Little Mix

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Little Mix
Little Mix durante uma apresentação na Inglaterra em 2016.
Informação geral
Origem Londres, Inglaterra
País  Reino Unido
Gênero(s)
Período em atividade 2011—presente
Gravadora(s)
Afiliação(ões) T-Boz
Missy Elliot
Sean Paul
Jason Derulo
Kelly Rowland
Mel C
Shaznay Lewis
Influência(s)
Integrantes Jade Thirlwall
Jesy Nelson
Leigh-Anne Pinnock
Perrie Edwards
Página oficial www.little-mix.com

Little Mix é um girl group pop britânico constituído por quatro cantoras, cujas integrantes são Jade Thirlwall, Jesy Nelson, Leigh-Anne Pinnock e Perrie Edwards.[3][4] Formado em 2011 no decorrer da oitava temporada do programa musical The X Factor. Elas foram, e continuam sendo, o único grupo a vencer a referida competição.[5] Conseguinte à sua vitória, assinaram contrato com a gravadora Syco Music, e, como single, lançaram um cover da canção "Cannonball", de Damien Rice que alcançou o número um na UK Singles Charts.[6][7]

Little Mix lançou seu álbum de estreia, DNA, em 2012, que ficou entre os 10 mais vendidos nas paradas musicais de dez países, incluindo o Reino Unido e os Estados Unidos, sendo que nesse último, estreou na posição número 4, estabelecendo o Little Mix como o primeiro girl group desde o Pussycat Dolls a ficar entre os 5 mais vendidos com o seu álbum de estreia, e com tal feito, elas também quebraram o recorde das Spice Girls, por ter sido o girl group britânico que alcançou a posição mais alta na parada dos EUA com um álbum de estreia.[8] No Reino Unido, o álbum gerou o single número-um "Wings". ''Salute'', segundo álbum do grupo, foi lançado em 2013. Seu segundo álbum se tornou top 10 em dois países, no Reino Unido pegou a posição número 2 e nos Estados Unidos acuando-se no número seis.[9] O álbum produziu dois singles top 10 em seu país de origem,"Move" e "Salute".

O grupo lançou o terceiro álbum de estúdio em 2015, Get Weird e é seu álbum mais longo até o momento nas paradas do Reino Unido.[10] O primeiro single "Black Magic", do álbum alcançou o número um no Reino Unido e foi indicado a dois prêmios Brit Awards, em 2016.[11] O quarto álbum estúdio intitulado, Glory Days, tornou-se seu primeiro álbum número um no Reino Unido e passou a ter o maior primeira semana de vendas para um grupo feminino no Reino Unido desde as Spice Girls em 1997 e é o mais rápido vendido por qualquer girl group em 15 anos. Em conjunto de exatas cinco semanas no topo das paradas britânicas, tornaram-se o único grupo feminino deste milênio a conseguir manter um disco estável no topo do Official Charts.[12] O primeiro single, "Shout Out to My Ex" tornou-se o quarto single número um do grupo e consequentemente ganhou o prêmio de Melhor Música Britânica no Brit Awards em 2017 enquanto seu segundo single "Touch" se tornou número cinco, fazendo deste o décimo primeiro single na escala dez no UK Singles Chart.[13]

Little Mix é um dos atos femininos mais bem sucedidos na cultura popular britânica contemporânea: elas apareceram na lista da empresa inglesa Debrett[14] como uma das pessoas mais influentes do Reino Unido.[15][16]O grupo recebeu vários prêmios durante a sua carreira, incluindo dois MTV Europe Music Awards, dois Teen Choice Awards e três prêmios Glamour Awards. Elas também foram indicadas para cinco Brit Awards e um Japan MTV Video Music Awards. Em outubro de 2016, o grupo acumula quatro álbuns de platina certificados no Reino Unido.[17]

História

2011: Formação e The X Factor

Em 2011, Edwards, Thirlwall, Pinnock e Nelson fizeram o teste como solistas para a oitava edição do The X Factor com sucesso, mas não conseguiram passar após o primeiro desafio de bootcamp. No entanto, os juízes decidiram dar-lhes outra chance na categoria Grupos. Elas foram colocadas em conjuntos separadas pelos juízes durante o estágio bootcamp do grupo, com Edwards e Nelson no grupo de quatro membros chamado Faux Pas e Thirlwall e Pinnock em três membros do grupo Orion. Os dois grupos não conseguiram passar através de casas dos juízes. A decisão mais tarde partiu de Kelly Rowland, ex-integrante da Destiny's Child de reunir as quatro garotas juntas[18].

Elas finalmente chegaram aos shows ao vivo e foram orientadas por Tulisa Contostavlos. Durante o primeiro show ao vivo em 8 de outubro de 2011, Rhythmix realiza Super Bass[19] pela artista americana Nicki Minaj. Sua apresentação foi elogiada pelos juízes como Gary Barlow chamando-as de "melhor banda de garotas que já esteve no The X Factor''. Em 26 de outubro de 2011, Rhythmix anunciou que iria mudar seu nome depois de uma disputa com um baseados na caridade de Brighton do mesmo nome[20], após o programa tentou marca "Rhythmix"[21]. Um porta-voz disse: "A pedido da caridade Rhythmix, os membros do grupo das meninas Rhythmix decidiram mudar o seu nome, uma decisão que tem o apoio da Syco". Foi relatado que o grupo decidiu fazer a alteração, sem obrigação legal de fazê-lo, a fim de evitar quaisquer dificuldades para a caridade. Em 28 de outubro de 2011, foi anunciado que o novo nome do grupo seria Little Mix.[22]

