Lia Clark

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lia Clark
Lia Clark em um evento em 2018.
Informação geral
Nome completo Rhael Lima de Oliveira
Nascimento 15 de fevereiro de 1992 (27 anos)
Origem Santos, SP
Nacionalidade Brasileira
Gênero(s)
Ocupação(ões)
Período em atividade 2016–presente
Afiliação(ões)

Rhael Lima de Oliveira (Santos, 15 de fevereiro de 1992), mais conhecido como Lia Clark, é uma cantora, compositora drag queen brasileira. Tornou-se nacionalmente conhecida no ano de 2016 ao lançar a música "Trava Trava". Por ser considerada a primeira drag queen do universo do funk brasileira, Lia foi classificada pela imprensa como uma pioneira no segmento no país.[1][2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Rhael Lima de Oliveira nasceu em 15 de fevereiro de 1992 em Santos, sendo criado em um bairro periférico da cidade, no qual começou a ter contato com o funk e outros ritmos das comunidades.[3] Durante a infância sofreu preconceito de colegas de escola e familiares por se comportar de uma forma feminina, longe dos padrões tidos como masculinos, sendo que na adolescência compreendeu sua homossexualidade.[4] Em 2010 ingressou no curso de Engenharia de Produção pela Escola Superior de Administração, Marketing e Comunicação de Santos, no qual se formou em 2013.[5] Após formar-se começou a trabalhar em uma empresa de importação e exportação em sua cidade natal.[6] Na mesma época descobriu o universo drag queen e vestir-se como tal.[3] Em 2014 passou a trabalhar paralelamente como DJ em boates noturnas da baixada santista como drag queen, adotando o nome de Lia Clark, tornando-se conhecida por comandar festas de funk carioca e intitulada informalmente como a "drag queen do funk".[3]

Carreira[editar | editar código-fonte]

No início de 2016, a artista decidiu lançar-se na carreira musical com o single "Trava Trava", em parceria com o produtor Pedrowl.[7] Rapidamente, a canção alcançou grande visibilidade nas plataformas de streaming, chegando a segunda posição das canções mais virais do mundo no Spotify, e no Youtube, com o videoclipe sendo visualizado mais de 30 mil vezes apenas no dia do lançamento.[8][9] "Nunca imaginei que atingiria as pessoas do Brasil inteiro", afirmou a artista, que lançou a canção sem pretensões.[10] O videoclipe de "Trava Trava" lhe rendeu uma menção honrosa no festival colombiano Bogotá Music Video Festival, enquanto o sucesso da canção levou Lia a embarcar na turnê "Trava Trava Tour" durante 2016.[11] Com o sucesso do single, a demanda pelo trabalho de Clark rapidamente cresceu, e a artista tornou-se uma das expoentes do movimento drag funk no Brasil.[12]

Em setembro de 2016, a cantora lançou seu primeiro EP, intitulado "Clark Boom", que conta com 7 canções. O show de lançamento do EP ocorreu em outubro, e imediatamente estendeu-se em uma turnê nacional.[13] A cantora também abriu o show da Banda Uó, no mesmo mês.[14] No final do ano, Clark foi listada pela MTV como uma das 10 revelações da música nacional.[15] Em janeiro de 2017, Clark lançou o videoclipe do single "Chifrudo" em parceria com a funkeira Mulher Pepita. Logo no mês seguinte, o alcance e a popularidade do vídeo renderam à artista uma parceria com a marca de cosméticos Avon com a criação do "Baile de Boneca", um bloco de Carnaval inspirado no clipe de "Chifrudo". O evento, que visa a divulgação da linha de maquiagem "Mark", foi realizado em 25 de fevereiro na cidade de São Paulo.[16][17][18][19] Em julho de 2017, Lia Clark postou o videoclipe de "Boquetáxi" em seu canal do YouTube. O video causou polêmica por seu conteúdo picante e recebeu uma restrição de idade, onde apenas maiores de 18 anos poderiam assistir. A restrição tirou o video do #1 dos vídeos em alta do YouTube e irritou Lia, que reclamou de homofobia e machismo, já que "vários cis heteros postam musicas assim e não sofrem restrição". Um dia após a reclamação de Lia, o sistema tirou a restrição de "Boquetáxi".

