Lista de personagens de Grand Theft Auto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde abril de 2009). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Esta é uma lista de personagens da série de jogos de computador e videogame Grand Theft Auto.

Grand Theft Auto 2[editar | editar código-fonte]

Claude Speed[editar | editar código-fonte]

Claude Speed (4 de março de 1977 - 25 de junho de 2013) foi o protagonista de GTA 2.[1] Claude é mostrado como um criminoso independente, ganhando poder em Anywhere City traindo e matando seus chefes, que em geral são grandes líderes. Claude é extremamente impiedoso, não sentido qualquer pena ou consentimento em matar, chegando a cuspir nos corpos de suas vítimas após serem mortas. Foi morto por um capanga do Frazier Wilson (um mafioso velho de terno). Foi enterrado no cemitério de dukes.

Seu rosto não era muito bem conhecido, devido a limitações gráficas do jogo.[1]

Grand Theft Auto III[editar | editar código-fonte]

Claude[editar | editar código-fonte]

Claude
Data de nascimento 11 de julho de 1974 (42 anos)
Nacionalidade(s) Estados Unidos Americano
Crime(s) Homicídio,

Roubo de Veicúlos

Claude (San Fierro, 11 de julho de 1974) é o protagonista de Grand Theft Auto III, também aparecendo em GTA San Andreas.[1] Não deve ser confundido com seu xará de GTA 2. Foi o primeiro protagonista a ter a câmera posicionada por trás, e não por cima, como era usual até então.[1]

Personagem que se diria "um bandido perfeito" por que além de saber lidar com vários tipos de armas ele ainda é um exímio disputador de rachas. É sossegado e é raro ouvi-lo a falar e a sua história começa em Grand Theft Auto: San Andreas, em 1992, quando conhece Catalina, uma latina bandida prima do gângster Cesar Vialpando. Ela e Carl Johnson tinham um relacionamento, mas o pouco tempo que passavam juntos somados à personalidade estressante dela os fizeram se separarem. Na mesma fase do jogo em que isso é mostrado, Carl aposta uma corrida de carros com Claude, Carl ganha a corrida e o drama do jogo continua. Em seguida Claude e Catalina mudam-se para Liberty City. Em Grand Theft Auto III, Catalina arruma um amante, Miguel Cortez, que ajuda os dois a assaltarem lugares pela cidade. Durante um desses assaltos Catalina atira em Claude. Ele sobrevive, mas é preso. Claude esteve preso nos nove anos seguintes. Em 2001, os presos estavam sendo transferidos para Portland, quando o carro policial foi atacado pelo Cartel Colombiano. 8-Ball, um dos presos e amigo de Claude, consegue o arranjar um trabalho na Família Leone, máfia italiana da cidade. Ao fazer serviços para a máfia, seu patrão, Salvatore, decide matá-lo, mas graças a um aviso de Maria Latore, mulher de Salvatore, ele consegue escapar. Daí arruma um trabalho na Yakuza, gangue japonesa, e vai de barco até Staunton Island, onde são dadas tarefas de alguns líderes da gangue. Uma delas é matar Salvatore, para confirmar que seu relacionamento com a Família Leone está realmente acabado. No final do jogo Catalina aparece para Claude, e sequestra Maria. Claude consegue libertar Maria a matar Catalina. Na última cena, a tela se apaga e ouve-se um tiro e um grito de Maria, levando a crer que ela foi assassinada por Claude. Fato que muitos jogadores não entenderam. A teoria mais aceitável é que Claude tenha pago os 500 mil apenas para chegar até Catalina, após matá-la ele teria matado Maria e fugido, embora também existe uma teoria em que ele teria apenas atirado no ar para fazer Maria parar de falar. Em Grand Theft Auto IV, é mencionada a morte de Claude, além de outros personagens da série (GTA IV é canônico em relação ao GTA III).A Rockstar diz que seu sobrenome pode ou não ser "Speed", sendo que Claude Speed é o protagonista de Grand Theft Auto 2.

