Lista de jogos perfeitos da Major League Baseball

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Félix Hernández, o 23º e mais recente arremessador a conseguir um jogo perfeito na história da MLB.

Em mais de 135 anos de história da Major League Baseball, e mais de 210.000 jogos, houve apenas 23 jogos perfeitos oficiais na atual definição. Nenhum arremessador conseguiu mais do que um. O jogo perfeito de Don Larsen no jogo 5 da World Series de 1956 é o único da pós-temporada na história, além de ser um de apenas dois no-hitters após a temporada regular. Os primeiros 2 jogos perfeitos da história e também os únicos da era pré-moderna na Major League, foram jogados em 1880, com 5 dias de diferença. O mais recente foi em 15 de Agosto de 2012 por Félix Hernández dos Seattle Mariners. Houve três jogos perfeitos em 2012, com nenhum outro ano tendo mais que dois. Em contraste, houve intervalos de 23 e 33 temporadas consecutivas em que nenhum jogo perfeito aconteceu.

Os dois primeiros arremessadores que conseguiram tal feito o fizeram em 1880, sob regras diferentes em muitos aspectos do jogo atual: por exemplo, se lançava a bola de um caixa plana que ficava à 13,71 metros do home plate, eram necessárias oito bolas para se conceder um walk, e um rebatedor não era recompensado com à ida a primeira base se fosse atingido pela bola lançada (hit by pitch).[1] Lee Richmond, um pitcher canhoto do Worcester Ruby Legs, conseguiu o primeiro jogo perfeito. Jogou beisebol profissional por seis anos, dos quais em apenas três foi arremessador em tempo integral, terminando sua carreira com um cartel negativo. O segundo jogo perfeito foi alcançado por John Montgomery Ward do Providence Grays. Ward, um excelente arremessador, foi indicado ao Hall da Fama do Beisebol.

Embora por convenção tem-se que a era moderna da Major League Baseball começa em 1900, as regras essenciais do jogo moderno já valiam em 1893 . Naquele ano, a distância do pitching foi transferida de volta para 18,47 metros, onde permanece, e a caixa do arremessador foi substituído por uma laje de borracha contra a qual o arremessador foi obrigado a colocar o pé de trás. Duas outras mudanças de regras cruciais tinham sido feitas nos últimos anos: em 1887, a regra que recompensava um rebatedor atingido pela bola foi instituído na Liga Nacional (esta tinha sido a regra na American Association desde 1884; primeiramente pelo julgamento do impacto pelo árbitro, e no ano seguinte, de forma quase automática).[2] Em 1889 o número de bolas necessárias para a concessão do walk foi reduzida para quatro.[3] Assim, de 1893 em diante, os arremessadores buscaram a perfeição em um jogo cujas regras mais importantes são as mesmas de hoje, com duas exceções significativas: se conta uma foul ball como primeiro ou segundo strikeout, executada pela Liga Nacional a partir de 1901, e pela American League dois anos mais tarde, e o uso do rebatedor designado (designated hitter) em jogos da liga americana desde a temporada de 1973.[4]

Durante a era moderna do beisebol, 21 arremessadores conseguiram um jogo perfeito. A maioria deles jogando pelas ligas principais. Cinco são membros do Hall of Fame: Cy Young, Addie Joss, Jim Bunning, Sandy Koufax e Catfish Hunter. Um sexto, Randy Johnson, ganhou mais de 300 jogos e recebeu cinco vezes o prêmio Cy Young Award; considerado por certo de ser indicado ao Hall da Fama quando se tornar elegível em 2015. Roy Halladay recebeu duas vezes o prêmio Cy Young Awards e chamado para oito jogos All-Star Gameda MLB. David Cone venceu o prêmio Cy Young uma vez e foi chamado para cinco jogos All-Star. Outros três arremessadores que conseguiram um jogo perfeito, Dennis Martínez, Kenny Rogers e David Wells, venceram, cada um, mais de 200 jogos. Mark Buehrle esteve no All-Star cinco vezes em suas 15 temporadas (até 2014). Matt Cain foi a três All-Star, venceu duas vezes a World Series, e por duas vezes ficou entre os dez melhores do prêmio Cy Young. Félix Hernández também venceu um prêmio Cy Young Award, assim como participou de seis All-Stars. Para alguns, o jogo perfeito foi o destaque de uma carreira que, de outra maneira, seria chamada de normal. Mike Witt e Tom Browning foram bons arremessadores da liga; Browning participou uma vez do All-star com um cartel de 123-90 em 12 temporadas, enquanto Witt foi duas vezes all-star, com um cartel de 117-116 em 12 temporadas. Larsen, Charlie Robertson e Len Barker terminaram com um cartel negativo. Dallas Braden se aposentou com um cartel negativo após cinco temporadas devido à uma lesão no ombro. Philip Humber nunca tinha lançado tanto até completar seu jogo perfeito e suas 16 vitórias na carreira até a temporada de 2013 é menos que um terço de vitórias de qualquer outro arremessador de jogo perfeito, exceto por Braden.

Jogos perfeitos da Major League Baseball[editar | editar código-fonte]

Século XIX[editar | editar código-fonte]

Arremessador Data Jogo
Lee Richmond (Wor)
   Canhoto, 23
   5 K
12 de Junho de 1880
John Montgomery Ward (Prov)
   Destro, 20
   5 K
17 de Junho de 1880

Lee Richmond[editar | editar código-fonte]

Scorecard do jogo perfeito de Richmond

Richmond estava arremessando em sua primeira temporada completa nas grandes ligas após aparecer em um jogo em 1879. Ele era, aparentemente, considerado um bom rebatedor, pois era o segundo rebatedor na lista. Um monumento marca o local do jogo em Worcester Agricultural Fairgrounds, agora parte do campus do Becker College.[5] O feito foi reconhecido como não usual: um jornal local descreve como "o mais incrível jogo já registrado".[6][7]

John Montgomery Ward[editar | editar código-fonte]

Monte Ward conseguiu seu jogo perfeito no parque Grays em Providence. Devido ao cara ou coroa, que era o costume de acordo com as regras da época, Buffalo foi oficialmente o time da "casa", rebatendo na segunda parte de cada entrada. Na idade de 20 anos e 105 dias, Ward é o mais jovem arremessador à conseguir um jogo perfeito. Em 1881, ano seguinte ao seu feito, Ward passou mais tempo como um jogador de posição do que como arremessador; em 1885, como consequência de uma lesão no braço, se tornou um jogador de defesa (infielder) em tempo integral.[8] Os cinco dias entre os jogos de Ward e Richmond é o período mais curto entre jogos perfeitos.

