Livro Negro de Carmarthen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Uma página do manuscrito

O Livro Negro de Carmarthen (em galês, Llyfr Du Caerfyrddin) é possivelmente um dos primeiros manuscritos sobreviventes escritos somente em galês.[1] O livro é datado de meados do século XIII; a origem do seu nome vem do evangelista Teulyddog de Carmarthen, e é denominado "negro" por causa da encadernação escura. O auto é desconhecido, embora especialistas acreditem que é uma obra de um só escriba.[2] Atualmente faz parte do acervo da Biblioteca Nacional de Gales, onde está catalogado como NLW Peniarth MS 1.


Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Daniel Huws of the National Library of Wales (Llyfrau Cymraeg 1250–1400, Aberystwyth 1993).
  2. «The Black Book of Carmarthen». National Library of Wales. Consultado em 2 de junho de 2016.. Arquivado do original em 23 de julho de 2015