Little Miss Sunshine

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Little Miss Sunshine
Uma Família à Beira de um Ataque de Nervos (PT)
Pequena Miss Sunshine (BR)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2006 •  cor •  101 min 
Direção Jonathan Dayton
Valerie Faris
Produção Albert Berger
David T. Friendly
Peter Saraf
Marc Turtletaub
Ron Yerxa
Roteiro Michael Arndt
Elenco Greg Kinnear
Toni Collette
Abigail Breslin
Steve Carell
Paul Dano
Alan Arkin
Gênero Comédia dramática
Música Mychael Danna
Direção de arte Kalina Ivanov
Direção de fotografia Tim Suhrstedt
Figurino Nancy Steiner
Edição Pamela Martin
Companhia(s) produtora(s) Fox Searchlight Pictures
Big Beach Films
Bona Fide Productions
Deep River Productions
Third Gear Productions
Distribuição Fox Searchlight Pictures
Lançamento 26 de julho de 2006
Idioma Inglês
Orçamento US$ 8 milhões
Receita US$ 100.523.181
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Little Miss Sunshine (Pequena Miss Sunshine (título no Brasil) ou Uma Família à Beira de um Ataque de Nervos (título em Portugal)) é um filme norte-americano de 2006 dirigido pelo casal Jonathan Dayton e Valerie Faris. O filme foi escrito por Michael Arndt e estrelado por Greg Kinnear, Steve Carell, Toni Collette, Paul Dano, Abigail Breslin e Alan Arkin. Com um orçamento de oito milhões de dólares, foi gravado durante um período de trinta dias no Arizona e no sul da Califórnia.

O filme estreou no Festival Sundance de Cinema em 20 de janeiro de 2006, com seus direitos de distribuição comprados pela Fox Searchlight Pictures em um dos acordos mais caros da história do festival. Ele foi lançado de forma limitada nos Estados Unidos em 26 de julho, e mais tarde teve um lançamento geral em 18 de agosto.

Little Miss Sunshine foi aclamado pela crítica e arrecadou pouco mais de cem milhões de dólares em bilheteria. Foi indicado a quatro Oscars, vencendo em duas indicações: Melhor Roteiro Original para Arndt e Melhor Ator Coadjuvante para Arkin. O filme também venceu o Independent Spirit Award de Melhor Filme além de vários outros prêmios.

O filme é considerado um clássico da comédia e uma das maiores surpresas cinematográfica por ser feito por diretores e roteirista ambos iniciantes.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Diante de uma situação familiar pouco estável, com cada membro da família com suas peculiares diferenças e problemas, surge a notícia que Olive (Abigail Breslin) foi classificada no concurso "A Pequena Miss Sunshine" na Califórnia. Sai então toda a família: O avô paterno de Olive (Alan Arkin), que ensaia todos os dias a neta para o concurso e que foi expulso de uma casa de repouso pelo uso de drogas; o pai Richard (Greg Kinnear) que vende um programa de auto-ajuda para quem quer ser um vencedor, apesar de não obter muito êxito com isso; a mãe típica (Toni Collette), que valoriza a honestidade, mas que de contrapartida é uma fumante compulsiva que desmente tal hábito; o tio Frank (Steve Carell), irmão da mãe de Olive, gay que acaba de tentar um suicídio (por isso é recomendado ficar com a família); e o irmão mais velho Dwayne (Paul Dano), o típico jovem roqueiro, filosófico e revoltado, que obcecado em ser piloto da Força Aérea, faz um "voto de silêncio" até conseguir sê-lo. Todos juntos precisam levar a pequena Olive, sonhadora e desengonçada, com o único meio de locomoção que pode levar toda a família, uma Kombi amarela bastante usada. Na viagem de três dias entre o Novo México e a Califórnia, eles passam por diversos momentos de alegria, tristeza e descobertas.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator / Atriz Personagem
Abigail Breslin Olive Hoover
Greg Kinnear Richard Hoover
Toni Collette Sheryl Hoover
Paul Dano Dwayne Hoover
Steve Carell Frank Ginsberg
Alan Arkin Edwin Hoover
Bryan Cranston Stan Grossman
Dean Norris Policial Estadual McCleary
Wallace Langham Kirby
Beth Grant Jenkins
Jill Talley Kirk
Matt Winston Apresentador

Produção[editar | editar código-fonte]