Era Moderna[editar | editar código-fonte]

Arremessador Data Jogo
Cy Young (BOS)
   Destro, 37
   8 K
5 de Maio de 1904
Addie Joss (CLE)
   Destro, 28
   74 pitches, 3 K
2 de Outubro de 1908
Charlie Robertson (CHW)
   Destro, 26
   90 pitches, 6 K
30 de Abril de 1922
Don Larsen (NYY)
   Destro, 27
   97 pitches, 7 K
8 de Outubro de 1956
Jim Bunning (PHI)
   Destro, 32
   90 pitches, 10 K
21 de Junho de 1964
Sandy Koufax (LAD)
   Canhoto, 29
   113 pitches, 14 K
9 de Setembro de 1965
Catfish Hunter (OAK)
   Destro, 22
   107 pitches, 11 K
8 de Maio de 1968
Len Barker (CLE)
   Destro, 25
   103 pitches, 11 K
15 de Maio de 1981
Mike Witt (CAL)
   Destro, 24
   94 pitches, 10 K
30 de Setembro de 1984
Tom Browning (CIN)
   Canhoto, 28
   100 pitches, 7 K
16 de Setembro de 1988
Dennis Martínez (MON)
   Destro, 36
   95 pitches, 5 K
28 de Julho de 1991
Kenny Rogers (TEX)
   Canhoto, 29
   98 pitches, 8 K
28 de Julho 1994
David Wells (NYY)
   Canhoto, 34
   120 pitches, 11 K
17 de Maio de 1998
David Cone (NYY)
   Destro, 36
   88 pitches, 10 K
18 de Julho de 1999
Randy Johnson (ARI)
   Canhoto, 40
   117 pitches, 13 K
18 de Maio de 2004
Mark Buehrle (CHW)
   Canhoto, 30
   116 pitches, 6 K
23 de Julho de 2009
Dallas Braden (OAK)
   Canhoto, 26
   109 pitches, 6 K
9 de Maio de 2010
Roy Halladay (PHI)
   Destro, 34
   115 pitches, 11 K
29 de Maio de 2010
Philip Humber (CHW)
   Destro, 29
   96 pitches, 9 K
21 de Abril de 2012
Matt Cain (SF)
   Destro, 27
   125 pitches, 14 K
13 de Junho de 2012
Félix Hernández (SEA)
   Destro, 26
   113 pitches, 12 K
15 de Agosto de 2012

Cy Young[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Young fez parte de uma sequência de 24 ou 25⅓ entradas consecutivas sem rebatidas — dependendo se entradas parciais forem inclusas ou não, seja no início ou no fim da sequência. Em qualquer caso, a sequência permanece um recorde. Também faz parte da sequência de 45 entradas consecutivas em que Young não concedeu uma corrida sequer, o que foi na época um recorde.[10] Dos jogos perfeitos devidamemte documentados foi o de mais curta duração com 1 hora e 25 minutos.

Dos 20 jogos perfeitos cuja contagem de pitches está disponível, Addie Joss foi o mais eficiente com apenas 74 pitches, menos do que três por rebatedor.[11]

Addie Joss[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Joss foi o que teve mais pressão daqueles conseguidos durante a temporada regular. Com apenas quatro jogos restantes em sua programação, os Naps estavam embolados com os Tigers e os White Sox, os oponentes daquele dia. No outro time, o grande Ed Walsh, conseguiu 15 strikes e concedeu apenas quatro corridas simples. A corrida solitária e imerecida foi conseguida por dois erros (um botched pickoff e um wild pitch).[12] Os Naps terminaram o dia empatados com os Tigers na primeira posição, com os White Sox dois jogos atrás; os Tigers ainda venceriam a Liga. Joss ainda conseguiu um segundo jogo sem rebatidas válidas (no-hitter) contra os White Sox em 1910, fazendo dele e de Tim Lincecum dos San Francisco Giants os únicos arremessadores da Liga a conseguir dois no-hitters contra o mesmo time.

Charlie Robertson[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Robertson aconteceu em sua quinta aparição como arremessador e quarto início de partida nas grandes ligas. Terminou sua carreira como o que teve menos vitórias e a mais baixa porcentagem de vitórias (49–80, 38.0%) entre todos aqueles que conseguiram um jogo perfeito. Os Tigers, liderados pelo jogador/gerente Ty Cobb, acusou Robertson de aduterar a bola com óleo ou graxa.[13] Em termos de habilidade do time oponente em chegar nas bases, este é estatisticamente o mais improvável dos jogos perfeitos: o time dos Tigers de 1922 tinha uma porcentagem de chegada em bases (on-base percentage ou OBP) de 37.3.[14]

Don Larsen[editar | editar código-fonte]

Larsen não sabia que seria o arremessador do Jogo 5 da World Series de 1956 até poucas horas antes do início do jogo.[15] Esta seria seu segundo início de partida na final; durou menos que duas entradas no jogo 2. Os Dodgers tinham a mais alta porcentagem de vitórias em entradas de qualquer time que tenha sofrido um jogo perfeito: 60.4%. A imagem do catcher Yogi Berra pulando nos braços de Larsen depois do strike final é uma das mais famosas na história do beisebol.[16] Os 34 anos de diferença entre os feitos de Robertson e Larsen é o mais longo intervalo entre jogos perfeitos.

Jim Bunning[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Bunning, conseguido no Dia dos Pais, foi o primeiro da Liga Nacional desde o de Ward, 84 anos antes. Desafiando a superstição que assegura que ninguém deve falar à respeito enquanto o jogo estiver em progresso, Bunning falou com seus colegas de time sobre o jogo perfeito para aliviá-los da pressão.[17]

Sandy Koufax[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Sandy Koufax foi o último de seus quatro jogos no-hitters, conseguidos em quatro temporadas consecutivas.

O jogo perfeito de Koufax foi o primeiro conseguido em jogo noturno. Ficou próximo de ser um no-hitter duplo, pois o arremessador dos Cubs Bob Hendley concedeu apenas uma corrida, em um erro do jogador de defesa Lou Johnson na sétima entrada que não figura na pontuação. Os Dodgers pontuaram em sua única corrida na quinta entrada: Lou Johnson alcançou a primeira base em um walk, avançou para a segunda em uma rebatida de sacríficio (sacrifice bunt), roubou a terceira e marcou quando o catcher dos Cubs Chris Krug, jogou a bola para longe da terceira base na mesma jogada. O jogo também tem os recordes de menor número de rebatidas de dois times, uma, e o menor número de corredores em base em ambos os times, dois (ambos de Johnson). Os 14 strikeouts de Koufax estão empatados com Matt Cain como maior números de strikeouts alcançado por um arremessador de jogo perfeito.

Catfish Hunter[editar | editar código-fonte]

Hunter, um talentoso rebatedor, foi também a estrela em rebatidas em seu jogo perfeito. Conseguiu 3 rebatidas de 4 aparições no bastão com uma dupla e 3 corridas impulsionadas, incluindo uma rebatida simples que impulsionou o corredor para outro ponto na sétima entrada - a melhor performance ofensiva de um arremessador de jogo perfeito. Este foi o primeiro jogo sem rebatedores na história do Oakland Athletics, que tinha, na época, apenas 25 jogos em seu cartel. Também foi o mais jovem arremessador da era moderna que conseguiu o feito, com 22 anos e 30 dias de idade..[18]

Len Barker[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Barker foi o primeiro no qual rebatedores designados foram usados. Barker não alcançou uma contagem de três bolas durante o jogo inteiro.[19] O shortstop do Toronto Alfredo Griffin, que jogou no lado perdedor neste jogo, estava jogando também para os perdedores nos jogos perfeitos de Browning e Martínez. Também jogando no Toronto estava Danny Ainge, que viria à jogar 14 temporadas na National Basketball Association. Todos os 11 strikeouts de Barker vieram de swinging.[20]

Mike Witt[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Witt aconteceu no último dia da temporada de 1984. Reggie Jackson, que conseguiu a única rebatida válida do jogo na sétima entrada, estava no time vencedor no jogo perfeito de Catfish Hunter. Em 11 de Abril de 1990, Witt, que entrou durante o jogo, conseguiu um jogo no-hitter juntamente com o arremessador Mark Langston para os California Angels.