Em 20 de novembro de 2011, Little Mix tornou-se o primeiro grupo feminino na história em oito anos do programa a prosseguir para o sétimo show ao vivo. Com o curso restante da competição o grupo geralmente recebia um feedback positivo. Durante a fase semifinal do show, Little Mix realiza a música You Keep Me Hangin' On das The Supremes e If I Were a Boy de Beyoncé. Sua segunda apresentação da noite, geralmente aclamado pelos juízes com Walsh dizendo-lhes que elas têm "potencial incrível" e chamando-as de "a próxima grande girlgroup" também lhes disse que podiam ser "incrivelmente dinâmicas" e "mudar o mundo" quando elas encontrarem a força dentro de si. O grupo avançou até os últimos shows ao vivo, juntamente com Marcus Collins e Amelia Lily seguindo o voto do público. Durante uma apresentação, o jurado Gary Barlow, um dos vocalistas do grupo masculino britânico, Take That declarou que o grupo precisaria de um líder vocal dizendo "Edwards é a melhor vocalista do grupo, e novamente eu repito, ela deveria ser a líder vocal, este grupo precisa de um líder vocal", no mesmo instante Perrie assinalou um não com cabeça e rebateu os comentários de Barlow: "Não haverá um líder vocal, porque todas nós somos igualmente talentosas. Este grupo não precisa de um vocalista líder, todas nós somos a voz do Little Mix".

Em 11 de dezembro, Little Mix foram anunciadas como as vencedoras, o primeiro e único grupo a vencer, junto do cover da canção de Damien Rice "Cannonball", que foi lançado via download digital em 11 de dezembro de 2011, e sob CD em 14 de dezembro de 2011. O seu single de estreou no topo do UK Singles Chart em 18 de dezembro de 2011[23][24], conseguindo número um lugar no Irish Singles Chart, batendo canções por The Saw Doctors e Ryan Sheridan.[25]

2012-13: DNA

Em 25 de janeiro de 2012, Little Mix fez uma aparição no National Television Awards e executou a música do En Vogue, "Don't Let Go''. Elas também acompanharam os colegas e juízes Gary Barlow e Tulisa Contostavlos no palco para receber o prêmio Best Talent Show que havia sido ganhado pelo The X Factor. Em maio de 2012, Little Mix teria assinado um acordo com Vivid Bravado para lançar produtos de assinatura, incluindo bonecas, quebra-cabeças, acessórios e jogos. Antes de seu lançamento single de estreia, a banda cobriu uma versão a cappella do "End Of Time" de Beyoncé e fez o upload no YouTube; A capa foi elogiada publicamente, especialmente pelas impressionantes harmonias do grupo. Mais tarde, em agosto, eles também fizeram upload de uma outra capa, desta vez uma capa acústica de "We Are Young" que novamente recebeu feedback positivo, geralmente, harmonias do grupo. Em 1 de junho, um fragmento de seu single de estreia "Wings" foi exibido no programa Alan Carr: Chatty Man antes de sua data de lançamento posterior em agosto.

Little Mix realizou seu single de estreia "Wings" pela primeira vez no T4 no concerto de praia em 1 de julho. O single estreou no número um no UK Singles Chart[26][27]. Em 31 de agosto de 2012, a autobiografia do grupo, intitulada Ready to Fly, foi lançada por Harper Collins. Neste livro o grupo conta suas experiências durante o The X Factor e suas vidas anteriores. Em outubro de 2012, o grupo foi em uma visita promocional à Austrália devido à sua base de fãs em expansão, destinos incluídos para Melbourne e Sydney. A viagem durou uma semana e o grupo visitou estações de rádio para promover o single e álbum de estreia. Mais tarde seu single Wings recebeu certificado de três vezes platina pelas 170.000 cópias vendidas e respectivamente, emplacou seu primeiro hit top 10 no chart australiano, com Wings pegando a posição número dois.[28][29]

Elas realizaram uma performance seu single "Wings" no The X Factor Australia e no programa de televisão australiano Sunrise.[30] A música alcança subsequentemente o número 2 na Austrália. Seu álbum de estreia, DNA, foi lançado em novembro de 2012. No final do ano, Perrie Edwards teve uma inflamação nas amídalas, tendo que ser submetida a cirurgia, se ausentando de algumas apresentações com a banda até o final do mesmo ano. Nicola Roberts coescreveu uma faixa chamada "Going Nowhere" no álbum. O álbum alcançou #3 na Escócia e no Reino Unido. Um segundo single, "DNA", foi lançado em outubro, e em janeiro de 2013 elas assinaram um contrato de gravação com a Columbia Records na América do Norte. Neste mesmo ano, o álbum alcançou número quatro na Billboard 200[31], fazendo com que o grupo fosse o primeiro a ter uma estreia acima das Spice Girls com Spice, lançado em 1997 e assim, tornando-se o primeiro grupo feminino inglês a ter uma estreia tão alta nas paradas americanas com um álbum debut.[32] "Wings" foi lançado como seu single de estreia na América em 5 de fevereiro de 2013. O grupo embarcou em uma série de promoções nas rádios americanas para promover seu primeiro álbum. A divulgação começou na cidade de Nova York e terminou em Los Angeles. Little Mix apresentou o single Wings no Good Morning America junto do segundo single DNA. Mais tarde, seu single de estreia Wings foi certificado como disco de ouro através da RIAA pelas expedições acima de 500 mil cópias. Em 3 de fevereiro de 2013, elas lançaram "Change Your Life" como o terceiro single do álbum, que figurava no número 12 no UK Singles Chart. Ganhou disco de dupla platina na Austrália. Em 4 de março de 2013, foi anunciado que "How Ya Doin'?" seria lançado como o quarto e último single de seu álbum de estreia. Em 21 de março, elas anunciaram que seu próximo single, "How Ya Doin'?" contaria com a participação da rapper e ganhadora do Grammy, Missy Elliott.[33][34][35] 

Em 4 de abril de 2013, o grupo revelou que o corante de cabelo Schwarzkopf Live Color XXL seria promovido através de seu vídeo musical em um novo acordo de patrocínio. Este estreou no número 57 no UK Singles Chart em 20 de abril de 2013, antes de subir para o número 23 na semana seguinte. Em sua terceira semana, a música atingiu o pico no número 16, marcando Little Mix do quinto consecutivo UK top 20 hit. Ele traçou um total de sete semanas. O quarto single vendeu exatos 120.000 cópias no Reino Unido. O single estreou no número 55 no Irish Singles Chart em 11 de abril de 2013.  Em seguida, subiu o gráfico para pico no número 26. Consequentemente, "How Ya Doin'?" tornou-se o primeiro single de Little Mix a perder o top 20 na Irlanda, mas passou um total de sete semanas nas paradas. O único alcançou o número 16 no Scottish Singles Chart em 11 de maio de 2013, marcando o quinto top 20 atingido na Escócia.

