Liga de Basquete Feminino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Liga de Basquete Feminino (LBF)
Temporada ou competição atual:
Basketball current event.svg Liga de Basquete Feminino de 2019
LBF.jpg
Esporte Basquete
Fundada Maio de 2010
CEO Ricardo Molina Dias
Temporada inaugural 2010-11
País(es)  Brasil
Continente Flags of South American Conmebol Members.gif América do Sul
FIBA Américas
Equipes 10
Atual campeão São Paulo Basquete Campinas
Maior campeão São Paulo Americana
TV ESPN
Site oficial LBF.com.br

A Liga de Basquete Feminino é a liga oficial do Campeonato Brasileiro de Basquete Feminino, organizada com a chancela da Confederação Brasileira de Basketball, em substituição ao antigo Campeonato Nacional. É reconhecida pela FIBA (a Federação Internacional de Basquete) como a liga de basquete feminino do Brasil. O basquete é um dos esportes mais populares do Brasil, com a seleção do páis já tendo sido uma principais forças no passado.

Criada pela Liga Nacional de Basquete em maio de 2010 e mantendo sede em São Paulo, a LBF atualmente é presidida por Ricardo Molina Dias e organizada pelos clubes e federações. Na sua terceira edição, devido a uma crise financeira, não houve jogos em 2012; apenas em 2013 a disputa foi retomada em turno único e saindo logo para as finais. A partir de 2018, passa a ser exibida em TV aberta na TV Gazeta. Em 2019, a ESPN passou a fazer a transmissão dos jogos na TV fechada.

História[editar | editar código-fonte]

Torneios Anteriores[editar | editar código-fonte]

Taça Brasil[editar | editar código-fonte]

A Taça Brasil foi o primeiro torneio oficial de basquete do Brasil, criado pela Confederação Brasileira de Basketball (CBB), realizando 13 edições entre 1984 e 1997, sendo conquistado por 8 times diferentes, e o principal campeão sendo o UNIMEP, com 3 títulos.

Campeonato Nacional[editar | editar código-fonte]

Em 1998, a Taça Brasil mudou de nome para Campeonato Nacional, com um formato mais organizado de uma temporada por ano. O Campeonato foi conquistado por 8 times diferentes, sendo Ourinhos o principal campeão, com 5 títulos.

Liga de Basquete Feminino: Primeiros Anos (7 a 9 equipes)[editar | editar código-fonte]

A Liga de Basquete Feminino foi criada pela LNB. A LNB contava, na primeira temporada, com 8 clubes associados, que participam da LBF, que é organizado pelos clubes, em parceria com o Sportv e chancela da Confederação Brasileira de Basketball (CBB). Os jogos acontecem de acordo com as regras da FIBA.

Temporada[editar | editar código-fonte]

Temporada Regular[editar | editar código-fonte]

A temporada regular da LBF geralmente começa no final de Novembro e vai até final de Fevereiro.

A temporada regular funciona em um sistema onde todos os times se enfrentam 2 vezes (um jogo em casa, um fora), onde os 2 principais times se classificam para as Semifinais automaticamente, e os próximos 4 na classificação (3º ao 6º colocados) decidem as outras 2 vagas.

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Os playoffs começam logo após o fim da temporada regular, com as partidas entre os times que ficaram entre 3º e 6º na tabela, onde o melhor colocado enfrenta o pior e assim por diante, buscando as 2 vagas restantes para a Fase Final, em confrontos de 3 jogos.

A fase final dos playoffs é decidida entre os 2 primeiros colocados e os vencedores dos playoffs classificatórios, onde, entre os classificados, os confrontos são definidos pela colocação na temporada regular. Os times fazem confrontos de Semi-final, para ir à Final da LBF.

A Grande Final decide o campeão da temporada da LBF, decidida em 3 jogos, menos na 1ª edição onde foi em apenas um jogo.