Tom Browning[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Browning veio contra o time que viria a ser o campeão da World Series naquele ano, a única vez que isso aconteceu. Um atraso de duas horas e vinte e sete minutos devido à chuva[21] fez com que o jogo começasse aproximadamente às 22:00 h. O right fielder Paul O'Neil, que jogou no lado ganhador neste jogo, também jogou no time vencedor nos jogos perfeitos dos arremessadores Wells e Cone. Browning, por pouco não se tornou o primeiro arremessador à conseguir dois jogos perfeitos, eliminando os primeiros 24 rebatedores do Phillies antes de sofrer uma rebatida dupla na nona entrada.[22]

Dennis Martínez[editar | editar código-fonte]

Martínez, nascido em Granada (Nicarágua), foi o primeiro arremessador da major league nascido fora dos Estados Unidos a conseguir um jogo perfeito. Martínez alcançou apenas uma vez a contagem de três bolas.[23] O arremessador oponente Mike Morgan conseguiu ficar sem rebatidas por cinco entradas completas. Dois dias antes, o arremessador dos Expos Mark Gardner conseguiu ficar ileso por nove entradas contra os Dodgers mas perdeu a chance de alcançar um no-hitter na décima, o que significa que os Expos ficaram muito próximos de um no-hitter e um jogo perfeito na mesma temporada. O catcher de Martínez, Ron Hassey, também seria o catcher no jogo perfeito de Len Barker. Este foi o terceiro jogo perfeito contra os Brooklyn/Los Angeles Dodgers, se juntando àqueles de Larsen e Browning; os únicos outros times que perderam mais de uma vez por jogo perfeito foram os Twins (Hunter e Wells) e os Rays (Buehrle, Hernandez e Braden).

Kenny Rogers[editar | editar código-fonte]

Rogers foi muito ajudado na fantástica jogada do center fielder Rusty Greer na rebatida de Rex Hudler, na nona entrada.[24] A performance de Rogers contra os Angels veio 10 temporadas após o jogo perfeito de Witt contra os Rangers. Os Angels e os Rangers são os únicos times da Major League a conseguir jogos perfeitos um contra o outro.

O juíz do home plate, um substituto vindo das ligas menores, Ed Bean, estava trabalhando em seu 29º jogo na Major League e sétimo atrás do plate. Bean, que estava substituindo um veterano de 17 anos, Ken Kaiser, atuou apenas mais sete vezes em jogos da MLB após a atuação de Rogers.

David Wells[editar | editar código-fonte]

Wells estudou na mesma escola que outro arremessador de jogo perfeito, Don Larsen: Point Loma High School, San Diego, California. Ambos gostavam da vida noturna. Casey Stengel disse uma vez sobre Larsen: "A única coisa que ele tem medo é de dormir." Wells afirma que estava "meio bêbado" e sofrendo de uma "ressaca de chocalhar a cabeça" durante seu jogo perfeito.[25] O jogo perfeito de Wells fez parte da sequência de 38 rebatedores vencidos (12 à 23 Maio de 1998), recorde da American League até 2007. Dos jogos perfeitos devidamente documentados, foi o mais longo com 2 horas e 40 minutos de duração.

David Cone[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Cone ocorreu no dia dedicado à Yogi Berra. Don Larsen lançou o primeiro arremesso cerimonial para Berra, que tinha sido seu catcher no jogo perfeito da World Series de 1956. Enquanto o jogo avançava, as câmeras de televisão mostravam Larsen, o único arremessador de jogo perfeito à testemunhar publicamente outro jogo perfeito. Nenhum jogador dos Expos conseguiu alcançar a contagem de 3 bolas. [26] O jogo perfeito de Cone, até o momento foi o único da temporada regular a ser interrompido por 33 minutos devido à chuva. Seguindo o jogo perfeito de seu companheiro de time, Wells, na temporada anterior, este também representa a única vez que um jogo perfeito foi alcançado sucessivamente pelo mesmo time. Este foi o terceiro jogo perfeito na história dos Yankees; os Indians (Joss e Barker), White Sox (Robertson, Buehrle e Humber), A's (Hunter e Braden) e os Phillies (Bunning e Halladay) são os outros times que tem mais do que um jogo perfeito.

Em 2004, Randy Johnson, jogando pelo Arizona Diamondbacks, se tornou o mais velho arremessador a conseguir um jogo perfeito.

Randy Johnson[editar | editar código-fonte]

Johnson conseguiu seu jogo perfeito com 40 anos e 256 dias, se tornando o arremessador mais velho a alcançar o feito. O antigo dono da marca, Cy Young, o conseguiu com 37 anos e 37 dias. Johnson é também o mais alto arremessador de jogo perfeito, com altura de 2,08 m., ultrapassando Mike Witt por 9 centímetros. Dos 20 times que sofreram um jogo perfeito, os Atlanta Braves de 2004 tem o segundo mais alto OBP (34,3%) e estão empatados no segundo mais alto em porcentagem de vitórias (59,3%).[27] Em contraste, os Arizona Diamondbacks de 2004 tiveram a pior porcentagem de vitórias (31,5%) de qualquer time a conseguir um jogo perfeito.[28]

Mark Buehrle[editar | editar código-fonte]

Buehrle foi assistido por uma dramática pegada de bola pelo center fielder DeWayne Wise e tirou um home run de Gabe Kapler; Wise tinha acabado de entrar no jogo antes de Kapler ir para o bastão. Este foi o primeiro jogo perfeito da major league onde um arremessador e o catcher estavam na mesma bateria pela primeira vez; Ramón Castro tinha sido adquirido dos White Sox há menos de dois meses.[29] Este também foi o primeiro jogo perfeito a ter um grand slam por Josh Field na segunda parte da segunda entrada. O umpire Eric Cooper, que dirigiu o jogo, tinha estado no jogo no-hitter (sem rebatedores) de Buehrle.[30] Em 28 de Julho, Buehrle conseguiu mais um jogo perfeito com 5 e 2/3 entradas e anotando o recorde da major league de rebatedores consecutivos eliminados com 45 (inclui o rebatedor final que ele encarou no jogo que antecedeu seu jogo perfeito).[31] Este recorde foi quebrado por Yusmeiro Petit dos San Francisco Giants em 2014 com 46[32]

Dallas Braden[editar | editar código-fonte]

O jogo perfeito de Braden, jogado no Dia das Mães, foi o primeiro jogo completo de sua carreira. Foi a primeira vez que um jogo perfeito foi jogado contra o time com o melhor cartel da época; naquele jogo o cartel dos Rays era 22 (vitórias) – 8 (derrotas).[33] Os Rays de 2010 estão empatados na segunda mais alta porcentagem de vitorias (59,3%) de qualquer time que sofreu um jogo perfeito.[34] O jogo perfeito prévio da MLB tinha também sido jogado contra os Rays, os fazendo o segundo time a sofrer sucessivos jogos perfeitos (o primeiro foi os Dodgers em 1988 e 1991).[35] Este jogo veio 290 dias depois do jogo de Buehrle, na época o menor período entre jogos perfeitos - um fato que duraria apenas três semanas até o jogo de Halladay.