Características musicais[editar | editar código-fonte]

Lia citou como sua principal influência a rapper estadunidense Nicki Minaj, tendo ainda outras referências como Britney Spears e Dev, além das brasileiras Valesca Popozuda, Anitta e Kelly Key.[20][21]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Álbum Detalhes
É da Pista
  • Lançamento: 22 de novembro de 2018
  • Formatos: CD, download digital
  • Gravadora: Independente

Extended plays (EPs)[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns
Álbum Detalhes
Clark Boom[22]
  • Lançamento: 29 de setembro de 2016
  • Formatos: EP, download digital
  • Gravadora: Independente
Estúdio Showlivre (Ao Vivo)[23]
  • Lançamento: 3 de março de 2017
  • Formato: Download digital
  • Gravadora: Independente

Singles[editar | editar código-fonte]

Como artista principal
Canção Ano Álbum
"Trava Trava"[24] 2016 Clark Boom
"Clark Boom"[25]
"Chifrudo"[26]
(part. Mulher Pepita)
2017
"Tome Curtindo" (Brabo Remix)[27]
(part. Pabllo Vittar)
"Boquetáxi"[28]
"Tipo de Garota"[29] 2018 É da Pista
"Q.M.T."
"Bumbum no Ar"[30]
(part. Wanessa Camargo)
"Tu Aguenta"
(part. Dj Thai)
"Taca Raba"
(part. PANKADON)
2019
"Terremoto"
(part. Gloria Groove)
Como artista convidada
Canção Ano Álbum
"Berro"[31]
(Heavy Baile part. Lia Clark e Tati Quebra-Barraco)
2017 Carne de Pescoço
"Lento"
(Kika Boom part. Lia Clark)
2018 Não adicionado à nenhum álbum

Singles promocionais[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Álbum
"Ceia (Vem Papá Noel)"[32] 2016 Não adicionado à nenhum álbum

Outras aparições[editar | editar código-fonte]

Canção Ano Outro(s) artista(s) Álbum
"Ele é o Tal" 2017 Pabllo Vittar, Laura Taylor e Rodrigo Gorky Vai Passar Mal

Vídeos musicais[editar | editar código-fonte]

Título Ano Diretor(es)
"Trava Trava" 2016 Gabriel Riccieri[33]
"Clark Boom" Alexandre Mortágua[34]
"Chifrudo" 2017 Gabriel Riccieri[35][36]
"Boquetáxi"
"Berro" Ana Paula Paulino, Cauã Csik e Cherry Rocha[37]
"Tipo de Garota" 2018 Rodrigo de Carvalho[38]
"Q.M.T." Os Primos
"Lento" Nathália Mendes
"Bumbum No Ar" Felipe Sassi
"Tu Aguenta" Gabriel Riccieri
"Taca R*ba" 2019

Turnês[editar | editar código-fonte]

  • Turnê Trava Trava (2016)
  • Clark Boom Tour (2016–2018)
  • É da Pista Tour (2019-presente)

