de 1953 (63 anos)
Local de nasc. Curitiba (PR), Brasil
Nacionalidade  brasileira
Informações profissionais
Equipa atual Brasil Fluminense
Posição Ex-zagueiro
Função Treinador
Clubes de juventude
Brasil Coritiba
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1971–1972
1973–1974
1974–1976
1977–1981
1979–1980
1982–1984
1985–1986
Brasil Coritiba
Brasil Botafogo
Brasil Santa Cruz
Brasil Colorado
México Atlante
Brasil Figueirense
Brasil Juventude
Times/Equipas que treinou
1986
1986–1987
1988
1988–1989
1989–1990
1990
1991
1992
1992
1993
1994
1994–1995
1995
1996
1997
1998–1999
2000
2001
2001
2002
2003–2004
2004
2005
2005
2006–2007
2007–2013
2014–2015
2016–
Brasil Juventude
Brasil Atlético Paranaense
Brasil Marcílio Dias
Brasil Inter de Limeira
Brasil Criciúma
Brasil Internacional
Brasil Coritiba
Brasil Criciúma
Arábia Saudita Al-Ettifaq
Brasil Paraná
Brasil Guarani
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Portuguesa
Brasil Cruzeiro
Japão Cerezo Osaka
Brasil Cruzeiro
Brasil São Paulo
Brasil Sport
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Palmeiras
Brasil Botafogo
Brasil Atlético Paranaense
Brasil Cruzeiro
Brasil São Caetano
Brasil Atlético Mineiro
Japão Cerezo Osaka
Brasil Atlético Mineiro
Brasil Fluminense
Última atualização: 21 de maio de 2016

Levir Culpi (Curitiba, 28 de fevereiro de 1953) é um ex-futebolista que atuava como zagueiro e treinador brasileiro. Atualmente é técnico do Fluminense.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Iniciou-se como treinador logo após encerrar sua carreira dentro das quatro linhas, em 1986, no Juventude de Caxias do Sul. Mostrou talento como treinador quando comandou os três grandes clubes do futebol paranaense: Atlético Paranaense, Coritiba e Paraná, tendo destacado-se nacionalmente quando dirigiu o Cruzeiro, com o qual sagrou-se campeão da Copa do Brasil de 1996 vencendo o badalado time do Palmeiras. Na condição de técnico do São Paulo foi campeão paulista em 2000 e vice da Copa do Brasil.[1]

Dirigiu ainda o Criciúma na Copa Libertadores da América de 1992 e levou o time catarinense às quartas-de-final (5° lugar). Além da Portuguesa e o time japonês Cerezo Osaka, em 1997. Protagonizou um dos mais tristes momentos da história do Palmeiras no ano de 2002, assumindo o cargo de técnico do clube em situação desesperadora e não conseguindo salvar o clube do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro.[2]

No ano seguinte, Levir foi contratado pelo Botafogo, time que foi rebaixado junto com o Palmeiras em 2002. Levir Culpi conduziu o time a um vice-campeonato da Série B, trazendo-o volta para a elite do futebol com uma das duas vagas de acesso à Série A.

Em 2006 levou o Atlético Mineiro, de forma brilhante, de volta à elite do futebol brasileiro. Tendo assumido o comando do time no meio do campeonato, com o time na incomoda 14ª posição, Levir formou uma grande equipe e, contando com os gols de Marinho e com as boas atuações de atletas formados no clube, como Lima, Diego e Rafael Miranda, levou o time ao título do Campeonato Brasileiro Série B em 2006. Mantendo essa base, foi Campeão Mineiro em 2007. Depois foi para o Cerezo Osaka, do Japão, ficando até o fim da temporada 2011 no futebol japonês.[3] Retornou ao comando da equipe japonesa no meio de 2012, para tentar salvá-la do descenso à J-League 2.

Atlético Mineiro (4ª passagem)[editar | editar código-fonte]

No dia 24 de abril de 2014, foi anunciado como substituto de Paulo Autuori no comando do Atlético Mineiro. Esta será a quarta passagem de Levir Culpi pelo clube mineiro.[4]

No dia 4 de setembro de 2014, contra o Palmeiras válido pela Copa do Brasil, Levir Culpi completou 200 jogos comandando o Atlético Mineiro, tornado assim, o 4º treinador que mais treinou o Atlético Mineiro na história. A partida terminou com a vitória do Galo por 2x0, no Estádio Independência.[5]

Ao final de 2014, após uma excelente temporada, tendo liderado o Atlético nas vitoriosas campanhas da Recopa Sul-Americana e da Copa do Brasil, o treinador teve seu contrato renovado por mais uma temporada.[6]

Em 2015, logo na primeira partida oficial da temporada, vitória atleticana por 2 a 0 sobre o Tupi, Levir chegou ao jogo de número 228 à frente da equipe alvinegra, tornando-se o terceiro treinador com mais jogos pelo clube. Com a nova marca, o treinador fica atrás apenas de Telê Santana com 434 jogos, e Procópio Cardoso com 328.[7]

No dia 3 de maio de 2015, Levir voltou a escrever seu nome na história do Campeonato Mineiro ao se sagrar campeão mineiro de 2015, pelo Atlético. Com mais esta conquista, a quinta do treinador, se isolou como o maior vencedor da história do Campeonato Mineiro, na era profissional do futebol. Antes, já havia erguido a taça com o próprio Galo em 1995 e 2007, além do Cruzeiro, em 1996 e 1998.[8]