Roy Halladay[editar | editar código-fonte]

Halladay foi o arremessador do segundo jogo perfeito da temporada de 2010, 20 dias após o jogo de Braden; o período mais curto entre jogos perfeitos da era moderna.[36] O jogo perfeito de Mark Buehrle tinha acontecido 10 meses antes, fazendo com que, pela primeira vez, três jogos perfeitos acontecessem em um período de um ano. Sete rebatedores atingiram a marca de três bolas contra Halladay.[37] Halladay também conseguiu um jogo no-hitter no jogo 1 da série da National League com os Phillies em 2010 contra o Cincinnati Reds, se tornando o único arremessador de jogo perfeito a conseguir também um no-hitter na mesma temporada, e o quinto com dois no-hitters. Halladay é o segundo arremessador a conseguir um jogo perfeito e vencer o Cy Young Award na mesma temporada; Sandy Koufax conseguiu tal façanha em 1965.[38]

Philip Humber[editar | editar código-fonte]

Em 21 de Abril de 2012, Philip Humber do Chicago White Sox arremessou o terceiro jogo perfeito da história do White Sox. O último eliminado de Humber veio após uma contagem completa (3-2) e um swing contido de Brendan Ryan. No lance o catcher A.J. Pierzynski soltou a bola arremessada. Enquanto Ryan discutia com o árbitro Brian Runge sobre sua decisão, Pierzynski arremessou a bola para a primeira base e eliminou Ryan.[39] Assim como Braden, o jogo perfeito de Humber foi o primeiro jogo completo de sua carreira.[40] O White Sox se tornou a segunda franquia a conseguir três jogos perfeitos, se juntando ao Yankees.

Matt Cain[editar | editar código-fonte]

Em 13 de Junho de 2012, Matt Cain do San Francisco Giants foi o arremessador do primeiro jogo perfeito na história dos Giants, o segundo da temporada de 2012 e o 22º na história da MLB. Joaquín Árias fez a última jogada, eliminando Jason Castro em bola rasteira (1-2). Buster Posey foi o receptor. Cain computou 14 strikeouts, empatando com Sandy Koufax com o maior número de strikeouts em um jogo perfeito. Cain foi ajudado em uma dramática captura de bola na parede por Melky Cabrera na 6ª entrada e um mergulho de Gregor Blanco na 7ª. Nesta vitória, os Giants marcaram 10 corridas, fazendo deste o maior placar em jogos perfeitos.

Félix Hernández[editar | editar código-fonte]

Em 15 de Agosto de 2012, Félix Hernández do Seattle Mariners conseguiu o 23º jogo perfeito da história da MLB (e o primeiro em Agosto) contra o Tampa Bay Rays. Este foi o primeiro jogo perfeito da história dos Mariners, e o quarto no-hitter da franquia.[41] A performance de Hernandez foi destacada pelos 12 strikeouts e um recorde em sua carreira de 26 strikes em swinging. Em uma entrevista imediatamente após o último eliminado, Hernandez disse que começou a pensar na possibilidade de um jogo perfeito na segunda entrada. Foi a terceira vez nas quatro últimas temporadas em que o Tampa Bay perdeu por um jogo perfeito. Quatro jogadores dos Rays — Evan Longoria, Carlos Peña, B.J. Upton e Ben Zobrist — se juntaram a Alfredo Griffin em ter perdido em três jogos perfeitos; todos quatro jogadores participaram na derrota para Buehrle e Braden.

Notas gerais[editar | editar código-fonte]

Três arremessadores de jogos perfeitos conseguiram corridas impulsionadas, quando no bastão, em seus jogos: Hunter (3), Bunning (2) e Young (1). Hunter conseguiu três rebatidas; Richmond, Ward, Bunning, Martínez e Cain conseguiram uma cada. Cain é o único arremessador a marcar uma corrida durante um jogo perfeito (Gregor Blanco foi o próximo no bastão (após a rebatida de Cain) e rebateu um home run). Barker, Witt, Rogers, Wells, Cone, Buehrle, Braden, Humber e Hernández não rebateram em seus jogos perfeitos, pois a Liga Americana adotou a regra do rebatedor designado em 1973. As corridas vencedoras que ocorreram mais tarde em jogos perfeitos foram anotadas na sétima entrada — isto ocorreu nos jogos de Hunter (baixa), Witt (alta) e Martínez (alta).

Sete arremessadores de jogos perfeitos também conseguiram arremessar ao menos um jogo no-hitter: Young, Joss, Bunning, Koufax, Johnson, Buehrle e Halladay. Witt participou de um no-hitter compartilhado. Koufax tem o maior número de no-hitters de qualquer arremessador de jogo perfeito, com quatro. Richmond e Robertson eram estreantes, embora tenham aparecido em temporada anterior. Embora na última parte do século 20, os jogos da Major League tenham sido jogados predominantemente à noite, seis dos últimos dez jogos perfeitos, foram jogados durante o dia. Desde 1973, nove jogos perfeitos foram jogados sob a regra do rebatedor designado (incluindo um jogo interligas realizado em estádio da Liga Americana) e apenas cinco sem a regra. Dos trinta times atualmente na Major League Baseball, sete nunca estiveram envolvidos em um jogo perfeito, vencendo ou perdendo: Cardinals, Pirates, Orioles, Royals, Brewers, Padres e Rockies.

Jogos perfeitos por equipe[editar | editar código-fonte]

Das 30 franquias que atualmente compôem a Major League Baseball, sete nunca (até a temporada de 2016) estiveram envolvidas em um jogo perfeito, vencendo ou perdendo: Cardinals, Pirates, Orioles, Royals, Brewers, Padres e Rockies. O número de jogos perfeitos vencidos ou sofridos é como se segue.

Franquia Jogos perfeitos vencidos Jogos perfeitos sofridos
Angels 1 1
Astros 0 1
Athletics/A’s 2 1
Blue Jays 0 1
Braves 0 1
Cubs 0 1
Diamondbacks 1 0
Dodgers 1 3
Giants 1 0
Indians 2 0
Mariners 1 1
Marlins 0 1
Mets 0 1
Expos/Nationals 1 1
Phillies 2 0
Senators/Rangers 1 1
Devil Rays/Rays 0 3
Reds 1 0
Americans/Red Sox 1 0
Tigers 0 1
Senators/Twins 0 2
White Sox 3 1
Yankees 3 0

Jogos perfeitos não oficiais[editar | editar código-fonte]

Os arremessadores do Boston Red Sox Babe Ruth e Ernie Shore. Em um jogo de 1917, Ruth foi expulso após conceder um walk ao primeiro rebatedor. Shore o substituiu, eliminando o corredor em base e completando o jogo sem permitir outra corrida.

Houve três casos em que um arremessador eliminou todos jogadores em nove entradas sem permitir um corredor em base, mas, pela definição atual, não são considerados jogos perfeitos, ou porque já havia um corredor em base quando o arremessador chegou ao monte de lançamento, ou porque o jogo teve entradas extras e um jogador atingiu base nestas entradas extras:

