Lilo & Stitch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura a série, veja Lilo and Stitch: The Series.
Lilo & Stitch
Lilo & Stitch (PT/BR)
 Estados Unidos
2002 •  cor •  85 min 
Direção Dean DeBlois
Chris Sanders
Produção Clark Spencer
Roteiro Dean DeBlois
Chris Sanders
História Chris Sanders
Elenco Daveigh Chase
Chris Sanders
Tia Carrere
David Ogden Stiers
Kevin McDonald
Ving Rhames
Jason Scott Lee
Zoe Caldwell
Amy Hill
Jeff Bennett
Género animação/comédia/aventura/ficção científica
Música Alan Silvestri
Edição Darren T. Holmes
Distribuição Buena Vista Pictures
Lançamento Estados Unidos 21 de Junho de 2002
Portugal 28 de Junho de 2002
Brasil 28 de Junho de 2002
Idioma inglês
Orçamento US$ 80 milhões[1]
Receita US$ 273 milhões[1]
Cronologia
Stitch! O Filme
Página no IMDb (em inglês)

Lilo & Stitch é um filme de animação de longa-metragem de diretamente em vídeo dos estúdios Disney, realizado em 2002, dirigido por Dean DeBlois e Chris Sanders, e apontado como um dos novos clássicos da Disney.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A União Federativa da Galáxia decide julgar o cientista louco Dr. Jumba Jookiba Rick por experiências ilegais, que geraram um ser altamente feroz conhecido por Experimento 626. Jumba e o experimento são condenados ao exílio, mas o monstro consegue escapar e sequestra uma nave que utiliza como meio de fuga para a Terra (que a UFG considera um planeta sem importância, usado como santuário para reprodução do mosquito).

O monstro aterrissou no Havaí, onde mora a jovem órfã Lilo Pelekai, que está ameaçada de ser removida da guarda de sua irmã mais velha Nani. Numa visita a um abrigo de animais para adotar um cachorro, Lilo acaba levando o alienígena - trazido para lá após ser atropelado por um caminhão no meio de uma noite chuvosa - e batiza-o como Stitch. Em casa Lilo então tenta conviver com seu rebelde animal de estimação enquanto este evita os esforços do Agente Pleakley e seu criador Jumba de levar Stitch de volta para seus captores.

Personagens principais e vozes[editar | editar código-fonte]

Personagens principais e vozes
Personagem Dublagem Estados Unidos Dublagem 2002 (Sigma) Brasil Redublagem 2002 (Double Sound) Brasil Dobragem Portugal
Lilo Daveigh Chase Magda Crudelli Bianca Salgueiro Filipa Maló
Stitch Christopher Sanders André Corradi Márcio Simões Carlos Freixo
Nani Tia Carrere Sabrina Sato Mareliz Rodrigues Paula Fonseca
David Kawena Jason Scott Lee Hugo Picchi Neto Ettore Zuim Henrique Feist
Jumba David Ogden Stiers Tom Cavalcante Jorge Vasconcellos Luís Mascarenhas
Pleakley Kevin McDonald Tatá Guarnieri Cláudio Galvan Rui Paulo
Cobra Bubbles Ving Rhames Luiz Laffey Paulo Flores Alfredo Brito
Grande Conselheira Zoe Caldwell Maria Helena Pader Geisa Vidal Luisa Salgueiro
Capitão Gantu Kevin Michael Richardson Affonso Amajones Sérgio Fortuna João Lagarto

Produção[editar | editar código-fonte]

Depois de diversas superproduções animadas, o presidente da Walt Disney Company Michael Eisner decidiu investir em um filme mais barato. O artista Chris Sanders foi convidado para criar a ideia de um filme, e então decidiu aproveitar o personagem "Stitch", criado em 1985 para um livro infantil que acabou não sendo produzido. O ambiente isolado onde Stitch criava o caos era originalmente o Kansas rural. Sanders resolveu mudar para o Havaí, nunca antes usado em um filme da Disney, e o novo cenário ajudou a definir a trama melhor.[2] O co-diretor de Mulan, Dean DeBlois, foi chamado para colaborar com Sanders no roteiro e direção.[3]

A equipe visitou a ilha de Kauai para buscar referências artísticas e conceituais, como a noção havaiana de família, "Ohana". A arte de Lilo & Stitch foi inspirada no peculiar traço de Sanders, com coloração baseada em aquarela em detrimento ao estilo guache que a Disney costuma usar em suas animações.[2]

Música[editar | editar código-fonte]

Alan Silvestri compôs a trilha sonora original, com canções típicas do Havaí compostas por Mark Keali'i Ho'omalu e os coros infantis das Kamehameha Schools. A música de Elvis Presley tem grande papel na trama, e na trilha sonora estão cinco composições do cantor e dois covers - "Burning Love" pela cantora country Wynonna Judd, e "Can't Help Falling in Love" pelo grupo A*Teens.[4] Uma música muito importante para o filme é ohana na qual a personagem principal fala muito a sua irmã

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Categoria Notas Resultado
2003 Oscar de Melhor Filme de Animação Lilo & Stitch Indicado
Annie Award de Melhor Voz em Filme de Animação Daveigh Chase como 'Lilo' Venceu
Satellite Award de Melhor Filme de Animação Lilo & Stitch Indicado
Saturn Award de Melhor Filme de Animação Lilo & Stitch Indicado

Lançamento em DVD, VHS e Blu-ray[editar | editar código-fonte]

Foi lançado em VHS e Disney DVD no ano de 2003 e teve três lançamentos diferentes em Disney DVD: o primeiro Disney DVD simples, a edição especial limitada; DVD + CD-ROM e a edição DisneyPLAY, onde tem somente o filme. Em 2013 foi lançado o seu primeiro Disney Blu-ray acompanhado de sua sequência Lilo & Stitch 2: Stitch Deu Defeito numa coleção com dois filmes num disco.

Continuações[editar | editar código-fonte]

O sucesso de Lilo & Stitch inspirou o retorno dos personagens em continuações em vídeo e séries animadas.

Referências

  1. a b «Lilo & Stitch». Box Office Mojo. Consultado em 5 de janeiro de 2012 
  2. a b A imagem de Lilo & Stitch (DVD). Burbank, CA: Walt Disney Home Entertainment. 2005 
  3. Moore, Roger (1 de abril de 2009). «Lilo & Stitch, Disney Feature Animation Florida's finest hour--remembered (originally published as "For Disney's Orlando animators, it's show time!" on 2002-06-16)». Orlando Sentinel. Orlando, Florida: Tribune Company 
  4. Lilo & Stitch (em inglês) no Allmusic

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Atlantis: The Lost Empire
Lista de filmes da Disney
2002
Sucedido por
Treasure Planet