Deixou o comando do Atlético Mineiro em 26 de novembro de 2015, exatamente um ano após a conquista da Copa do Brasil. Ele foi demitido com total de 288 partidas com 154 vitórias 60 empates e 74 derrotas, com 493 gols marcados 184 gols sofridos. Entre os seis títulos conquistados, certamente a Copa do Brasil, que completa um ano nesta quinta-feira, é o mais marcante e importante.[9]

Fluminense[editar | editar código-fonte]

No dia 04/03/2016, Levir Culpi foi anunciado como novo técnico do Fluminense.[10] O clube já havia feito mistério horas antes divulgando um vídeo que mostra uma fumaça branca saindo de uma chaminé.[11] Levir chegou em um momento de reformulação do clube, após uma crise que "derrubou" o vice-presidente, diretor-executivo e o técnico Eduardo Baptista do clube carioca.[12]

- " Torcedores do Tricolor, preparem suas caixinhas de remédio. Estou levando a minha. Vamos ter emoções, fortes emoções. Espero encontrá-los em breve. Estou feliz e motivado. Um abraço! " - Levir Culpi[13]

Logo em 20 de abril de 2016, em um mês e meio no Fluminense, conquistou o titulo da Primeira Liga do Brasil de 2016[14] .

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Clube Jogos Vitórias Empates Derrotas
Atlético Mineiro 288 154 60 74
Cruzeiro 34 19 9 6
Fluminense 16 9 5 2

Títulos como treinador[editar | editar código-fonte]

Criciúma
Paraná
Cruzeiro
São Paulo
Atlético Mineiro
Fluminense

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Cruzeiro
São Paulo
Sport
Botafogo
Atlético-PR
Atlético-MG

Referências

  1. Site Oficial Levir Culpi (20.03.2012). «Levir Culpi». Consultado em 13.10.2014. 
  2. Folha de S.Paulo - Pesadelo se torna realidade e Palmeiras é rebaixado para a 2ª divisão (17/11/2002)
  3. Futebol Interior (16.11.2011). «Levir Culpi anuncia que não renovará contrato com o Gamba Osaka». Consultado em 13.11.2011. 
  4. Globoesporte - Horas após saída de Autuori, Galo age rápido e acerta contratação de Levir (24/04/2014)
  5. Globoesporte - Técnico Levir Culpi recebe placa em homenagem aos 200 jogos pelo Atlético-MG (04/09/2014)
  6. «Galo renova com Levir, e presidente o compara com o amor por sua mulher». http://globoesporte.globo.com/.  Ligação externa em |publicado= (Ajuda)
  7. Globoesporte - Levir Culpi supera marca e se torna o 3º técnico com mais jogos pelo Galo (01/02/2015)
  8. «Levir conquista o quinto Mineiro e marca nome na história como maior vencedor da competição». http://www.mg.superesportes.com.br.  Ligação externa em |publicado= (Ajuda)
  9. «Levir anuncia saída do Atlético-MG e não resiste ao choro: É um até logo - Futebol - UOL Esporte». esporte.uol.com.br. Consultado em 2015-11-29. 
  10. «Fluminense confirma Levir Culpi como novo técnico do time». Extra Online. Consultado em 2016-03-05. 
  11. «Fluminense posta 'fumaça branca' e tendência é que Levir Culpi seja anunciado». RedeTV! - Jornalismo. Consultado em 2016-03-05. 
  12. «Após demissão de Eduardo Baptista, Fluminense também dispensa vice de futebol». ESPN. Consultado em 2016-03-05. 
  13. «Flu continua reformulação e anuncia Levir Culpi como novo treinador». globoesporte.com. Consultado em 2016-03-05. 
  14. FLUMINENSE FOOTBALL CLUB, Site oficial do - Diferenciado, Levir comemora título pioneiro da Copa da Primeira Liga, página editada e disponível em 21 de abril de 2016

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Perfil de Levir Culpi na Galo Digital

Precedido por
Ernesto Guedes
Treinador do Internacional
1990
Sucedido por
Valdir Espinosa
Precedido por
Antônio Lopes
Nelsinho Batista
Marco Aurélio Moreira
Treinador do Cruzeiro
1996
1998–1999
2005
Sucedido por
Oscar Bernardi
Paulo Autuori
Paulo César Gusmão
Precedido por
Valdir Espinosa
Zé Maria (interino)
Marcelo Oliveira (interino)
Paulo Autuori
Treinador do Atlético Mineiro
1994–1995
2001
2006–2007
2014–2015
Sucedido por
Gaúcho
Marcelo Oliveira (interino)
Tico dos Santos
Diego Aguirre
Precedido por
Hiroshi Sowa
Satoshi Tsunami
Sérgio Soares
Treinador do Cerezo Osaka
1997
2007–2011
2012–2013
Sucedido por
Yasutaro Matsuki
Sérgio Soares
Ranko Popović
Precedido por
Milton Cruz (interino)
Treinador do São Paulo
2000
Sucedido por
Vadão
Precedido por
Jair Pereira
Treinador do Sport Recife
2001
Sucedido por
Hugo Benjamim
Precedido por
Carlos Alberto Torres
Treinador do Botafogo
2003–2004
Sucedido por
Mauro Galvão
Precedido por
Mário Sérgio
Treinador do Atlético Paranaense
2004
Sucedido por
Casemiro Mior
Precedido por
Eduardo Baptista
Treinadores do Fluminense
2016–
Sucedido por
''