2013-14: Salute e "Word Up!"

Em março de 2013, Little Mix começou sua primeira campanha promocional nos Estados Unidos. Em várias entrevistas com vários sites e entrevistadores de rádio, as meninas disseram que começariam a trabalhar em seu segundo álbum em abril. O grupo começou a escrever e gravar o álbum em abril e concluiu em setembro. Em uma entrevista com Digital Spy em março de 2013, elas declararam que queriam seu segundo álbum para ter um som mais R&B. Elas também revelaram que estariam começando a escrever material para o novo álbum nos próximos meses. Em 4 de outubro, Little Mix enviou um vídeo para sua página oficial do  anunciando que seu segundo álbum seria chamado Salute e estaria disponível para pré-encomenda em 7 de outubro. O álbum foi lançado em 11 de novembro de 2013 no Reino Unido e foi lançado nos Estados Unidos em 4 de fevereiro de 2014.  Durante todo o processo de gravação, Little Mix trabalhou com vários produtores, incluindo TMS, Future Cut, Fred Ball, Duvall e Jimmy Jam e Terry Lewis. O álbum foi em grande parte coescrito por Little Mix, afirmou que elas estavam mais envolvidas no desenvolvimento deste álbum do que com sua estreia.

Em 23 de setembro de 2013, "Move" foi estreado na BBC Radio 1[36]. Para o single, Little Mix trabalhou com Nathan Duvall, um produtor de R&B e Maegan Cottone. "Move" foi lançado em 7 de outubro na Austrália e Nova Zelândia. Mais tarde, foi lançado no Reino Unido e na Irlanda em 3 de novembro. Ele foi enviado para Mainstream Rádio nos EUA em 18 de fevereiro de 2014 e alcançou o número 38 naquele gráfico. A música chegou ao número três no Reino Unido, número 5 na Irlanda, número 19 no Japão e número 12 na Nova Zelândia.

O single também foi gravado na Austrália, Bélgica, Holanda e Eslováquia. Desde então, "Move" foi certificado ouro na Austrália por vendas de 35.000 e ouro no Reino Unido pelas vendas de 400.000. "Little Me" foi selecionado como o segundo single do álbum. A música foi coescrita por TMS e Iain James, e produzido pela TMS. Em 21 de novembro de 2013, Little Mix revelou através de uma mensagem de vídeo do YouTube que eles decidiram lançá-lo como o segundo single, porque  tinha um significado muito para eles e foi escrito com seus fãs em mente. A canção alcançou o número 14 no Reino Unido, o número três na Armênia, o número quinze na Islândia e o número 16 na Holanda. Ele também traçou na Austrália, Irlanda e Líbano. A banda lançou uma versão cover da música do Cameo, Word Up. Como o único oficial para o Sport Relief 2014. A canção chegou ao número seis no Reino Unido e número treze na Irlanda, enquanto também gráficos na Austrália, Áustria, Dinamarca e França.

Little Mix anunciou em 5 de abril de 2014 que a faixa-título "Salute" será lançado como o terceiro single do álbum. Ele impactou nas rádio britânicas em 28 de abril. O vídeo musical oficial estreou em 2 de maio e recebeu mais de um milhão de visualizações menos de 24 horas.  Foi lançado em mundialmente no dia 1 de junho. Em dezembro de 2013, o grupo anunciou as datas do Reino Unido e da Irlanda para sua segunda turnê, The Salute Tour, datas norte-americanas foram adicionadas em abril de 2014. A turnê começou em 16 de maio de 2014 em Birmingham, Inglaterra, no LG Arena e terminou em 27 julho 2014 em Scarborough, Yorkshire norte no teatro do ar livre de Scarborough. Little Mix foram esperadas para iniciar a etapa norte-americana da turnê em setembro de 2014, mas foi cancelado em vista sob seu contrato com a gravadora, que pelas normas contratuais eram: três álbuns em três anos, o grupo cancelou a etapa norte-americana para assinar um novo contrato com sua gravadora, dar prioridade e começar a trabalhar em seu terceiro álbum.[37][38]

2015-16: Get Weird

O grupo em sua turnê, a The Get Weird Tour no ano 2016.

Em fevereiro de 2015 o grupo deu uma entrevista para a ODE durante o Brits Award descrevendo o terceiro álbum como tendo um novo som e de ser diferente de todos os outros anteriores. Mais tarde, o Little Mix admitiu ter descartado um álbum inteiro para construir seu terceiro disco. "Descartamos um álbum que estava pronto por um ano. Escrevemos mais de cem músicas e de nada adiantava. Fizemos todo um processo novamente só para termos nosso terceiro álbum em mãos porque queríamos que tudo ficasse completamente encaixado. Somos perfeccionistas". O primeiro single do terceiro álbum, Get Weird, Black Magic foi planejado para estrear no dia 26 de maio, mas adiantaram a data para 21 de maio, após o single ter vazado nas redes sociais. O single foi lançado digitalmente no Reino Unido em 10 de julho.[39][40] O grupo cantou a música pela primeira vez em junho de 2015 no Summertime Ball da rádio britânica Capital FM no estádio Wembley, o maior evento de música mundial na Inglaterra na presença de 85 mil pessoas. A canção alcançou o primeiro lugar do charts do Reino Unido por três semanas consecutivas ganhando disco de platina, um feito que só as Sugababes haviam conseguido em 2007 com About You Now. Little Mix também coescreveu o single "Pretty Girls" da princesa do pop Britney Spears, que também foi lançado em maio de 2015.[41] O grupo anunciou em 15 de julho de 2015 o título do novo álbum, Get Weird junto com a capa oficial pelo Twitter [42] Em 25 de setembro, a banda lança "Love Me Like You" como o segundo single do álbum. Foi lançado como single apenas no Reino Unido, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia, mas estava disponível para compra como faixa do álbum em todo o mundo. Em agosto do mesmo ano o grupo apresentou-se no Teen Choice Awards com a canção "Black Magic" onde venceu seu primeiro prêmio norte-americano como Melhor Artista Internacional.[43][44]