  • Em 23 de Junho de 1917, Babe Ruth, então jogando como arremessador do Boston Red Sox, concedeu um walk ao primeiro rebatedor do Washington Senators, Ray Morgan, em quatro arremessos. Ruth, que já tinha gritado com o umpire Brick Owens sobre a qualidade de suas decisões, ficou ainda mais bravo e, em pouco tempo, foi expulso. Enfurecido, Ruth partiu para cima de Owens, e teve que ser escoltado para fora do campo por um policial. Ernie Shore substitui Ruth, enquanto o catcher Sam Agnew assumiu atrás do home plate no lugar de Pinch Thomas (também expulso). Morgan foi pego por Agnew tentando roubar a base no primeiro arremesso de Shore, que procedeu em eliminar todos os próximos 26 rebatedores. Todos as 27 eliminações aconteceram enquanto Shore estava no arremesso. Já foi considerado um jogo perfeito pela Major League Baseball, mas ainda conta como um no-hitter combinado.[42][43]
  • Em 26 de Maio de 1959, Harvey Haddix do Pittsburgh Pirates foi o arremessador do que é considerado por muitos como a maior partida de beisebol já disputada.[44] Haddix conseguiu manter o jogo perfeito por incríveis 12 entradas contra o Milwaukee Braves, e só foi arruinado quando, por um erro do jogador da terceira base Don Hoak permitiu que Félix Mantilla, o rebatedor na parte baixa da 13ª entrada, alcançasse a base. Um fly de sacrifício por Eddie Mathews e um walk intencional concedido à Hank Aaron se seguiram; o próximo rebatedor, Joe Adcock, rebateu um home run de três corridas que se transformou em rebatida dupla quando Adcock ultrapassou Aaron nas bases - da segunda base, Aaron foi direto para o banco por achar que o jogo tinha acabado com a corrida de Mantilla.[45]Inicialmente, o placar considerado foi de 2 a 0, o que foi publicado por diversos jornais no dia seguinte, mas a Major League Baseball optou por transformar o home run em uma rebatida dupla, oficializando o placar de 1-0. Haddix e o Pirates perderam o jogo por 1–0; apesar de 12 rebatidas durante o jogo, não conseguiram anotar nenhuma corrida. As 12 entradas perfeitas com 36 rebatedores consecutivos eliminados em um único jogo ainda permanecem um recorde.[46]
  • Em 3 de Junho de 1995, Pedro Martínez do Montreal Expos teve um jogo perfeito por nove entradas contra o San Diego Padres. O Expos marcou uma corrida na parte alta da décima entrada, mas na parte baixa da mesma entrada, Martínez concedeu um rebatida dupla para Bip Roberts, e foi substituído pelo arremessador fechador Mel Rojas, que eliminou os próximos três rebatedores. Martínez foi portanto o arremessador vencedor na vitória de 1-0 do Expos.[47]

Outros quatro jogos em que um time não alcançou nenhuma base são jogos perfeitos não oficiais porque foram cancelados antes que as nove entradas fossem jogadas:[48]

  • Em 11 de Agosto de 1907, Ed Karger do St. Louis Cardinals arremessou durante sete entradas perfeitas contra o Boston Braves; este segundo jogo da rodada dupla foi cancelado por um acordo prévio.[48][49]
  • Em 5 de Outubro de 1907, Rube Vickers do Philadelphia Athletics arremessou cinco entradas perfeitas contra o Senators; este segundo jogo da rodada dupla foi cancelado devido à falta de energia no estádio. Vickers atingiu esta façanha no último dia da temporada. Ele também arremessou as 12 últimas entradas do primeiro jogo que durou 15 entradas.[49] Estas duas vitórias seguidas foram as suas únicas vitórias do ano.[50]
  • Em 6 de Agosto de 1967, Dean Chance do Minnesota Twins arremessou cinco entradas perfeitas contra o Red Sox; a partida foi cancelada devido à chuva.[49]
  • Em 21 de Abril de 1984, David Palmer do Expos arremessou cinco entradas perfeitas contra o Cardinals; este segundo jogo da rodada dupla foi cancelado devido à chuva.[51]

Em 14 de Março de 2000, durante um jogo da temporada de treinamento (spring training) — por definição, não oficial — o Red Sox usou seis arremessadores para eliminar todos os 27 rebatedores do Toronto Blue Jays na vitória por 5–0. O primeiro arremessador do Red Sox foi Pedro Martínez (veja abaixo).[52]

Jogos perfeitos arruinados pelo 27º rebatedor[editar | editar código-fonte]

Em treze ocasiões na historia da Major League Baseball, um jogo perfeito foi arruinado quando o rebatedor que representava o que seria o terceiro e eliminado final na nona entrada, alcançou a primeira base. Exceto quando anotado, o arremessador em questão terminou e ganhou o jogo sem permitir nenhum outro rebatedor em base:[53]

  • Em 4 de Julho de 1908, Hooks Wiltse do New York Giants rebateu o arremesso de George McQuillan do Philadelphia Phillies quando a contagem estava 2–2 em partida sem corridas — a única vez que um jogo perfeito com placar 0–0 foi arruinado pelo 27º rebatedor. O umpire Cy Rigler mais tarde admitiu que deveria ter considerado o arremesso anterior como o terceiro strike. Wiltse continuou no arremesso e venceu por 1–0; seu jogo no-hitter de 10 entradas estabeleceu um recorde como o mais longo jogo no-hitter completo. Aconteceu outras duas vezes mas nunca superado.[54]
  • Em 5 de Agosto de 1932, Tommy Bridges do Detroit Tigers concedeu uma única rebatida a Dave Harris do Washington Senators.[55]
  • Em 27 de Junho de 1958, Billy Pierce do Chicago White Sox concedeu uma rebatida dupla, rebatida a poucos centímetros do território válido, no primeiro arremesso ao rebatedor substituto do Senators Ed Fitz Gerald.[56]
  • Em 2 de Setembro de 1972, Milt Pappas do Chicago Cubs concedeu um walk ao rebatedor designado do San Diego Padres Larry Stahl quando a contagem estava em 3–2. Pappas completou o jogo com um no-hitter. O umpire, Bruce Froemming, estava em seu segundo ano e sua carreira durou 37 anos e arbitrou um total de 11 jogos no-hitters, um recorde. Pappas acreditava que ele tinha eliminado Stahl por strike, e anos mais tarde, continuava a culpar Froemming.[57]
  • Em 15 de Abril de 1983, Milt Wilcox do Tigers sofreu uma rebatida simples de Jerry Hairston, Sr. do White Sox[58]
  • Em 2 de Maio de 1988, Ron Robinson do Cincinnati Reds sofreu uma rebatida simples do rebatedor do Montreal Expos, Wallace Johnson. Robinson então sofreu um home run de duas corridas por Tim Raines e foi retirado do jogo. O placar final foi 3–2, com Robinson sendo o vencedorr.[59] (O companheiro de equipe de Robinson, Tom Browning arremessou um jogo perfeito mais tarde naquela mesma temporada.)
  • Em 4 de Agosto de 1989, Dave Stieb do Toronto Blue Jays sofreu uma rebatida dupla de Roberto Kelly do New York Yankees, seguido por uma corrida impulsionada simples de Steve Sax. Stieb terminou com vitória por 2–1.[60] Esta foi a terceira vez que Stieb tinha um no-hitter com dois jogadores eliminados na nona entrada e foi frustrado pela último rebatedor.[61]
  • Em 20 de Abril de 1990, Brian Holman do Seattle Mariners concedeu um home run para Ken Phelps do Oakland Athletics.[62][63]
  • Em 2 de Setembro de 2001, Mike Mussina do Yankees concedeu uma rebatida simples para o rebatedor designado do Boston Red Sox, Carl Everett. O arremessador oponente neste jogo era David Cone, que tinha arremessado no mais recente jogo perfeito dois anos antes enquanto jogava pelo Yankee.[64]
  • Em 2 Junho de 2010, Armando Galarraga do Tigers foi prejudicado pelo umpire da primeira base Jim Joyce, que incorretamente marcou que Jason Donald do Cleveland Indians chegou a salvo após rebatida rasteira. Após o jogo, Joyce reconheceu seu erro: "Eu custei àquele garoto um jogo perfeito. Eu achei que o rebatedor tinha chego salvo na base. Eu estava convicto que ele estava salvo, até que vi o replay."[65] Tyler Kepner do New York Times escreveu que nenhuma outra decisão tinha sido "tão importante e tão terrivelmente mal feita" desde o sexto jogo da World Series de 1985.[66] Galarraga eliminou o próximo rebatedor enquanto Donald roubou a terceira base.[67] Tendo ocorrido apenas quatro dias após o feito de Halladay, o jogo teria criado uma nova marca de proximidade, se tivesse sido perfeito; ele também teria sido o terceiro jogo perfeito em um período de 25 dias. Donald teria sido eliminado na primeira base no 83º arremesso de Galarraga, o que teria tornado o segundo jogo perfeito mais eficiente.
  • Em 2 de Abril de 2013, Yu Darvish do Texas Rangers concedeu uma rebatida simples no primeiro arremesso para Marwin González do Astros em uma bola rasteira que passou no meio das pernas de Darvish e através do campo interno. Darvish foi retirado do jogo sem encarar outro rebatedor, tendo feito 111 arremessos. Com 14 strikeouts contra os primeiros 26 rebatedores, Darvish teve chance de empatar (ou superar, tivesse ele eliminado por strike, González) um recorde para um jogo perfeito. Os Rangers venceram por 7-0.
  • Em 6 de Setembro de 2013, Yusmeiro Petit do San Francisco Giants eliminou os primeiros 26 rebatedores do Arizona Diamondbacks antes de conceder uma simples ao rebatedor designado Eric Chávez. O campista direito do Giants, Hunter Pence se atirou para apanhar a bola mas falhou por apenas alguns centímetros. Petit eliminou o próximo rebatedor finalizando a partida e concedendo apenas esta rebatida, sem permitir nenhuma anotação de corrida.
  • Em 20 de Junho de 2015, Max Scherzer do Washington Nationals eliminou os primeiros 26 rebatedores do Pittsburgh Pirates antes de atingir com bola o rebatedor Jose Tabata na proteção do cotovelo com a contagem em 2-2. Scherzer eliminou o rebatedor seguinte Josh Harrison para alcançar um no-hitter.[68]

