Liga Metropolitana de Desportos Terrestres

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Liga Metropolitana de Desportos Terrestres
Logotipo oficial.
Tipo Desportiva
Fundação 1917
Extinção 1935
Sede Rio de Janeiro, DF, Brasil

A Liga Metropolitana de Desportos Terrestres (LMDT) foi uma entidade criada pelos principais clubes de futebol da cidade do Rio de Janeiro para organizar o Campeonato Carioca.[1]

História[editar | editar código-fonte]

A LMDT foi fundada em 1917, teve como principal bandeira a manutenção do amadorismo, herdada da liga anterior, a Liga Metropolitana de Sports Athleticos (LMSA).[1] Fora criada com o objetivo principal de manter, organizar e oficializar a prática do futebol de acordo com os conceitos dos clubes fundadores, todos eles pertencentes às classes mais abastadas da cidade, que davam ao futebol um status de uma "tradição inventada" delimitada pelo amadorismo.

A entidade reuniu as principais equipes do futebol carioca em um único campeonato até a temporada de 1923, quando começou uma série de disputas políticas entre os clubes dentro da Liga Metropolitana de Desportos Terrestres. Resultando na saída dos principais membros da LMDT. Esses clubes dissidentes fundam, em 1924, a Associação Metropolitana de Esportes Athleticos (AMEA).

O último campeonato da entidade que contou com a participação de um clube considerado "grande" foi o de 1924, que foi vencido pelo Vasco da Gama. Clube este que passou a disputar o campeonato da Associação Metropolitana de Esportes Athleticos (AMEA) a partir de 1925. Mesmo englobando clubes de pouca expressão, a LMDT continuou organizando campeonatos estaduais até 1932. Embora esses campeonatos sejam formalmente estaduais, a atual Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) simplesmente ignora esses campeonatos pós-1925 e não os lista na cronologia oficial do Campeonato Carioca.[2] Em 1933, com fundação da Liga Carioca de Football (LCF) a Liga Metropolitana de Desportos Terrestres desistiu de rivalizar com mais uma liga e se tornou uma sub-liga da LCF, destinada exclusivamente a organizar competições amadoras da mesma – função semelhante ao do D.A. de 1949. Ou seja, os campeões da LMDT a partir de 1933,[3][4] não podem mais ser considerados campeões estaduais. A LMDT deixou de existir em 1935.[5]

Campeões da LMDT[editar | editar código-fonte]

Campeões estaduais reconhecidos pela FERJ[editar | editar código-fonte]

Campeões estaduais não reconhecidos pela FERJ[editar | editar código-fonte]

Campeões não considerados estaduais[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Historia do futebol carioca - Federações». Campeões do Futebol. Consultado em 27 de dezembro de 2016. 
  2. «Os campeões cariocas dos pobres». Consultado em 22 de dezembro de 2016. 
  3. «Rio de Janeiro Championship 1933 - Liga Metropolitana de Desportes Terrestres». RSSSF Brasil. Consultado em 27 de dezembro de 2016. 
  4. «Rio de Janeiro Championship 1934 - Liga Metropolitana de Desportes Terrestres». RSSSF Brasil. Consultado em 27 de dezembro de 2016. 
  5. «"Aí É Outra História": O Flamengo Foi Rebaixado em 1933? Verdade ou Mito?». RSSSF Brasil. Consultado em 22 de dezembro de 2016.