O grupo apresentou a canção "Love Me Like You" pela primeira vez no X Factor Austrália, em outubro de 2015, em seguida, no famoso Royal Albert Hall, onde encontraram-se com o príncipe Harry em dezembro de 2015 e na Capital Jingle Bell Ball.[45]Em 6 de novembro, o terceiro álbum de estúdio da banda foi lançado em todo o mundo, no dia 2 de outubro o clipe da canção finalmente estreou.[46] Durante a apresentação do grupo no Jingle Bell Ball, as garotas anunciaram seu terceiro single, Secret Love Song, em parceria com o cantor norte-americano Jason Derulo. [47][48]

Secret Love Song era para ter sido supostamente lançado apenas em dois países europeus. Devido ao grande sucesso não esperava-se ficar nas paradas dos charts orientais como Malásia, Filipinas e Singapura. O terceiro single conseguiu entrar no topo do charts das Filipinas ficando por 22 semanas no topo, em conjunto acumulou cinco certificados de discos platinados em alguns países, incluindo a Irlanda, Austrália e Nova Zelândia, e com sorte conseguiu entrada no topo da Billboard Twitter Top Tracks dos Estados Unidos. A segunda parte canção foi bem recebida na comunidade LGBT do que com o cantor Jason Derulo em sua estreia original. Jade Thirlwall nomeou a canção como um hino LGBT desde então dizendo com as seguintes palavras:

Com o grande sucesso do álbum, Get Weird tornou-se o segundo álbum feminino mais vendido na Inglaterra em 2015, depois da cantora soul Adele. Neste mesmo ano Little Mix conseguiu ter duas indicações ao Brits Awards em Melhor Música Britânica e Melhor Vídeo-Clipe Britânico. Get Weird foi certificado como disco de platina em apenas duas semanas de seu lançamento físico. E logo após recebeu novamente certificado platina na Irlanda sendo seu primeiro álbum multi-platina com mais de um milhão de cópias vendidas mundialmente.[49]

Logo após Get Weird consegue platina dupla em solo britânico pelas 700 mil expedições[50]. No mesmo ano Little Mix anuncia uma tour mundial que passaria pela Europa, Oceania, Ásia e Japão se tornando a turnê mais lucrativa e bem-sucedida por Little Mix até então. O grupo também ganhou uma placa com exemplares de exatos 300 mil ingressos vendidos apenas no Reino Unido.[51] Em 20 de abril, Little Mix anuncia o lançamento global de seu último e quarto single, Hair que estaria disponível para download digital. O single foi lançado em 15 de abril de 2016 e alcançou o número 11 no gráfico do Reino Unido, enquanto este atingiu o número 10 na Austrália. Tornou-se o quarto single de Little Mix na escala dez do ARIA Singles Chart no país. Com um total de 18 certificados, se tornando o girl group com mais certificados na Austrália, ultrapassando as Spice Girls que apenas mantiveram um total de 16 certificados.[52][53][54][55][56]

2016: Glory Days e Dangerous Woman Tour

As integrantes deram entrevistas pré destacadas afirmando que o quarto álbum já estaria finalizado e que a faixa-título seria Shout Out To My Ex. Em setembro deste ano, Jesy Nelson destacou que desta vez o álbum voltaria à ter um som no estilo R&B próximo ao antigo álbum Salute.[57] Fontes próximas confirmam que elas pretendem lançar o novo disco ainda este ano junto de seu primeiro e novo single que tem previsão de estreia para o dia 23 de outubro no evento britânico BBC Teen Awards onde seria sua primeira apresentação e divulgação ao vivo. Um suposto videoclipe da canção fora gravado em Alméria na Espanha mas nada ainda foi confirmado. Em 22 de setembro, Little Mix confirma participação como opening act na nova turnê de Ariana Grande, a Dangerous Woman Tour em 2017 onde ficaram do mês de fevereiro até abril[58]. "Pretendemos passar muito tempo na América ano que vem" relata Leigh. Canções como Touch e Shout Out To My Ex estariam entre escolha ao qual deverá ser o carro-chefe desta vez. ''É diferente de tudo que já fizemos", destacou Perrie Edwards. Em 5 de setembro a banda anunciou que sua segunda autobiografia se chamaria Our World, e estaria disponível a venda no dia 22.[59][60][61]

