Liceu Salesiano Nossa Senhora Auxiliadora

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Liceu Salesiano Nossa Senhora Auxiliadora
LSNSA
Informação
Localização Campinas, São Paulo,
Tipo de instituição Privado
Fundação 1897 (124 anos)
Cores      Azul
     Vermelho
Mantenedora Município
Diretor(a) Pe. Alexandre Luís de Oliveira - SDB
Página oficial
http://www.liceu.com.br

O Liceu Salesiano Nossa Senhora Auxiliadora, mais conhecido como Liceu, é um colégio da Rede Salesiana de Escolas, situado em Campinas.

História[editar | editar código-fonte]

Liceu Nossa Senhora Auxiliadora meados do século XX.

No século XIX, Campinas era assolada por uma epidemia de febre amarela e a sociedade se mobilizou diante deste problema, destacando a figura de Maria Umbelina Alves Couto. Compadecida com as crianças e jovens que perderam seus entes para a epidemia, resolveu criar uma entidade que os acolhessem. Assim começou a angariar recursos financeiros junto a sociedade campineira, conseguindo os benfeitores Geraldo Ribeiro de Sousa Resende e Maria Amélia Barbosa de Oliveira (Barões Geraldo de Resende) e o casal Francisco e Amélia Bueno de Miranda, doadores do terreno onde foram erguidos o colégio e o abrigo [1] .

O colégio foi fundado em 1897 por Maria Umbelina Alves Couto e Dom João Batista Correia Néri, mais tarde primeiro bispo de Campinas. Foi entregue aos cuidados dos padres salesianos, tornando-se o Lyceo de Artes e Officios Nossa Senhora Auxiliadora.

Arquitetura[editar | editar código-fonte]

Em um terreno de 43.443 m² no bairro Guanabara, foi inaugurado com um terço do total do edíficio existente hoje: o corpo central, a a lateral direita com três andares e o pavimento térreo da lateral esquerda.

A porta de entrada era precedida por um pórtico, cuja laje era sustentada por quatro pilares com três arcos de estilo romano. Esse pórtico compreendia toda a lateral já edificada, ornado por treze arcadas apoiadas em colunas. O pé direito era alto, em torno de 4,5 metros a 5,5 metros, para evitar o calor.

No último andar do corpo central destaca-se o relógio ofertado pelo Sr. João Engler. O projeto do engenheiro Domingos Delpiano utilizou elementos dos estilos gótico e romano, composição característica do ecletismo predominante na arquitetura do final do século XIX e início do século XX, seguindo construções européias desse período [2].

Cursos oferecidos[editar | editar código-fonte]

Ele oferece Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio Integral, sendo considerado um dos melhores da cidade devido à sua infra-estrutura, a qual inclui: bibliotecas, ginásio poliesportivo (Coliseu), acesso a computadores e a laboratórios.

Referências

  1. «História». Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora. Consultado em 10 de junho de 2020 
  2. «Patrimonio Historico e Cultural > Cultura > Governo | Prefeitura Municipal de Campinas». www.campinas.sp.gov.br. Consultado em 10 de junho de 2020 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre escolas ou colégios é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.