Referências

  1. «"Quero que as pessoas se divirtam"». Jornal O POPULAR. 13 de outubro de 2016 
  2. Queiroz, Renato (13 de outubro de 2016). «Primeira drag queen funkeira, Lia Clark vira musa e rouba a cena em festas com o hit Trava Trava». Jornal O POPULAR 
  3. a b c «FQ Entrevista: "Estou vivendo esse momento", diz Lia Clark após um ano de 'Clark Boom'». Fica Quietinho. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  4. Queiroz, Renato (13 de outubro de 2016). «Primeira drag queen funkeira, Lia Clark vira musa e rouba a cena em festas com o hit Trava Trava». Jornal O POPULAR 
  5. Marketing, Mkt Virtual - Interactive (27 de janeiro de 2016). «Lia Clark e o Trava Trava - Juicy Santos». Juicy Santos 
  6. «Conheça Lia Clark, drag queen funkeira que superou Metralhadora e Baile de favela nas paradas - Fotos - R7 Pop». entretenimento.r7.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  7. «Batemos um papo com Lia Clark, que está lançando seu primeiro funk "Trava Trava"». MdPop. 15 de fevereiro de 2017. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  8. «Conheça Lia Clark, drag queen funkeira que superou Metralhadora e Baile de favela nas paradas - Fotos - R7 Pop». entretenimento.r7.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  9. «Conheça Lia Clark, drag queen funkeira que superou Metralhadora e Baile de favela nas paradas - Fotos - R7 Pop». entretenimento.r7.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  10. Souza, Alan Victor (5 de fevereiro de 2016). «"Sou inspirada pelas mulheres frutas e Andressa Urach", diz drag queen funkeira - Home - iG». iGay 
  11. «Lia Clark recebe menção honrosa em festival na Colômbia». Midiorama. 4 de dezembro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  12. «Lia Clark lança seu EP de estreia, "Clark Boom"». Portal It Pop. 29 de setembro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  13. «Drag queen Lia Clark lança clipe de "Clark Boom" e anuncia EP». Papel Pop. 22 de setembro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  14. «Banda Uó anuncia show com drag queen Lia Clark». Portal PopLine. 5 de outubro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  15. «Retrospectiva MTV: 10 revelações da música nacional». MTV Brasil. 16 de dezembro de 2016. Consultado em 15 de fevereiro de 2017 
  16. «Bloco 'Baile de Boneca', do clipe 'Chifrudo', vai ganhar as ruas de SP em parceria com a Avon – Pheeno». pheeno.com.br. Consultado em 18 de junho de 2017 
  17. «Lia Clark e Mulher Pepita são a dupla mais perigosa do Carnaval no clipe de "Chifrudo" - PAPELPOP». PAPELPOP. 26 de janeiro de 2017 
  18. «Lia Clark e Mulher Pepita lançam clipe de 'Chifrudo'» 
  19. «"Chifrudo": Precisamos falar sobre a parceria chiclete de Lia Clark e Mulher Pepita!». portalpopline.com.br. Consultado em 18 de junho de 2017 
  20. Souza, Alan Victor (5 de fevereiro de 2016). «"Sou inspirada pelas mulheres frutas e Andressa Urach", diz drag queen funkeira - Home - iG». iGay 
  21. Souza, Alan Victor (5 de fevereiro de 2016). «"Sou inspirada pelas mulheres frutas e Andressa Urach", diz drag queen funkeira - Home - iG». iGay 
  22. «Clark Boom - EP de Lia Clark no Apple Music». iTunes. Consultado em 18 de junho de 2017 
  23. «Lia Clark: Lia Clark no Estúdio Showlivre (Ao Vivo) – Música no Google Play». play.google.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  24. «Lia Clark: Trava Trava - Music on Google Play». Consultado em 18 de junho de 2017 
  25. «Estamos apaixonados por Clark Boom, o novo single (e clipe) da drag queen Lia Clark!». Que Delícia, né Gente?. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  26. «Veja a performance de Lia Clark e Mulher Pepita em show em estádio no RJ». portalpopline.com.br. Consultado em 18 de junho de 2017 
  27. «Lia Clark: Tome Curtindo (Brabo Remix) [feat. Pabllo Vittar] – Música no Google Play». play.google.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  28. «Boquetáxi». iTunes. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  29. «Tipo de Garota». iTunes. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  30. «First Listen: Ouvimos "Bumbum No Ar", de Lia Clark e Wanessa Camargo, e a gente pode dizer que é Pop sim». Popline. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  31. «Berro». iTunes. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  32. «Lia Clark: Ceia (Vem Papá Noel) – Música no Google Play». play.google.com. Consultado em 18 de junho de 2017 
  33. «ideoclipe Caiçara: Lia Clark - Trava Trava». iTunes. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  34. «Um papo com o diretor de "Todos Nós 5 Milhões"». RedBull. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  35. «Lia Clark lança o clipe "Chifrudo" com a Mulher Pepita». Superpride. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  36. «Lia Clark tá usando e abusando dos táxis no seu novo clipe, "Boquetáxi"». Portal It Pop. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  37. «Heavy Baile, Lia Clark eTati Quebra Barraco lacram na laje no clipe de 'BERRO'». Fica Quietinho. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 
  38. «'Tipo de Garota': Provocativa e rebolativa, Lia Clark lança novo clipe». Midiorama. Consultado em 6 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]