No dia 16 de outubro Little Mix anuncia Shout Out To My Ex como o primeiro single do álbum Glory Days e assim o apresentaram pela primeira vez no programa musical The X Factor.[62] Em menos de 4 dias de lançamento, o novo single conseguiu atingir o topo da parada britânica ficando em primeiro lugar por mais três semanas consecutivas, fazendo de Little Mix o primeiro grupo musical do X Factor a conseguir ter seus quatro singles no topos das paradas do Oficial Charts com mais de 95,000 mil cópias vendidas. O carro-chefe também conseguiu número um na Escócia. O videoclipe fora lançando oficialmente para o dia 21 de outubro. Datas da nova turnê da banda The Glory Days Tour em sua parte no Reino Unido foram adicionadas para o final de 2017[63]. O grupo também apresentou a canção no The X Factor Austrália e na versão italiana do programa. No Canadá, o single estreou no Canadian Hot 100 no número 37, tornando-se o primeiro top quarenta no país. Em 12 de dezembro Little Mix confirmou a canção Touch como o segundo single do quarto álbum. Este alcançou a terceira posição no Oficial Charts, decaindo semanas depois para a quinta posição. O segundo single Touch recebeu certificado de platina pela BPI. Na final do The X Factor, o grupo apresentou-se novamente ao lado de Charlie Puth com a música promocional, Oops, junto de uma mistura com Touch.[64]

Seu quarto álbum de estúdio ficou por 5 semanas consecutivas em primeiro lugar fazendo de Little Mix a ter tido o maior número de semanas em #1 com seu álbum Glory Days[65] sendo este, o álbum por um girl group britânico a ter conseguido ficar em primeiro lugar por mais de 13 dias neste milênio[66][67], quebrando o recorde anteriormente permanecido a Destiny's Child. O clipe de Touch fora liberado no dia 20 de janeiro de 2017 atingindo mais de 1 milhão de visualizações em menos de 24 horas. Little Mix apresentou-se no Kid's Choice Awards com a canção Touch (tendo substituído algumas partes da canção por causa da faixa etária do evento), mais tarde tendo ganho o prêmio de Favorite Global Artist. O grupo foi indicado em três categorias ao Brit Awards, como Melhor Vídeo Clipe do Ano, Melhor Música e Melhor Grupo conseguindo vencer seu primeiro Brit Award como Melhor Música Britânica com "Shout Out To My Ex".[68] Em 3 de março de 2017 o grupo anunciou a canção "No More Sad Songs" como terceiro single do álbum, desta vez, uma diferente versão da original contendo a participação do cantor norte-americano Machine Gun Kelly.[69][70][71]

A primeira apresentação da canção foi oficialmente no BBC Radio 1's Big Weekend. No dia 26 de maio, Little Mix anunciou a canção Power como seu último e quarto single do álbum Glory Days. Desta vez, a canção contêm a participação do rapper inglês, Stormzy.[72][73][74]O vídeo musical estreou no dia 8 de junho atingindo mais de três milhões de visualizações em seu primeiro dia e pegou seu décimo sétimo consecutivo single top 20 do UK Singles Charts. O clipe conteve participações especiais de Alaska Thunderfuck, Courtney Act e Willam Belli do programa RuPaul's Drag Race.[75][76]

Mesmo não sendo single, a canção Oops recebeu mais tarde certificado de prata pelas 200 mil exemplares vendidos confirmados pela BPI. Não muito tempo depois, seu quarto álbum de estúdio, Glory Days foi certificado mais uma vez como platina pelas mais de 600 mil cópias físicas em solo inglês, sendo este, seu segundo álbum dupla platina após o Get Weird.[77][78] Em 4 de junho o grupo foi convidado para apoiar a cantora norte-americana Ariana Grande em um show beneficente #OneLoveManchester devido ao ataque terrorista na cidade após um concerto da cantora de pop. O grupo apresentou seu primeiro single "Wings".

Tanto Little Mix como outras artistas participaram, Niall Horan, Katy Perry, Miley Cyrus, Take That, Robbie Williams, Justin Bieber, Pharrell Williams dentre vários outros. O grupo teve que cancelar sua apresentação com a música Power no programa Britains Got Talent em sua final, consequente a data do show beneficente que ocorreria no mesmo dia.[79][80]

Integrantes

As integrantes do grupo Little Mix

Jesy Nelson

Ver artigo principal: Jesy Nelson

Jessica Louise Nelson nasceu em Romford, Londres, em 14 de junho de 1991. É filha de John Nelson e Janis White. Anos depois de Jesy e seus dois irmãos nascerem, seus pais se separaram. Tem dois irmãos, Jonathan e Joseph. Jesy também sofreu bullying na escola por ser uma pessoa privada. “Não perderia peso por causa da fama, você apenas tem que mostrar quem você é.” – Jesy sobre o fato que envolve o seu corpo. Em sua primeira audição cantou "Bust Your Windows" de Jazmine Sullivan.

Leigh-Anne Pinnock

Ver artigo principal: Leigh-Anne Pinnock

Leigh-Anne Pinnock nasceu em High Wycombe, Buckinghamshire, em 4 de outubro de 1991. Tem duas irmãs mais velhas, Sarah e Sian-Louise. Sua irmã Sarah, é casada com Emmanuel, com quem tem um filho, Kallum. Seus pais, John L. Pinnock e Deborah Thornhill, se separaram em 2008 e se divorciaram em 2009. Seu pai é mecânico e é ex-boxeador e sua mãe trabalha na Escola Comunitária Harlington, em Hayes, Middlesex. Ela sempre amou cantar e tinha um karaokê quanto era mais nova. Sua mãe queria que ela fosse para a faculdade, caso a música não desse certo. Leigh e sua irmã (Sarah), quando eram crianças, fingiam ser as Spice Girls e faziam shows para a família. Antes de entrar no Little Mix, Leigh trabalhou como garçonete no Pizza Hut. Em sua primeira audição cantou "Only Girl (In the World)" de Rihanna.

Jade Thirlwall

Ver artigo principal: Jade Thirlwall

Jade Amelia Thirlwall nasceu em South Shields, Tyne and Wear, em 26 de dezembro de 1992. É filha de James Thirlwall e Norma Badwi. Sua mãe Norma, tem outro filho chamado Karl David. É filha de mãe solteira. Jade já tinha participado do X Factor antes, em 2008 e 2010. Em 2008, quando tinha 15 anos, cantou Where Do Broken Hearts Go da Whitney Houston em sua audição,porém não passou do bootcamp. Aos nove anos, Jade entrou em uma de apresentações, chamada Performers. Jade e um de seus melhores amigos, Joe McElderry, vencendor do X Factor 2009, costumavam fazer duetos juntos. Jade já foi comparada à Cheryl Cole pelo The Mirror. Seus ídolos são Beyoncé Knowles e Diana Ross.