Grand Theft Auto: Vice City[editar | editar código-fonte]

Tommy Vercetti[editar | editar código-fonte]

Tommy Vercetti
Nome Thomas Scaldio Vercetti
Data de nascimento 23 de outubro de 1951 (67 anos)
Nacionalidade(s) ItáliaEstados Unidos Ítalo-americano
Crime(s) Tráfico de Drogas
Homicídios
Assaltos
Furtos
Formação de Quadrilha
Crime Organizado
Falsificação de Dinheiro
Pena 15 anos de detenção.
Situação Em atividade

Thomas Vercetti, (Liberty City, 23 de Outubro de 1962) é o protagonista de Grand Theft Auto: Vice City.[1] Ele é dublado por Ray Liotta. O personagem é considerado um bon vivant, e é conhecido por suas camisas coloridas.[1]

Antes dos acontecimentos do jogo Tommy era um membro da família mafiosa Forelli, chefiada por Sonny Forelli. Em 1971 ele recebe ordens de matar um mafioso rival, mas quando chega ao local se depara com uma armadilha. Após matar todos os presentes Tommy acaba sendo preso e condenado a quinze anos de prisão. A partir desse ponto Tommy ganha o apelido de The Harwood Butcher. Em 1986 ele é libertado e volta para a Família Forelli (ainda sob o comando de Sonny), onde é mandado a Vice City para participar de uma transação de drogas. Durante o negócio eles são atacados por homens do chefão da cidade, Ricardo Diaz, no que resulta na perda do dinheiro, das drogas e na morte dos comparsas de Tommy. Ele mata os responsáveis e se torna um dos homens mais poderosos de Vice City, liderando a Gangue Vercetti. Sonny, no entanto, continua exigindo sua parte nos lucros de Tommy, o que leva os dois a se confrontarem. Forelli revela que a prisão de Tommy foi toda planejada, no puro ar da raiva Tommy o mata, emergindo como líder da organização que tem o controle total da cidade.

Ele também faz uns trabalhos para os Cubanos (Cuban Gang) do Umberto Robina e também faz uma parceria com o Big Mitch Baker líder dos Bikers.

Grand Theft Auto: San Andreas[editar | editar código-fonte]

Grand Theft Auto: Liberty City Stories[editar | editar código-fonte]

Antônio Cipriani[editar | editar código-fonte]

Antônio "Toni" Cipriani (9 de julho de 1954) é o protagonista de Grand Theft Auto: Liberty City Stories (também aparece em Grand Theft Auto III).[1] Ele é dublado por Danny Mastrogiorgio em LCS, e por Michael Madsen em GTA3. É considerado um personagem de personalidade leal, porém explosiva.[1]

Em 1994 depois de cumprir um assassinato a mando do Salvatore Leone, Toni tira férias do seu "trabalho duro" por alguns anos. Ele volta em 1998, preparado para retornar à Família Leone em seu antigo posto, Capo. Salvatore se mostra grato por seu retorno, mas como não podia deixar de ser, outro membro assumiu seu posto. Toni, então, é obrigado a trabalhar para um mafioso mais jovem, Vincenzo Cilli. E não demora muito para o italiano começar a odiar seu novo chefe. Numa desavença, Toni mata Vincenzo. A partir daí começa a recuperar o respeito com Salvatore. Ele finalmente se torna "homem" quando organiza ataques contra as outras famílias, para manter o equilíbrio entre os mafiosos da cidade, já que Salvatore fora preso. Num desses ataques os Leone eliminam a Família Sindacco, ao ser livre Salvatore devolve o cargo original de Toni.

Em GTA III, Toni Cipriani é apresentado a Claude pelo filho de Salvatore, Joey Leone, chegando a fazer alguns serviços para ele.