Outros jogos quase-perfeitos[editar | editar código-fonte]

Nove ou mais entradas consecutivas de perfeição[editar | editar código-fonte]

Houve 15 ocasiões na história da Major League Baseball em que um arremessador ou, em um caso, múltiplos arremessadores conseguiram ao menos 27 eliminados consecutivos após um ou mais rebatedores alcançarem bases. Em quatro casos, o jogo foi para entradas extras e o(s) arremessador(es) conseguiu(ram) "mais" do que 27 eliminados consecutivos:

  • Em 11 de Maio de 1919, Walter Johnson, arremessando pelo Senators contra o Yankees, eliminou 28 rebatedores em sequência: Depois de sofrer uma rebatida simples de Roger Peckinpaugh com um eliminado na primeira entrada, eliminou os dois próximos rebatedores para finalizar a entrada. Foi perfeito da segunda até a nona entrada. Eliminou mais dois rebatedores na décima, antes de conceder um walk para Home Run Baker. Foi a primeira partida a ser jogada legalmente em um Domingo em Nova Iorque, e terminou na décima segunda entrada, ainda sem corridas anotadas, porque o dono do Yankees, Jacob Ruppert, erroneamente acreditava que a nova lei barrava jogos após às 18:00 h.[69]
  • Em 24 de Setembro de 1919, Waite Hoyt, arremessando pelo Red Sox contra o Yankees no segundo jogo da rodada dupla, concedendo uma corrida na segunda entrada. O Red Sox empatou o jogo na nona entrada em um home run solo por Babe Ruth, seu 28º, daquela temporada, um recorde para a época. O relato do jogo no New York Times afirma, "Hoyt teve uma impressionante performance nos arremessos, e da quarta entrada até a décima entrada não permitiu nenhuma rebatida e nenhum corredor do Yankee atingiu a primeira base. Nessas nove entradas sem rebatedores o novato esteve no auge de sua forma". O Yankees vencia na décima terceira por 2–1 quando Wally Pipp rebateu uma tripla e anotou uma corrida em uma rebatida de sacrifício. (O New York Times afirma que Pipp rebateu uma tripla com "dois eliminados" — evidentemente um erro, haja vista a consequente rebatida de sacrifício, que é descrito em detalhes, o que não seria possível.)[70] Anotações de cada jogada (play-by-play) não estão atualmente disponíveis para este jogo, mas parece que Hoyt eliminou não menos do que 28 rebatedores - o último eliminado na terceira entrada e 27 nas nove entradas perfeitas subsequentes, abrangendo a quarta entrada até a décima segunda.[71]
  • Em 18 de Setembro de 1971, Rick Wise, arremessando pelo Phillies contra o Cubs, concedeu um home run ao rebatedo Frank Fernández na segunda entrada. Não permitiu nenhum outro corredor em base até Ron Santo que rebateu uma simples com dois eliminados na parte alta da 12ª. Wise eliminou o próximo rebatedor e o Phillies anotou na parte baixa da mesma entrada, o fazendo vencedor por 4–3. Wise foi perfeito durante 10 2/3 entradas, eliminando 32 rebatedores consecutivos — o recorde para mais eliminados consecutivos em jogo vencido pelo arremessador. No bastão, Wise ajudou seu time rebatendo em 3 de 6 oportunidades, com uma rebatida dupla e a corrida impulsionada que deu a vitória na parte baixa da 12ª. O arremessador que iniciou o jogo pelo Cubs foi Milt Pappas, que conseguiria seu jogo quase-perfeito um ano mais tarder.[72]
  • Em 6 de Julho de 2005, A.J. Burnett, então arremessando pelo Florida Marlins, sofreu uma rebatida simples com dois eliminados na terceira entrada que deu a liderança para o Milwaukee Brewers por 4–1. Foi a quarta rebatida que tinha sofrido, com cinco walks. Eliminou os próximos dez rebatedores antes de sair do jogo com os Marlins vencendo por 4–2. Em suas seis entradas, conseguiu 14 strikes. Jim Mecir arremessou perfeitamente na sétima entrada e Guillermo Mota foi perfeito na oitava e nona entradas e o jogo seguiu para entradas extras. Todd Jones foi perfeito na 10ª e 11ª e Valerio de los Santos conseguiu a vitória com perfeição na 12ª, para um total de 28 rebatedores consecutivos eliminados, contados à partir do último rebatedor da terceira entrada.[73]
Cy Young, primeiro arremessador de um jogo perfeito da era moderna. Seu jogo no-hitter de 1908 foi parecido com o jogo de Ruth–Shore em 1917: um walk, um jogador pego roubando base e perfeito pelo resto do jogo.

Nas outras onze ocasiões, o rebatedor alcançou base na primeira entrada, seguido por 27 rebatedores consecutivos (ou corredores em base) sendo eliminados até o fim de uma partida com nove entradas.[74] Em um caso o corredor em base foi eliminado:

  • Em 30 de Junho de 1908, o arremessador do Red Sox, Cy Young concedeu um walk ao primeiro rebatedor do New York Highlanders, Harry Niles, que foi eliminado tentando roubar bases. Nenhum outro alcançou base contra Young, que conseguiu três rebatidas e quatro corridas impulsionadas na vitória do Boston por 8–0. Foi o terceiro no-hitter da carreira de Young e muito próximo de ter sido seu segundo jogo perfeito.[75] Ele é o único arremessador na história da Major League a eliminar 27 rebatedores consecutivos em um jogo em duas ocasiões distintas.