Edições[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: LBF Finais
Ano Campeão Placar(es) Vice 3º lugar 4º lugar
2010-11
Detalhes
São Paulo
Santo André
1 – 0 São Paulo
Ourinhos
São Paulo
Americana
São Paulo
Catanduva
2011-12
Detalhes
São Paulo
Americana
2 – 0 São Paulo
Ourinhos
São Paulo
Catanduva
São Paulo
Santo André
2013
Detalhes
Pernambuco
Sport
2 – 0 São Paulo
Americana
Maranhão
Maranhão
São Paulo
São José
2013-14
Detalhes
São Paulo
Americana
2 – 0 Pernambuco
Sport
São Paulo
São José
Maranhão
Maranhão
2014-15
Detalhes
São Paulo
Americana
2 – 1 Pernambuco
América-PE
São Paulo
São José
Maranhão
Maranhão
2015-16
Detalhes
Maranhão
Sampaio Corrêa
3 - 1 São Paulo
Corinthians/Americana
Pernambuco
América-PE
Maranhão
Maranhão
2016-17
Detalhes
São Paulo
Corinthians/Americana
3 - 2 Pernambuco
Uninassau Basquete
São Paulo
Santo André
Maranhão
Sampaio Corrêa
2018
Detalhes
São Paulo
Basquete Campinas
3 - 2 Maranhão
Sampaio Corrêa
Pernambuco
Uninassau Basquete
Santa Catarina
Blumenau

Títulos[editar | editar código-fonte]

Por equipe[editar | editar código-fonte]

Clube Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
São Paulo Americana 4 (2011-12, 2013-14, 2014-15 e 2016-17¹) 2 (2012-13 e 2015-16¹) 1 (2010-11) 0
Pernambuco Sport 1 (2013) 1 (2013-14) 0 0
Maranhão Sampaio Corrêa 1 (2015-16) 1 (2018) 0 1 (2016-17)
São Paulo Corinthians 1 (2016-17¹) 1 (2015-16¹) 0 0
São Paulo Santo André 1 (2010-11) 0 2 (2011-12 e 2016-17) 1 (2011-12)
São Paulo Basquete Campinas 1 (2018) 0 0 0
São Paulo Ourinhos 0 2 (2010-11 e 2011-12) 0 0
Pernambuco América-PE 0 1 (2014-15) 1 (2015-16) 0
Pernambuco Uninassau Basquete 0 1 (2016-17) 1 (2018) 0
São Paulo São José 0 0 2 (2013-14 e 2014-15) 1 (2012-13)
Maranhão Maranhão 0 0 1 (2012-13) 3 (2013-14 e 2014-15, 2015-16)
São Paulo Catanduva 0 0 1 (2011-12) 1 (2010-11)
Santa Catarina Blumenau 0 0 0 1 (2018)

¹: Parceria entre SC Corinthians e Americana Basketball.

Por federação[editar | editar código-fonte]

Estado Títulos Vices 3º lugar 4º lugar
 São Paulo 6 4 5 3
 Pernambuco 1 3 2 0
 Maranhão 1 1 1 4
 Santa Catarina 0 0 0 1

Prêmios Individuais[editar | editar código-fonte]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Melhor Jogadora

Cestinha

Histórico das equipes[editar | editar código-fonte]

Equipe 2010-11 2011-12 2013 2013-14 2014-15 2015-16 2016-17 2018 2019 Participações
Pernambuco América-PE 2
São Paulo Americana¹ 7
São Paulo Araçatuba 2
São Paulo Araraquara P 1
São Paulo Barretos 1
Santa Catarina Blumenau P 4
Distrito Federal (Brasil) Brasília 10º 2
São Paulo Campinas P 2
São Paulo Catanduva 3
São Paulo Corinthians¹ 2
São Paulo Guarulhos 1
São Paulo Ituano P 2
Santa Catarina Jaraguá 1
Santa Catarina Joinville 1
Rio de Janeiro Liga Super Basketball P 1
Rio de Janeiro Mangueira 1
Maranhão Maranhão 5
São Paulo Ourinhos 4
São Paulo Presidente Venceslau 4
São Paulo Rio Claro 1
Maranhão Sampaio Corrêa P 4
São Paulo Santo André P 9
São Paulo São Bernardo/Instituto Brazolin P 2
São Paulo São Caetano 2
São Paulo São José 4
São Paulo Sorocaba/Pró Esporte P 1
Pernambuco Sport 3
Pernambuco Uninassau Basquete P 3

¹: O Americana Basketball e o SC Corinthians tiveram uma parceria de 2015 a 2017, disputando as competições com a denominação Corinthians/Americana.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]