Salvatore Leone[editar | editar código-fonte]

Salvatore Leone é um personagem que aparece em Grand Theft Auto III, Grand Theft Auto: San Andreas e Grand Theft Auto: Liberty City Stories. Ele é dublado por Frank Vincent em todas as suas aparições. É o Don da Família Leone, uma das famílias mafiosas de Liberty City. Sal tem um irmão que morou em Palermo, Sicília, durante a disputa pelo poder; e um primo morto pela Família Sindacco em 1998. Uma semelhança entre Salvatore e Tommy Vercetti é que ambos comentaram terem chateado alguém muito mal no passado. Sal é caracterizado em um cartaz de um filme, "Badfellas"; uma referência ao filme "Goodfellas", também sobre mafiosos. Podem ser vistos cartazes sobre o filme no Luigi Sex Club 7, no Red Light District (Distrito da Luz Vermelha) de Portland; e em GTA Vice City, em Prawn Island.

Grand Theft Auto: Vice City Stories[editar | editar código-fonte]

Victor Vance[editar | editar código-fonte]

Victor "Vic" Vance (Flórida, 3 de janeiro de 1954 - Vice City, 11 de abril de 1986) é o protagonista de Grand Theft Auto: Vice City Stories.[1] Ele é dublado por Dorian Missick.

Vic ingressou no Exército para pagar o tratamento do seu irmão Peter "Pete" Vance, que sofre de asma. O sargento Jerry Martinez arruína sua carreira quando pede para Vic trazer prostitutas e drogas para a unidade, em seguida o força a entrar no crime organizado. Seu irmão, Lance, chega à cidade para ajudar nos negócios de drogas. Suas trapalhadas os fazem entrar em conflito com os irmãos Armando e Diego Mendez. Existem muitas teorias sobre o possível destino de Vic na história, Alguns dizem que Vic é assassinado em 1986 (2 anos depois do Stories) em uma negociação de drogas. A teoria mais aceita entre os fãs, é de que Victor Vance deixa Vice City para sempre no fim do ano de 1984. A Rockstar jamais se pronunciou afirmando que Vic realmente havia sido morto; Na verdade a mesma Rockstar, afirma nunca ter mencionado o nome Victor Vance no Vice City original. A informação de que o personagem que é assassinado no começo do jogo Vice City se torna ainda mais duvidosa, visto que o mesmo em nada se assemelha a Victor Vance tanto em aparência quanto em atitude. Enquanto Vic é um sujeito muito frio e de poucos sorrisos, sua possível versão dois anos depois é bem amigável e possui um forte sotaque latino, que Victor não tem. Em GTA Vice City, Vic foi morto pelos capangas de Ricardo Diaz.

Lance Vance[editar | editar código-fonte]

Lance "Quentin" Vance (Morto em 1986) é um dos personagens principais dos jogos Grand Theft Auto: Vice City e Grand Theft Auto: Vice City Stories. É o irmão mais novo do protagonista Victor Vance. Lance chegou em Vice City para fazer parte da nova organização criminosa de seu irmão. . Lance é morto após trair Tommy Vercetti no GTA Vice City.

Grand Theft Auto IV[editar | editar código-fonte]

Nikolai "Niko" Bellic

Niko Bellic[editar | editar código-fonte]

Niko Bellic é o personagem principal do jogo Grand Theft Auto IV. Ele é dublado por Michael Hollick.(1978)

Niko é originário da Iugoslávia, onde cometeu vários crimes, como assassinato e tráfico humano. Ele acaba convencido por seu primo, Roman, a ir para Liberty City viver o "sonho americano". Roman dizia estar rodeado de belas mulheres, ter carros caríssimos e uma mansão. Na verdade, era tudo mentira de Roman para ocultar que ele possuía apenas uma pequena firma de táxis, que na missão Roman's Sorrow,é destruída após ser incendiada e estava atolado de dívidas. O engraçadinho precisava da ajuda de Niko para pagar suas dívidas, ou "quitar" a quem ele devia. Até hoje em dia Niko procura a pessoa que traiu sua unidade do exército durante a Guerra Civil Iugoslava.

Roman Bellic[editar | editar código-fonte]

Roman Bellic (Sérvio: Роман Белић) é um personagem de Grand Theft Auto IV, é primo do protagonista, Niko Bellic.

