Livraria Cultura

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Livraria Cultura
Livraria Cultura SA
Livraria Cultura.jpg
Slogan "Ler para Ser"
Tipo Sociedade Anônima
Fundação 1947
Sede São Paulo, SP  Brasil
Pessoas-chave Pedro Herz
Fabio Herz
Sergio Herz
Empregados Aproximadamente 1800
Produtos Livros
CDs
DVDs
Blu-ray
Vinis
Brinquedos
eBooks
Games
Kobos
Cursos
Página oficial www.livrariacultura.com.br

A Livraria Cultura é uma livraria brasileira, fundada em 1947 por Eva Herz (1911-2001) no Centro de São Paulo – mais especificamente, na Rua Augusta[1]. Atualmente, a Livraria Cultura está presente em 17 cidades do Brasil, como Brasília, Campinas, Curitiba, Fortaleza, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro e Salvador, além de ter uma loja Geek.Etc.Br na capital paulista.

Pioneira na venda de livros pela Internet no Brasil, possui um catálogo com aproximadamente 9 milhões de títulos em livros; 600 mil em música, filmes, games e revistas; 30 mil eBooks em português e 1,8 milhão de títulos de eBooks em outras línguas, além de obras de arte e cursos exclusivos. com grande variedade de materiais em diversos idiomas. Dispõe, também, de loja online, com serviço de entrega para todo o país e exterior.

Presente em seis unidades da rede, o Teatro Eva Herz - com capacidade para até 200 pessoas cada um - oferece uma programação cultural com produções teatrais, debates e shows. Mensalmente, a Livraria Cultura publica a Revista da Cultura, distribuída gratuitamente em todas as lojas.

Na comemoração de seus 60 anos, em 2007, a Livraria Cultura renovou sua identidade visual e também sua visão como empresa. A unidade da Avenida Paulista foi reinaugurada em 21 de maio de 2007, no espaço antes ocupado pelo histórico Cine Astor, substituindo as quatro lojas menores existentes no Conjunto Nacional.

Com o tempo, as quatro lojas reabriram: uma, no final de 2007, abrigando apenas os livros de arte; entre 2008 e 2009, as outras três, em parceria com as editoras Companhia das Letras, Instituto Moreira Salles e Record, em um processo conhecido como varejo customizado.

Em 2013, a loja da Record fechou dando lugar à primeira unidade da Geek.Etc.Br e, em 2014, a loja do Instituto Moreira Salles mudou para outro endereço. No começo de 2016, a loja de artes e a Geek deixaram de ocupar as duas lojas externas. Os livros de fotografia e artes foram realocados para dentro da loja principal e a Geek passou a ocupar o espaço da antiga loja da Companhia das Letras.

</ref>

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.