Perrie Edwards

Ver artigo principal: Perrie Edwards

Perrie Louise Edwards nasceu em South Shields, Tyne and Wear, em 10 de julho de 1993. É a filha mais nova de Alexander Edwards (pai biológico) e Deborah (Debbie) Duffy (mãe). Tem um irmão mais velho chamado, Jonnie. Em sua primeira audição cantou "You Oughta Know" da Alanis Morissette. Perrie tinha um padrasto (Mark). Sua mãe e Mark terminaram durante as filmagens do The X Factor. Mark disse que Debbie não tinha tempo para o casamento. Mark conhece Perrie desde quando ela tinha quatro anos. Sua mãe (Debbie) costumava ser uma cantora, mas agora trabalha como assistente de ensino.

Influências

O grupo citou que se influenciam por artistas como Michael Jackson, Beyoncé, The Supremes, En Vogue, Spice Girls e TLC.[81]

Publicidades

Produtos

Em maio de 2012, Little Mix lançou um pacote Union Flag-Tematic realizada na loja Mundial da M&M em Londres. Naquele ano elas também lançaram sua primeira auto-biagrafia, chamado Ready To Fly. O título é uma referência a sua estreia como individuais. O livro foi publicado pela HarperCollins e documenta a viagem do grupo desde a audição para o X Factor.  O grupo assinou um acordo conjunto com a fabricante de brinquedos Vivid e música Merchandiser Bravado para lançar uma gama de produtos, incluindo bonecas, quebra-cabeças, acessórios e jogos.

Durante 2012, Little Mix também revelou gama de roupas infantis com varejista de roupas Primark. A linha é destinada aos 7-13 anos de idade e é composto por acessórios, camisetas, perneiras e vestuário de noite.  Naquele ano o grupo também lançou uma gama de pregos e envoltórios de unhas em parceria com toque elegante e New Look.  No início de 2014, Little Mix lançou sua nova gama de unhas com toque elegante como um resultado do sucesso anterior. Em setembro de 2013, Little Mix lançou sua primeira linha de maquiagem com Collection. Durante Maio de 2014, o grupo juntou-se com Vibe áudio para trazer para fora Little Mix zip auscultadores cabo. Em junho de 2015, Little Mix lançou sua fragrância de estreia Gold Magic. Em dezembro de 2015, foi anunciado que Little Mix seriam as novas embaixadoras globais para as mulheres da marca de fitness USA Pro. Elas desenharam sua própria coleção para a marca. Em 2016, Little Mix lança sua segunda fragrância chamada Wishmaker junto também de sua segunda auto biografia chamada Our World (em português: Nosso Mundo).[82][83][84]

Filantropia

Little Mix participou da gravação do X Factor de 2011 caridade junto com os finalistas do X Factor 2011 e competidores do X Factor anteriores JLS e One Direction. Fizeram o hit de 1978 "Wishing on a Star" por Rose Royce. Todas as receitas do single foi para a caridade das crianças Together para curtas vidas, que fornece assistência e apoio contínuo para a sério e terminal mente crianças doentes, os jovens e as suas famílias a partir do momento do diagnóstico. A canção estreou no número um na parada de singles do Reino Unido com vendas na primeira semana de 98,932 cópias. Em 2012, a banda se apresentou seu single "Change Your Life" nas Children In Need 2012 mostram apelo broadcast, ajudando a aumentar mais de £26.757.446 para a causa que ajuda crianças desfavorecidas no Reino Unido.

Little Mix também apareceu nas duas partes de concertos de caridade Children in Need em2013 para arrecadar dinheiro para a campanha, realizando um medley de seus singles "Change Your Life", "DNA" e "Wings". Elas apresentaram-se ao lado de Kings of Leon, Ellie Goulding, Robbie Williams e outros artistas. O concerto foi transmitido na BBC One, durante as Children In Need.[85]

Em março de 2014, Little Mix uniram-se com BeatBullying, a maior organização anti-bullying na Europa. O quarteto está apoiando a campanha anti-bullying "The Big March" e o projeto #DeleteCyberbullying. A campanha está incitando a Comissão Europeia a introduzir novas leis para proteger as crianças de bullying e cyberbullying, por 77 milhões de euros (£57m) a serem reservados para os serviços que os protegem e para um dia anual da consciência para promover o movimento. Em março de 2014, Little Mix lançou uma capa de single de Cameo, Word Up! como o single oficial para o Sport Relief 2014. Elas se apresentaram ao vivo durante o telethon Sport Relief, levantando um recorde de £51.242.186, na noite que foi transmitido. O grupo também visitou a Libéria para testemunhar o bom trabalho pago pelas doações Sport Relief. Cada membro gravou um diário em vídeo em que elas visitaram hospitais locais e assim descreveram as suas experiências.[86][87][88]