Roman se mudou para Liberty City, onde afirma viver o "sonho americano". Diz ter duas mulheres, quatro banheiras quentes e quinze carros esportivos. Com esse argumento ele convence Niko a ir para a América, onde descobre-se que Roman possui apenas um apartamento num bairro pesado, o Broker. Roman é namorado de Mallorie Bardas, e sobrinho de Milica Bellic. Foi preso em duas ocasiões: em 2005 por promover jogos ilegais, e em 2006 por embriaguez seguida de atentado ao pudor. A mãe de Roman morreu estuprada e assassinada, mas Niko lhe disse que ela morreu em um incêndio em sua casa. No game ele pode morrer em seu casamento.

Grand Theft Auto IV: The Lost and Damned[editar | editar código-fonte]

Johnny Klebitz[editar | editar código-fonte]

Johnny Klebitz (Liberty City, 25 de fevereiro de 1974 - 19 de setembro de 2013) é o personagem principal e é dublado por Scott Hill.

Ele é Vice-Presidente da gangue de motoqueiro chamada The lost. Ele vira presidente por um tempo enquanto Billy, que é o presidente, está na cadeia. Enquanto isso ele resolve bastante coisas para a gangue até que Billy volta da cadeia. Nesse meio tempo a guerra entre gangues de Liberty City começa a correr solta. Johnny teve uma aparição em GTA V, onde é morto por Trevor Phillips, um dos protagonistas do jogo. Trevor, posteriormente, extermina todos os membros do The Lost da região.

Grand Theft Auto: The Ballad of Gay Tony[editar | editar código-fonte]

Os principais personagens deste jogo são Luis Fernando Lopez, Yusuf Amir e Anthony Prince, conhecido como "Gay Tony". Este último foi considerado um dos principais personagens da franquia e reaparece em "After Hours".[2]

Grand Theft Auto: Chinatown Wars[editar | editar código-fonte]

Huang Lee[editar | editar código-fonte]

Huang Lee é o protagonista de Grand Theft Auto: Chinatown Wars.

Lee apareceu pela primeira vez em Grand Theft Auto IV, e agora estreia sua aventura solo na série GTA. É sobrinho do chefe da Família Lee, Wu Lee, uma ramificação da máfia chinesa na América. Ele acredita que não há nada errado em trabalhar para outras organizações que não a de seu tio. Seu pai foi morto e Lee deixado ferido, mas sobreviveu.

Wu Lee[editar | editar código-fonte]

Wu Lee é um personagem de Grand Theft Auto: Chinatown Wars, é o líder da Família Lee. Wu é considerado o segundo mais importante membro da Tríade em Liberty City. Ele foi preso em cinco ocasiões: em 1996 por receptação de carga roubada, em 1998 por roubo, em 2001 também por roubo, em 2002 por mandar atear fogo em um posto policial e em 2006 por extorsão.

Grand Theft Auto V[editar | editar código-fonte]

Michael Townley ( De Santa )[editar | editar código-fonte]

Ficheiro:Http://newgameplus.com.br/wp-content/uploads/2014/08/money gta online-610x400.jpg
Nome: Michael Townley(De Santa) Idade:45/48 País de Origem: América Origem: Americano

Michael é um ex-assaltante de bancos que tem 45 anos e vive com sua família problemática, consequência da sua vida passada. Michael vive nos subúrbios de classe alta de Rockford Hills, baseado em Beverly Hills. É ex-parceiro de Trevor e Brad (Los Santos, 23 de outubro de 1961 - North Yankton, 18 de outubro de 2004) juntos roubavam bancos em North Yankton. Durante o decorrer do plano de Michael para forjar sua própria morte algo sai errado e Brad é morto por Dave Norton - agente do FIB que posteriormente ajudara Michael a entrar para o programa de proteção a testemunhas - enquanto Trevor foge achando que Michael morreu e Brad foi preso. Michael então vai viver com um sobrenome novo em Los Santos. Michael conhece Franklin Clinton após Franklin invadir sua casa para uma "Retomada de posse". Após um incidente provocado por Michael, ele tem de voltar a ativa para pagar sua dívida com o mafioso Martin Madrazo.