Os casos restantes em que um arremessador conseguiu 27 eliminados consecutivos em um jogo, observando que o primeiro rebatedor do time oponente atingiu base:

Jogos no-hitters com nenhum walk concedido ou rebatedores atingidos por bola[editar | editar código-fonte]

Em oito ocasiões na história da Major League Baseball, um arremessador conseguiu 27 eliminações sem sofrer rebatida, conceder walk ou atingindo o jogador com bola arremessada (hit by pitch), mas não alcançou o jogo perfeito pois o rebatedor atingiu base devido a erro em campo:

Jogos perfeitos arruinados por erros cometidos pelo arremessador:

Jogos perfeitos arruinados por erros cometidos por outros jogadores:

Referências

  1. Nemec (2006), pp. 21–22, 85, 123.
  2. Dickson (2009) , p. 415.
  3. «Baseball Rules Chronology 1845–1899». BaseballLibrary.com. Consultado em 20 de agosto de 2007. Arquivado do original em 1 de outubro de 2007 
  4. «Baseball Rules Chronology 1900–Present». BaseballLibrary.com. Consultado em 28 de novembro de 2010. Arquivado do original em 26 de agosto de 2014 
  5. «Becker College: History». Becker College. Consultado em 1 de junho de 2009. Arquivado do original em 6 de fevereiro de 2009 
  6. Egan (2008), pp. 100, 295 n. 6, faz referência a frase do Cleveland Leader, 14 de Junho de 1880. Buckley (2002), p. 14, credita o Chicago Tribune com a frase. Deutsch (1975), p. 14, apresenta um recorte do New York Herald com a frase.
  7. Okrent and Wulf (1989), pp. 14–15, descreve a estória que mais tarde emergiu que Richmond jogou perfeitamente depois de ficar acordado a noite toda após um jantar pré-graduação na Brown University , lançando em um jogo em uma aula da manhã, e tomar um trem para Worcester a tempo de realizar seu deveres profissionais. O BaseballLibrary.com entrada em Richmond Arquivado em 28 de julho de 2009, no Wayback Machine. afirma que uma seqüência semelhante de eventos precedeu não seu jogo perfeito, mas um jogo contra o Chicago White Stockings em 16 de junho. Egan (2008), p. 101, desmascara o conto.
  8. Buckley (2002), p. 27.
  9. «Charlie Robertson Perfect Game Box Score». Baseball Almanac. Consultado em 10 de maio de 2010 
  10. Browning (2003), pp. 145, 248.
  11. Coffey (2004), p. 28.
  12. Anderson (2000), pp. 185–186. BaseballLibrary.com Arquivado em 29 de junho de 2011, no Wayback Machine. claims it was a passed ball.
  13. Buckley (2005), pp. 58, 61–64.
  14. 1922 American League Season Summary. Baseball-Reference.com. Retrieved on 16 de Setembro de 2010. Veja Coffey (2004), p. 43, para uma análise do jogo.
  15. Buckley (2002), pp. 73–74.
  16. Lupica (1999), p. 51.
  17. Buckley (2002), p. vi.
  18. 1968 Oakland Athletics Game Log. Retrosheet. Retrieved on 26 de Julho de 2009.
  19. Newman (1981).
  20. Buckley (2002), p. 141.
  21. Buckley (2002), p. 169.
  22. «100 Most Memorable Reds Moments of the 20th Century». Cincinnati Enquirer. 1999. Consultado em 3 de Junho de 2010. Arquivado do original em 16 de julho de 2012  Box score: July 4, 1989—Cincinnati Reds at Philadelphia Phillies Baseball-Reference.com. Retrieved on June 3, 2010.
  23. Buckley (2002), p. 189.
  24. Nightengale, Bob (29 de Julho de 1994). «The Pitcher Is Perfect, but Greer Gets the Save». Los Angeles Times. Consultado em 7 de Agosto de 2009  Richards, Charles (29 de Julho de 1994). «Rogers Fires Perfect Game For Rangers; Diving Grab in 9th Saves Gem». Washington Post. Consultado em 7 de Agosto de 2009 
  25. «Wells Claims "25 to 40 Percent" of Players Use Steroids». ESPN/Associated Press. 27 de Fevereiro de 2003. Consultado em 6 de Março de 2009 
  26. Gallagher (2003), p. 431.
  27. The OBP of the 2009 Rays, against which Buehrle later threw his perfect game, also rounds to .343.2004 Atlanta Braves Batting, Pitching, & Fielding Statistics. Baseball-Reference.com. 2009 Tampa Bay Rays Batting, Pitching, & Fielding Statistics. Baseball-Reference.com. Retrieved on July 1, 2011.
  28. 2004 National League Season Summary. Baseball-Reference.com. Retrieved on 26 de Julho de 2009.
  29. Schlegel, John (24 de Julho de 2009). «For Buehrle, a Perfect Day for History». MLB.com. Consultado em 24 de Julho de 2009 
  30. Just, David (23 de Julho de 2009). «Same Ump Called Both Buehrle No-Nos». MLB.com. Consultado em 24 de Julho de 2009 
  31. «Buehrle Breaks Record». ESPN.com. 29 de Julho de 2009. Consultado em 29 de Julho de 2009 
  32. «SB Nation». SBNation.com. 28 de agosto de 2014. Consultado em 5 de outubro de 2014 
  33. «Standings and Games on Saturday, 8 de Maio de 2010». Baseball-Reference.com. 8 de Maio de 2010. Consultado em 9 de Maio de 2010 
  34. 2010 American League Season Summary. Baseball-Reference.com. Retrieved on 6 de Outubro de 2010.
  35. «Braden's Perfect Game 19th Ever and Second Straight Against Rays». Associated Press/ESPN.com. 9 de Maio de 2010. Consultado em 9 de Maio de 2010 
  36. «Perfect Phillie: Halladay Pitches Perfect Game». MSNBC. 29 de Maio de 2010. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  37. «Halladay's Perfect Game Is This Season's Second». ESPN/Associated Press. 29 de Maio de 2010. Consultado em 29 de Maio de 2010 
  38. «Second Cy Young Boosts Halladay's Hall of Fame Credentials». Sports Illustrated. 16 de Novembro de 2010. Consultado em 26 de Novembro de 2010 
  39. Phil Humber Completes Perfect Game, MLB.com. 21 de Abril de 2012. Caple, Jim. (21 de Abril de 2012).
  40. [1], Powers, Scott (21 de Abril de 2012). ESPN.com. Retrieved 22 de Abril de 2012.
  41. «Felix Hernandez pitches perfect game». USA Today. 15 de Agosto de 2012 
  42. Vass (2002).
  43. Ernie Shore hastily relieves and Sam Agnew takes over behind the plate for Pinch Thomas Arquivado em 20 de outubro de 2012, no Wayback Machine. Baseball Library. Visitado em 6 de Maio de 2011.
  44. See, e.g., Chen (2009); Reisler (2007), p. 57; Thielman (2005), p. 169; Sullivan (2002), p. 139.
  45. "Harvey Haddix reached legendary status 50 years ago" Arquivado em 3 de junho de 2009, no Wayback Machine., David Jablonski, Springfield News-Sun, 24/5/2009, acessado em 25/5/2009
  46. Boxscore—Game Played on Tuesday, May 26, 1959 (N) at County Stadium Retrosheet. Retrieved on 21 de Julho de 2008.
  47. Boxscore—Game Played on Saturday, June 3, 1995 (N) at Jack Murphy Stadium Retrosheet. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  48. a b Robbins (2004), p. 242.
  49. a b c Rothe, Emil H. The Shortened No-Hitters Baseball Research Journal. SABR. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  50. Zingg and Medeiros (1994), p. 27.