Discografia

Ver artigo principal: Discografia de Little Mix

EPs

Turnês

Suporte

Prêmios e indicações

Referências

  1. «Little Mix's Aspirations, Musical Influences & Collaboration Wish List». 13 de junho de 2005. Consultado em 8 de março de 2010 [ligação inativa] 
  2. Jason Lipshutz (13 de junho de 2005). «Little Mix On Spice Girls Influence & U.S. Success: 'We Feel Like Justin Bieber'». Consultado em 8 de março de 2010 
  3. «Little Mix». ITV. The X Factor. 2011. Consultado em 8 de Julho de 2014 
  4. «Conheça a banda Little Mix - Todateen». Todateen. 17 de setembro de 2012 
  5. «Little Mix make X Factor history as the first girl group to make the final». Mail Online 
  6. «Holding the Christmas No 1? X Factor winners Little Mix release debut single in Perrie and Jade's hometown». Mail Online 
  7. «Little Mix mostra sua trajetória no X-Factor no clipe de "Cannonball", assista!». It Pop! 
  8. «Simon Cowell Congratulates Little Mix After DNA Beats Spice Girls' Record Stateside». The Huffington Post. 8 de Julho de 2014 
  9. «Little Mix - Chart history - Billboard» 
  10. «The Official Top 40 Biggest Albums of 2015 revealed» 
  11. «BRIT Awards 2016 Nominations». Capital FM ]. CapitalFM. 8 de Julho de 2014. Consultado em 14 Janeiro de 2016 
  12. «Little Mix claim fastest-selling UK girl group Number 1 album since Spiceworld» 
  13. «Little Mix's Shout Out to My Ex wins Best British Single». ITV News (em inglês) 
  14. «Debrett's». Wikipedia (em inglês). 27 de abril de 2017 
  15. «Debrett's 500 List: Music». The Telegraph (em inglês) 
  16. «Debrett's reveals its 500 most influential people of 2017». Mail Online 
  17. «Certified Awards» (enter "Little Mix" into the "Keywords" box, then select "Search"). British Phonographic Industry. Consultado em 18 de Julho de 2014 
  18. «Little Mix: The truth behind how the X Factor band were really formed». Dailystar.co.uk (em inglês). 18 de outubro de 2016 
  19. «Little Mix - Super Bass (X Factor performance) Testo Canzone». Lyrics MTV (em italiano). Consultado em 13 de maio de 2017 
  20. «X Factor has a new girl group! Rhythmix changes name to Little Mix following protest from Brighton charity». Mail Online 
  21. Metro.co.uk, Rachel Tarley for (28 de outubro de 2011). «X Factor's Rhythmix announce new name is 'Little Mix' after charity row». Metro. Consultado em 13 de maio de 2017 
  22. Mirror.co.uk (28 de outubro de 2011). «X Factor 2011: Rhythmix change their name to Little Mix after name row». mirror 
  23. «X Factor's Little Mix Cannonballs to Number 1!» (em inglês) 
  24. «Holding the Christmas No 1? X Factor winners Little Mix release debut single in Perrie and Jade's hometown». Mail Online 
  25. «X Factor: Little Mix have lowest-selling winner's single since 2004» (em inglês). www.theguardian.com. 19 de dezembro de 2011. Consultado em 26 fevereiro 2016 
  26. «Little Mix fly to Number 1 with Wings» (em inglês) 
  27. «They've got The X Factor! Little Mix soar straight to the top of the charts with second single Wings». Mail Online 
  28. «Getting used to the finer things! Little Mix sip champagne as they jet to Australia in Business Class». Mail Online 
  29. Chandra, Jessica. «Little Mix in Australia: The Girls on DNA, Bonding, One Direction Comparisons and Amazing Fans». POPSUGAR Celebrity Australia (em inglês) 
  30. «Vídeo: Little Mix canta "Wings" no "X-Factor Austrália"». portalpopline.com.br. Consultado em 13 de maio de 2017 
  31. «Little Mix break Spice Girls' US chart record - NME». NME (em inglês). 5 de junho de 2013 
  32. «Little Mix Breaks Spice Girls' Chart Record». Billboard 
  33. Stickler, Jon. «Little Mix Reveal Video For New Single 'How Ya Doin'?' Feat. Missy Elliott - Watch Now - Stereoboard». Stereoboard.com (em inglês) 
  34. «Little Mix Announce Missy Elliott Collaboration!». Forth 1 (em inglês) 
  35. «Com direito a break, Little Mix se apresenta com 'How Ya Doin' no Alan Carr Chatty Man - Original Tune». Original Tune. 4 de maio de 2013 
  36. «Little Mix Announce New Single 'Move' | MTV UK» (em inglês) 
  37. «Little Mix explica real motivo do cancelamento da Salute Tour USA e desmente rumores! - Febre Teen». febreteen.com.br. Consultado em 13 de junho de 2017 
  38. «Grupo Little Mix cancela a "Salute Tour" nos Estados Unidos | The X Factor Brasil». www.thexfactor.com.br. Consultado em 13 de junho de 2017 
  39. «Black Magic». amazon.co.uk 
  40. «Error - BBC Newsbeat». www.bbc.co.uk (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2017 
  41. «Mix me baby one more time». thesun.co.uk 
  42. «"Little Mix are going to Get Weird on new album: Pop group reveal title and artwork for third LP"» (em inglês). Digital Spy. 31 de Julho de 2015. Consultado em 31 de julho de 2015 
  43. «Perrie Edwards se apresenta com Little Mix no Teen Choice Awards 2015 | E! Online Brasil». Portal POPLine 
  44. «Teen Choice Awards: One Direction, Taylor Swift, Litlle Mix e outros astros que arrasaram no prêmio!». purebreak.com.br (em bretão) 
  45. «Watch: Little Mix Smashed Their Performance Of 'Love Me Like You' On X Factor Australia». capital.com 
  46. [http:www.vagalume.com.br/news/2015/09/09/little-mix-anuncia-lancamento-de-novo-single-love-me-like-you.html «Little Mix anuncia lançamento de novo single, "Love Me Like You". publicado= Vagalume.com»]. 13 de junho de 2005. Consultado em 8 de março de 2010 