Trevor Phillips[editar | editar código-fonte]

Nome: Trevor Phillips Idade: 53 País de Origem: Canadá Origem: Canadense

Trevor é um ex-piloto de avião da força aérea e antigo companheiro de Michael e Brad (1961-2004). Ele vive sozinho num trailer no deserto de Sandy Shores. Trevor aparece pela segunda vez no jogo tendo relações com a namorada de Johnny Klebitz de GTA IV: TLAD e na TV está passando a noticia de um assalto a uma joalheria em que Michael estava envolvido e Trevor ainda não sabia. Nisso um guarda diz na reportagem que um homem disse a ele "Nós esquecemos de milhares de coisas todos os dias tenha certeza que isso é uma delas" e Trevor reconhece essa fala por que é a fala que Michael usou em seu último assalto em North Yankton. Então Trevor fica tenso, acaba matando Johnny e manda seu amigo Wade procurar por Michael em Los Santos. Wade encontra Michael e Trevor parte para sua casa após ele encontrar Michael, eles acabam trabalhando juntos para o FIB e então Trevor conhece Frankiln após varias missões para o FIB. Dave Norton e Steve Haines, outro agente do FIB pedem para Franklin matar Trevor e no final do jogo, Devin Weston, um cara rico para quem Franklin fez serviços, pede para Franklin matar Michael por que ele acidentalmente matou sua assistente Molly tentando recuperar o filme que ele havia criado. Então Franklin deve escolher uma entre três opções do jogo: matar Trevor ou matar Michael ou arriscar tudo na terceira opção. Franklin, Michael e Trevor armam uma emboscada para o FIB e para Merryweather, que na verdade é um grupo de mercenários e os matam depois eles partem para matar Devin Weston, Steve Haines, Strech, membro da gangue Ballas que tentou matar Lamar, amigo de Franklin, e Wei Cheng, um líder da máfia chinesa que quer matar Trevor e quase matou Michael.

Franklin Clinton[editar | editar código-fonte]

Ficheiro:GTAV Michael Trevor Franklin.jpg
Nome: Franklin Clinton (do meio) Idade: 25 anos País de Origem: EUA Origem: Estadunidense

Franklin vive em Strawberry com sua tia Denise Clinton, ele é empregado de uma concessionária de automóvel. Após ser demitido por culpa de Michael eles começam a trabalhar juntos. Ele é membro da Chamberlain Gangster Families junto com seu amigo Lamar Davis e Strech, um ex-presidiário, que inicialmente comanda os a uma emboscada contra os Ballas .No final é persuadido por Devin Weston e Steve Haines à matar Michael e Trevor. Caso o personagem escolha arriscar tudo, os três matam Devin, Steve, Strech e Wei Cheng.

Lester Crest

Antigo amigo de Michael e Trevor, também morava em North Yankton. Ele foi para Los Santos aparecendo com um problema crônico que resultou em sequelas na sua espinha, por isso ele aparece de bengala e até as vezes de cadeira de rodas. Ele reaparece para ajudar Michael a quitar uma dívida com o mafioso mexicano Martin Madrazzo, comandando umas operações de golpes à joalheria Vangelico, na esquina da rua perto da casa de Michael. Também comandou vários assaltos ao longo do jogo: o golpe de Paleto Bay, Golpe do F.I.B e também do Union Depository, comprou uma casa para Franklin em Vinewood Hills.

Lamar Davis

Assim como Lester, não está como personagem jogável. Como melhor amigo de Franklin Clinton, desde a infância eles faziam roubos, assaltos e brigas com gangues - foram esses problemas que fizeram Tanisha Jackson terminar com Franklin. Eles conhecem Harold Strech, um gangster que sai da prisão após cumprir pena e acaba colocando Lamar e Franklin em vários perigos. Lamar trabalhava junto com Franklin na concessionária.

Referências

  1. a b c d e f g h i Felipe Vinha (18 de março de 2016). «GTA: veja a evolução visual e de jogabilidade dos protagonistas». Consultado em 17 de outubro de 2018 
  2. Game Hall, Uol (20 de julho de 2018). «Expansão de "GTA V" já tem data de lançamento». Consultado em 17 de outubro de 2018