Roteiro e desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O roteiro foi escrito por Michael Arndt e era originalmente ambientado em uma viagem pela estrada da costa leste de Maryland para a Florida, mas foi transferida para uma viagem do Novo México para a Califórnia por causa de problemas de orçamento.[1] Arndt começou o roteiro em 23 de maio de 2000 e completou o primeiro esboço até três dias depois.[2] Ele tinha inicialmente planejado filmar o próprio filme, investindo milhares de dólares e usando uma câmera de vídeo comum.[3] Em vez disso, ele deu o roteiro para produtores Ron Yerxa e Albert Berger, que se juntaram com Deep River Productions para encontrar um diretor potencial.[4]

Os produtores se reuniram com os diretores Dayton e Faris, produziram uma eleição e por sua vez deram o roteiro para eles lerem em 2001. Os diretores comentaram mais tarde sobre o roteiro afirmando: "Este filme realmente atingiu um acorde. Nós sentimos como se ele tivesse sido escrito para nós."[5] O roteiro foi comprado pela primeira vez pela roteirista Arndt por 250 mil dólares estadunidenses para Marc Turtletaub, um dos produtores do filme, em 21 de dezembro de 2001.[6] Yerxa e Berger permaneceram como produtores pois eram responsáveis ​​por encontrar os diretores e diretor de fotografia, auxiliando na refilmagem e terminando, e ajudando a trazer o filme para o Festival de cinema de Sundance.[7][8]

O filme foi enviado para vários estúdios, e o único estúdio interessado foi a Focus Features que queria filmar no Canadá.[5] Após o estúdio tentar ter o filme mais centrado no personagem Richard Hoover, e Arndt discordando, ele foi demitido e substituído por um outro escritor.[9] O novo escritor adicionou várias cenas, incluindo o confronto de Richard com o personagem que rejeita o seu negócio com a técnica de motivação. A mudança corporativa trouxe um novo chefe de estúdio e Arndt foi recontratado quando o novo escritor estava a quatro semanas de reescrevendo o roteiro.[10] Depois de dois anos de pré-produção, a Focus Features comprou o filme em agosto de 2004. Marc Turtletaub pagou 400 mil para a Focus Features para comprar de volta os direitos para o filme e para os custos de desenvolvimento.[5] Ele também pagou o orçamento de 8 milhões, permitindo em seguida, o início das gravações.[11]

Gravações[editar | editar código-fonte]

A fotografia principal começou em 6 de junho de 2005.[12] As filmagens ocorreram mais de 30 dias no Arizona e no sul da Califórnia, com cenas filmadas em harmonia com a ordem cronológica do roteiro.[13][14][8] Arndt re-escreveu o fim para o filme seis semanas antes do lançamento no Festival de Sundance, e isso foi filmado em dezembro de 2005.[15] A pós-produção foi concluída quatro dias antes de sua triagem em nove telas no Festival de Sundance, onde teve a sua estreia.[7][16] O filme foi dedicado a Rebecca Annitto, a sobrinha do produtor Peter Saraf e um extra em cenas passadas na lanchonete e loja de conveniência, que foi morta em um acidente de carro em 14 de setembro de 2005.[17]

Volkswagen T2 Microbus[editar | editar código-fonte]

Cinco vans modificadas foram utilizadas durante as filmagens para capturar os vários ângulos dos personagens. Ao escrever o roteiro, Arndt escolheu o Volkswagen T2 Microbus para a viagem de estrada com base em sua experiência com o veículo e sua praticidade para as filmagens: "Lembro-me de pensar, é uma viagem, o veículo que você está indo colocá-los nela? E [o] ônibus VW só parecia lógico, só porque você tem esses tetos altos e essas linhas de visão limpa onde você pode colocar a câmera. No pára-brisa dianteiro olhando para trás e vendo todo mundo."[9]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Little Miss Sunshine recebeu críticas geralmente positivas. Tem 91% de aprovação no "Rotten Tomatoes", com este número, o site chegou ao consenso: "Little Miss Sunshine é vencedor graças a um forte elenco que inclui Greg Kinnear, Toni Collette, Paul Dano, Alan Arkin e Abigail Breslim que é tão bom quanto seu roteiro deliciosamente engraçado."[18] No Metacritic tem uma pontuação de 80/100.[19]

Premiações[editar | editar código-fonte]

Oscar 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Pequena Miss Sunshine Indicado
Melhor Ator Coadjuvante Alan Arkin Venceu
Melhor Atriz Coadjuvante Abigail Breslin Indicado
Melhor Roteiro Original Michael Arndt Venceu

Globo de Ouro 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme de Comédia ou Musical Pequena Miss Sunshine Indicado
Melhor Atriz (Comédia ou Musical) Toni Collette Indicado

Screen Actors Guild Awards 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Ator (Coadjuvante/Secundário) Alan Arkin Indicado
Melhor Atriz (Coadjuvante/Secundária) Abigail Breslin Indicado
Melhor Elenco Greg Kinnear, Toni Collette,
Abigail Breslin, Paul Dano,
Alan Arkin e Steve Carell
Venceu

BAFTA (Grã-Bretanha) 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Pequena Miss Sunshine Indicado
Melhor Diretor Jonathan Dayton e Valerie Faris Indicado
Melhor Ator Coadjuvante Alan Arkin Venceu
Melhor Atriz Coadjuvante Abigail Breslin Indicado
Toni Collette Indicado
Melhor Roteiro Original Michael Arndt Venceu

Independent Spirit Awards 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Independente Pequena Miss Sunshine Venceu
Melhor Direção Jonathan Dayton e Valerie Faris Venceu
Melhor Ator Coadjuvante Alan Arkin Venceu
Paul Dano Indicado
Melhor Atriz Coadjuvante Abigail Breslin Indicado
Melhor Roteiro Original Michael Arndt Venceu

MTV Movie Awards 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Pequena Miss Sunshine Indicado
Melhor Revelação Abigail Breslin Venceu

César (França) 2007

Ano Categoria Notas Resultado
2007 Melhor Filme Estrangeiro Pequena Miss Sunshine Venceu

Referências

  1. Roger Moore (16 de agosto de 2006). «Directors keep their 'Sunshine' out of the Sunshine State» (em inglês). articles.orlandosentinel.com. Consultado em 14 de outubro de 2016. 
  2. Arndt, Michael (6 de fevereiro de 2007). Little Miss Sunshine: The Shooting Script. New York: Newmarket Press. p. x. ISBN 1-55704-770-7
  3. Little Miss Sunshine-(Commentários de Jonathan Dayton, Valerie Faris, and Michael Arndt) (DVD). 20th Century Fox. 19 de dezembro de 2006. Event occurs at 11:33.
  4. Ortner, Sherry B. (10 de outubro de 2007). "Little Miss Sunshine Finds Its Way". Anthropology News.48 (Outubro de 2007): 22–23. doi: 10.1525/an.2007.48.7.2 2. Acessado em 20 de julho de 2009.(precisa de registro)
  5. a b c Waxman, Sharon (23 de janeiro de 2006). «A Small Film Nearly Left for Dead Has Its Day in the Sundance Rays» (em inglês). www.nytimes.com. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  6. Press, Skip (2008).The Complete Idiot's Guide to Screenwriting (3rd ed.). New York: Penguin Group. p. 252. ISBN 1-59257-755-5
  7. a b Balfour, Bradley (20 de fevereiro de 2007). «Directors of New Surprise Hit 'Little Miss Sunshine' Under the Spotlight» (em inglês). en.epochtimes.com. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  8. a b Goldstein, Patrick (20 de fevereiro de 2007). «The unkindest cut» (em inglês). www.calendarlive.com. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  9. a b «Little Miss Sunshine: The Shooting Script» (em inglês). FORA.tv. 15 de fevereiro. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  10. «Michael Arndt, Little Mr. Sunshine» (em inglês). SF360. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  11. Scott Bowles (27 de agosto de 2006). «Sunshine Hit» (em inglês). www.usatoday.com. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  12. Fleming, Michael (12 de abril de 2005). «Trio going on road trip» (em inglês). Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  13. Gullién, Michael (20 de julho de 2006). «Little Miss Sunshine —Interview With Valerie Faris and Jonathan Dayton» (em inglês). Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  14. «Fox Searchlight Pictures. "About the Production". el racó interactiu de cinema.» (em inglês). Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  15. Little Miss Sunshine-(Commentary by Jonathan Dayton, Valerie Faris, and Michael Arndt) (DVD). 20th Century Fox. 19 de dezembro de 2006. Event occurs at 1:35:41.
  16. Bandler, Michael (29 de janeiro de 2006). «"Little Miss Sunshine", Sundance Festival Film, Shows Its Glorious Colors» (em inglês). Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  17. «Family sues in death of girl who inspired 'Little Miss Sunshine'» (em inglês). Home News Tribune. Associated Press. 3 de abril de 2007. Consultado em 15 de outubro de 2016. 
  18. «Little Miss Sunshine (2006)» (em inglês). www.rottentomatoes.com. Consultado em 14 de outubro de 2016. 
  19. «Little Miss Sunshine (2006)» (em inglês). www.metacritic.com. Consultado em 14 de outubro de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]