  47. «Little Mix on twitter» (em inglês). twitter. 10 de dezembro de 2015. Consultado em 15 de dezembro de 2015 
  48. «Little Mix on twitter» (em inglês). twitter. 10 de dezembro de 2015. Consultado em 15 de dezembro de 2015 
  49. «Little Mix». Little Mix (em inglês). Consultado em 12 de junho de 2017 
  50. «Stats: Shout Out To My Ex is #1 in the UK! | Little Mix: Receipts. - Classic ATRL». classic.atrl.net (em inglês). Consultado em 13 de maio de 2017 
  51. «LM Music Facts on Twitter». Twitter 
  52. «Perrie Edwards Celebrates Little Mix's Reign As Most Certified Girl Group in Australia». Perrie Edwards Celebrates Little Mix’s Reign As Most Certified Girl Group in Australia | Little Mix, Perrie Edwards : Just Jared Jr. Consultado em 29 de maio de 2017 
  53. «Little Mix break Spice Girls chart record in Australia: Pressparty». Pressparty (em inglês). Consultado em 29 de maio de 2017 
  54. «Little Mix Become Most Single Certified Girl Group In Australia». CelebMix (em inglês). 24 de julho de 2016 
  55. «Little Mix Become Most Single Certified Girl Group In Australia». CelebMix (em inglês). 24 de julho de 2016 
  56. «Only Austrália: Little Mix se torna a girlband mais certificada da história no país». BCharts. Consultado em 29 de maio de 2017 
  57. «Little Mix's fourth album: What We Know So Far - CelebMix». CelebMix (em inglês). 16 de maio de 2016 
  58. «Little Mix é confirmado como ato de abertura da nova turnê de Ariana Grande | Tracklist». Tracklist. 24 de setembro de 2016 
  59. «Little Mix anuncia segundo livro, chamado "Our World", para outubro!». Terra 
  60. «Little Mix anuncia título e data de lançamento de sua autobiografia - Música - Jovem Pan FM São Paulo 100.9». Jovem Pan FM. Consultado em 19 de junho de 2017 
  61. «Little Mix anuncia título e data de lançamento de sua autobiografia - Música - Jovem Pan FM Grande Porto Alegre 90.7». Jovem Pan FM. Consultado em 19 de junho de 2017 
  62. «Zayn Malik's Probably Not Going To Be A Fan Of Little Mix's New Single». HuffPost UK (em inglês). 10 de outubro de 2016 
  63. «Little Mix marca turnê do "Glory Days" para daqui um ano». portalpopline.com.br. Consultado em 13 de maio de 2017 
  64. «VIDEO: Little Mix & Charlie Puth Perform 'Oops' on 'X Factor' Final». VIDEO: Little Mix & Charlie Puth Perform ‘Oops’ on ‘X Factor’ Final | Charlie Puth, Little Mix, Television, Video, X Factor : Just Jared Jr. Consultado em 13 de maio de 2017 
  65. «Little Mix's Glory Days is the millennium's longest reigning girl group Number 1» (em inglês) 
  66. Metro.co.uk, Rebecca Lewis for (6 de janeiro de 2017). «Little Mix match a record so far only set this millennium by Destiny's Child». Metro. Consultado em 13 de maio de 2017 
  67. «Little Mix Have The Longest Running Girl Group No.1 Album Of The Millennium | MTV UK» (em inglês) 
  68. «Little Mix's Reaction To Their Brit Awards Win Was Typically Brilliant». HuffPost UK (em inglês). 22 de fevereiro de 2017 
  69. «Little Mix anuncia 'No More Sad Songs' como novo single - e inclui 'feat' com Machine Gun Kelly - Original Tune». Original Tune. 1 de março de 2017 
  70. «Pode entrar, 3º hit! Little Mix anuncia "No More Sad Songs", com participação do Machine Gun Kelly, como single». It Pop! 
  71. «Little Mix anuncia "No More Sad Songs" como seu novo single». Nação da Música (@nacaodamusica). 1 de março de 2017 
  72. «Little Mix anuncia "Power" como o próximo single e divulga data do clipe!». purebreak.com.br (em bretão) 
  73. «Little Mix anuncia clipe de "Power" para a próxima semana com remix de Stormzy». portalpopline.com.br. Consultado em 29 de maio de 2017 
  74. «Little Mix anuncia "Power" como o próximo single e divulga data do clipe!». Terra 
  75. «Drags de "RuPaul's" estão dominando as fotos do novo clipe do Little Mix». PAPELPOP. 6 de junho de 2017 
  76. «Little Mix Power video to star their mums and drag queens». Mail Online 
  77. «Little Mix ganha platina dupla com "Glory Days" no Reino Unido - Jornal De Olho em Boituva». Jornal De Olho em Boituva. 12 de junho de 2017 
  78. «Little Mix ganha platina dupla com "Glory Days" no Reino Unido | Midiorama». www.midiorama.com. Consultado em 12 de junho de 2017 
  79. «Little Mix se apresenta no palco durante o concerto beneficente 'One Love Manchester' no estádio Old Trafford em Manchester, Inglaterra - 04/06/2017 x12». Os Messiah 
  80. «One Love Manchester: Ariana Grande, Justin Bieber, Miley Cyrus, Katy Perry e mais homenageiam vítimas de atentado». G1 
  81. «Discover who influenced Little Mix». inflooenz.com (em inglês). Consultado em 18 de junho de 2017 
  82. «Little Mix anuncia segundo livro, chamado "Our World", para outubro!». purebreak.com.br (em bretão) 
  83. «Little Mix lança seu segundo livro, Our World». Little Mix. 20 de outubro de 2016 
  84. «Little Mix anuncia lançamento da autobiografia "Our World"». portalpopline.com.br. Consultado em 29 de maio de 2017 
  85. «Little Mix medley at Children in Need Rocks 2013, Rocks 2013, 2013, BBC Children in Need». BBC. Consultado em 29 de maio de 2017 
  86. «Leigh-Anne from Little Mix in Liberia for Sport Relief». Comic Relief (em inglês) 
  87. «Little Mix break down in tears as they describe trip to Liberia». Mail Online 
  88. Scott, Sarah (21 de janeiro de 2014). «Chart toppers Little Mix visit Liberia with Sport Relief». nechronicle 

Ligações externas

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons