Lola, érase una vez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Lola... érase una vez!)
Ir para: navegação, pesquisa
Lola, érase una vez
Logotipo da telenovela.
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 min. (aprox.)
Criador(es) Solange Keoleyan
Maria Eugénia Balmori
Pedro Armando Rodriguez
Alejandra Romero Meza
País de origem  México
Idioma original Espanhol
Produção
Diretor(es) Juan Carlos Muñoz
Luis Pardo
Produtor(es) Cris Morena
Pedro Damián
Elenco Aarón Diaz
Eiza González
Patricio Borghetti
Grettell Valdéz
Alberto Agnesi
Viviana Ramos
ver mais
Tema de abertura "Si me besas, Flores amarillas e Masoquismo", Lola.
Exibição
Emissora de televisão original Televisa
Transmissão original 26 de fevereiro de 2007 - 11 de janeiro de 2008
N.º de episódios 145 (1º temporada)
85 (2º temporada)
Cronologia
Último
Código postal
Próximo

Lola, érase una vez é uma telenovela juvenil mexicana produzida por Pedro Damián para a Televisa e exibida pelo Canal de las Estrellas entre 26 de fevereiro de 2007 e 11 de janeiro de 2008. [1] A partir de 19 de março de 2007 passou a ser exibida no Canal 5, às 20:00, sendo a primeira transmitida no canal.[2] É um remake da telenovela argentina Floricienta, produzida em 2004. A trama foi protagonizada por Eiza González e Aarón Díaz e antagonizada por Grettell Valdez, Lorena Herrera, Karla Cossio, Salvador Zerboni e Viviana Ramos.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Esta é a romântica e divertida história de Lola, uma moderna, rebelde e otimista garota, que não espera de braços cruzados que uma fada madrinha lhe resolva os problemas com sua varinha, por isso sai ao mundo para buscar a felicidade por si mesma. Sua maior alegria é cantar e dançar con o grupo musical que formou com seus amigos. A Lola, nenhum trabalho a intimida. Sem ter experiencia, consegue emprego como ajudante de babá na luxuosa mansão dos Von Ferdinand, e despois de lidar com umas travessuras, sua vibrante personalidade lhe gahna o carinho e a confiança dos diabinhos que tem que atender: Otto de 8 anos, Boris de 12 , Marion de 14, e os gêmeos Archie e Marcus, de 17 años.

O príncipe do conto é Alexander, o maior dos Von Ferdinand. No entanto, este príncipe não pensa em se apaixonar. Devido a trágica morte de seu pai em um acidente, Alexander abandonou seus estudos de mestre para ficar a cargo de seus irmãos e dos negocios da familia. Seu coração está fechado para o amor e a alegria, e sua maior dor de cabeça é a rebeldia de seus irmãos.

As crianças descobrem que Lola sai sem permissão para cantar com seu grupo e a obrigam a levar-los com ela. Os jovens encontram na música a emoção e a libertade que lhes faltavam em sua rígida educação,

Mas a vida de Lola se complica, porque em todo bom conto não pode faltar a bruxa má, e este papel corresponde a Montserrat, a madrinha de Alexander, uma mulher perversa cuja maior ambição é casar-lo com sua filha maior, Carlota, para apoderar-se da fortuna dos Von Ferdinand. Mas seu principal obstáculo é Lola, por isso está decidida a destruí-la.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Outras mídias[editar | editar código-fonte]

A partir de 13 de abril de 2007 foi lançada uma revista da novela, dirigida ao público infanto juvenil. Inicialmente as edições eram mensais.[3] Devido ao grande sucesso, a partir de agosto do mesmo ano, a revista ganhou edições a cada 15 dias. [4]

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

Lola, érase una vez - Volume 1[editar | editar código-fonte]

  • 01. Si Me Besas
  • 02. Sé Muy Bien
  • 03. Lo Que No Fue Será
  • 04. Sapo Azul
  • 05. Espiral
  • 06. Princesa
  • 07. Ven y Dime
  • 08. Y Te Vas de Aquí
  • 09. Masoquismo
  • 10. Tu Circo
  • 11. Mágico
  • 12. Sabré Que Eres Tú

Lola, érase una vez - Volume 2[editar | editar código-fonte]

  • 01. Basta
  • 02 Dejame Volar
  • 03 Si Vendras
  • 04. Flores Amarillas
  • 05. Hoy Sin Ti
  • 06. La Vida Es Una Cancion
  • 07. Cuando Te Vallas
  • 08. Nada Cambio
  • 09. Puedo Sentir
  • 10. Voy A Salir A Buscarte
  • 11. Ya Te Vi
  • 12. Yo Estoy Aqui

Prêmios e Indicações[editar | editar código-fonte]

Prêmio TVyNovelas 2008[editar | editar código-fonte]

Categoria Nomeado(a) Resultado
Melhor atriz revelação Eiza González Ganhadora
Melhor atuação infantil Octavio Ocaña Ganhador
Melhor direção de camêras Vivian Sánchez Ross
Daniela Ferrer
Nomeadas

Outras versões[editar | editar código-fonte]

Lola, Érase Una Vez é a versão mexicana da telenovela argentina Floricienta que conta com 2 temporadas, feita por Cris Morena Group y RGB Entertainment para Canal13 da Argentina em 2004-2005. Dirigida por Martín Mariani, foi protagonizado por Florencia Bertotti e Juan Gil Navarro.

Referências

  1. «Van por todo con "Lola"». El Universal. 24 de fevereiro de 2007. Consultado em 17 de novembro de 2015. 
  2. «Se "mudará" la telenovela "Lola, érase una vez" al Canal 5». El Universal. 16 de março de 2007. Consultado em 17 de novembro de 2015. 
  3. «Estrenará ‘‘Lola, érase una vez’’ su revista mensual». Las noticias Mexico. 12 de abril de 2007. Consultado em 17 de novembro de 2015. 
  4. «Revista Lola érase una vez ahora quincenal y se lanzará edición especial». Tv y Espectaculos. 14 de agosto de 2007. Consultado em 17 de novembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]