  51. Boxscore—Game Played on Saturday, April 21, 1984 (N) at Busch Stadium II Retrosheet. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  52. Pedro Martinez: Perfect Game—Spring Training 1918RedSox.com. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  53. Holtzman (2003). O artigo de Holtzman foi publicado antes do jogo quase perfeito de Armando Galarraga. Perceba que Coffey (2004) informa anos incorretos para os jogos quase perfeitos de Wiltse, Stieb, Holman e Mussina (p. 279).
  54. Nemec (2006), pp. 86–87; Simon (2004), p. 54; «No Hitter Records». Baseball Almanac. Consultado em 20 de Agosto de 2007 
  55. Deveaux (2001), p. 111; James (2003), p. 891.
  56. Boxscore—Game Played on Friday, June 27, 1958 (N) at Comiskey Park I Retrosheet; Billy Pierce Interview Baseball Almanac. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  57. Boxscore—Game Played on Saturday, September 2, 1972 (D) at Wrigley Field Retrosheet. Retrieved on 6 de Junho de 2009; Amspacher, Bruce (11 de abril de 2003). «What Really Happened? An Interview with Major League Pitching Great Milt Pappas». Professional Sports Authenticator. Consultado em 20 de agosto de 2007. Arquivado do original em 28 de setembro de 2007  Weinbaum, William (26 de Setembro de 2007). «Froemming Draws Pappas' Ire, 35 Years Later». ESPN. Consultado em 26 de Setembro de 2007 
  58. Boxscore—Game Played on Friday, April 15, 1983 (N) at Comiskey Park I Retrosheet. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  59. Boxscore—Game Played on Monday, May 2, 1988 (N) at Riverfront Stadium Retrosheet. Retrieved on 6 de Junho de 2009.
  60. Box score: August 4, 1989—New York Yankees at Toronto Blue Jays Baseball-Reference.com. Retrieved on 14 de Maio de 2009.
  61. «David Brown, August 9, 2010. Retrieved 9 de Agosto de 2010.». Yahoo Sports. Consultado em 5 de Outubro de 2014 
  62. Box score: April 20, 1990—Seattle Mariners at Oakland Athletics Baseball-Reference.com. Retrieved on 14 de Maio de 2009.
  63. Larry Stone (15 de abril de 2010). «Losing a perfect game was tough — but Brian Holman's been through tougher». Seattle Times. Consultado em 7 de Outubro de 2011 
  64. Box score: September 2, 2001—New York Yankees at Boston Red Sox Baseball-Reference.com. Retrieved on 14 de Maio de 2009.
  65. «Umpire: 'I Just Cost That Kid a Perfect Game'». ESPN/Associated Press. 2 de junho de 2010. Consultado em 2 de junho de 2010 
  66. Kepner, Tyler (2 de Junho de 2010). «Pitcher Loses Perfect Game on Questionable Call». New York Times. Consultado em 2 de Junho de 2010 
  67. «MLB.com At Bat». Major League Baseball. Consultado em 5 de Outubro de 2014 
  68. Max Scherzer no-no
  69. Deveaux (2001), p. 49; Washington Post, "The Game in Detail", 12 de Maio de 1919, p. 4.
  70. New York Times, "Ruth Wallops Out His 28th Home Run", 24 de Setembro de 1919, p. 23 (available online).
  71. See, e.g., Cook (2004), p. 236.
  72. Nowlin (2005), p. 69; Box score: September 18, 1971—Chicago Cubs at Philadelphia Phillies Baseball-Reference.com. Retrieved on 14 de Maio de 2009.
  73. Burnett K's 14 over Six Innings Associated Press via ESPN.com. Retrieved on 13 de Agosto de 2010; Box score: July 6, 2005—Milwaukee Brewers at Florida Marlins Baseball-Reference.com. Retrieved on 27-07-2011.
  74. Arnold, Bill (14 de Julho de 2006). «Beyond the Box Score—Almost Perfect». MLB.com. Consultado em 11 de Maio de 2009  Arnold não lista o jogo de Bosio em 1993, pois sua lista é restrita a jogos em que apenas o primeiro rebatedor alcançou a primeira base antes dos próximos 27 rebatedores serem eliminados.
  75. Elston (2006), pp. 173–174.
  76. Charlton's Baseball Chronology—1884 (May) Arquivado em 20 de setembro de 2015, no Wayback Machine. Baseball Library. Retrieved on 11 de Maio de 2009. Note que este foi um jogo da American Association; a National League ainda não tinha instituído a regra premiando o rebatedor atingido com a primeira base automática. Charlton's Baseball Chronology, a fonte de informações para este jogo, incorretamente descreve que Monte Ward eliminou 27 rebatedores consecutivos após o primeiro rebatedor atingir a primeira base com uma simples em um jogo de 23 de Julho de 1880. Na verdade, ele também concedeu um walk a um rebatedor e outro atingiu a primeira base em um erro. Veja Boston Globe, "Providence 5, Cincinnati 0", 24 de Julho de 1880, p. 4.
  77. Boxscore—Game Played on Saturday, May 16, 1953 (D) at County Stadium Retrosheet. Retrieved on 12 de Janeiro de 2009.
  78. Boxscore—Game Played on Thursday, May 13, 1954 (N) at Connie Mack Stadium Retrosheet. Retrieved on 12 de Janeiro de 2009.
  79. Boxscore—Game Played on Friday, July 1, 1966 (N) at Shea Stadium Retrosheet. Retrieved on 12 de Janeiro de 2009.
  80. Boxscore—Game Played on Tuesday, May 19, 1981 (N) at Three Rivers Stadium Retrosheet. Retrieved on 12 de janeiro de 2009.
  81. Boxscore—Game Played on Friday, June 11, 1982 (N) at Dodger Stadium Retrosheet. Retrieved on 11 de Maio de 2009.
  82. Boxscore—Game Played on Thursday, April 22, 1993 (N) at Kingdome Retrosheet. Retrieved on 12 de janeiro de 2009.
  83. Boxscore—Game Played on Friday, July 7, 2006 (N) at Network Associates Coliseum Retrosheet. Retrieved on 11 de Novembro de 2007.
  84. Boxscore—Game Played on Friday, May 10, 2013 at Busch Stadium ESPN. Retrieved on 10 de Maio de 2013.
  85. July 19, 1974 Oakland Athletics at Cleveland Indians Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  86. «M'Graw Put Matty In To Beat The Cubs». The Evening World. 13 de Julho de 1905 
  87. «National League». The San Francisco Call. 6 de Setembro de 1908 
  88. July 1, 1920 Washington Senators at Boston Red Sox Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  89. September 3, 1947 Washington Senators at Philadelphia Athletics Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  90. June 27, 1980 Los Angeles Dodgers at San Francisco Giants Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  91. August 15, 1990 San Francisco Giants at Philadelphia Phillies Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  92. July 10, 2009 San Diego Padres at San Francisco Giants Box Score and Play by Play Baseball Reference. Retrieved on 19 de Junho de 2014.
  93. Gurnick, Ken (18 de Junho de 2014). «Kershaw tosses first no-no as Dodgers rout Rockies». mlb.com. Consultado em 18 de Junho de 2014 
  94. «October 3, 2015 Washington Nationals at New York Mets Box Score and Play by Play». espn.com. Consultado em 3 de outubro de 2015 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]