Lolita Rodrigues

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lolita Rodrigues
Lolita Rodrigues c. 2000
Nome completo Sylvia Gonçalves Rodrigues Leite
Outros nomes La Salerosa
Nascimento 10 de março de 1929 (89 anos)
Santos, SP
Brasil
Ocupação Atriz, cantora e apresentadora
Cônjuge Aírton Rodrigues (1951-1983)

Sylvia Gonçalves Rodrigues Leite (Santos, 10 de março de 1929), conhecida pelo nome artístico de Lolita Rodrigues, é uma atriz, cantora, e apresentadora brasileira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha dos imigrantes espanhóis Isaac e Isolina, cresceu acostumada a ouvir seus familiares cantando canções espanholas.[1] Em 1939, aos 10 anos, iniciou sua carreira participando de programas na Rádio Record, em São Paulo[2]. Sua beleza e graciosidade eram tamanhas que fora apelidada de La Salerosa. Sempre cantando, passou pelas rádios Bandeirantes, Cultura e Tupi, chegando a ganhar dois Troféus Roquette Pinto como "Melhor Cantora Internacional".O nome artístico foi dado pela mãe em homenagem a uma prima da Espanha de mesmo nome[3].

Na inauguração da TV Tupi, em 1950, Lolita substituiu Hebe Camargo, sua amiga de longa data, e cantou o hino especialmente feito para aquela ocasião, o Hino da Televisão Brasileira, com letra do poeta Guilherme de Almeida.[4]

Em 1952, começou a namorar com Aírton Rodrigues, casando-se alguns anos depois. Tiveram apenas uma filha, a médica e professora Sílvia. Juntos, o casal apresentou, a partir de 1956 e durante longos anos, os programas "Almoço com as Estrelas" e "Clube dos Artistas", na TV Tupi de São Paulo, onde fizeram grande sucesso[2] . Após 31 anos de casamento, o casal se separou, porém não oficialmente; Aírton morre alguns anos depois, tornando-a oficialmente viúva.

O sonho de Lolita era se tornar atriz, realizando-se em 1957, a convite de Cassiano Gabus Mendes, quando interpretou a cigana Esmeralda, sua primeira protagonista na telenovela O Corcunda de Notre Dame, exibida às terças e sexta-feiras, onde cantava, dançava, representava e tocava castanhola. Ela também participou da primeira novela diária da televisão, a 2-5499 Ocupado, formando o triângulo romântico com Glória Menezes e Tarcísio Meira.

No dia 7 de abril de 2000, foi convidada junto a Hebe Camargo e Nair Bello para uma entrevista no Programa do Jô na Rede Globo.[5] e falaram sobre o tão temido Hino à 'Televisão Brasileira'.

Por décadas, foi a melhor amiga de Nair Bello, até sua morte, em 2007. Juntas, contracenaram nas telenovelas A Viagem, Uga Uga, Kubanacan e no extinto Zorra Total (atualmente Zorra).

Em 2009, é lançado “De Carne e Osso”, biografia de Lolita Rodrigues escrita pela jornalista Eliana Castro, que faz parte da Coleção Aplauso, da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo.

O autor de novelas da Rede Globo, Manoel Carlos, presenteou a atriz pelos seus 80 anos completados em 2009 com um papel de destaque em sua novela Viver a Vida. Lolita interpretou Noêmia, mãe do protagonista Marcos vivido pelo ator José Mayer.[6] Em 2015, encerrou oficialmente sua carreira e mudou-se para João Pessoa, onde vive com a filha, Silvia. [7]

Longe da TV a mais de 8 anos, Lolita Rodrigues esteve presente em São Paulo no dia 18 de dezembro de 2017, para assistir o espetáculo "Hebe o musical" que retrata a vida da apresentadora que foi muito amiga de Lolita.[8]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ano Novela Personagem
2009 Viver a Vida Noêmia
2006 Pé na Jaca Carmen
2003-

2006

Zorra Total Ornela
2003 Kubanacan Dona Isabelita
2000 Uga Uga Carmem
1999 Terra Nostra Dolores
1999 Louca Paixão Helena
1998 Estrela de Fogo Clara
1998 Do Fundo do Coração Alzira
1997 Uma Janela para o Céu Dona Dalva
Canoa do Bagre Clarita
1996 Razão de Viver Carmem
1994 A Viagem Fátima
1992 Despedida de Solteiro Emília
1990 A História de Ana Raio e Zé Trovão Verônica
1990 Rainha da Sucata Lena
1987 Sassaricando Aldonza
1986 Memórias de um Gigolô Antonieta
1978 O Direito de Nascer Dora
1972 Quero Viver Severina
1971 Os Deuses Estão Mortos Eleonora
1970 As Pupilas do Senhor Reitor Joana
1969 Algemas de Ouro Linda
1968 A Última Testemunha Constância
1966 Anjo Marcado Júlia
1965 Em Busca da Felicidade Anita
1965 Ontem, Hoje e Sempre Laura
1964 O Pintor e a Florista Clélia
1964 Ambição Guida
1964 Mãe Maria
1963 Aqueles que Dizem Amar-se Mariana
1963 2-5499 Ocupado Laura
1957 O Corcunda de Notre Dame Esmeralda
1958
1960
TV de Comédia Vários personagens
1954
1959
TV de Vanguarda Vários personagens
1954 A Muralha Antônia Gusmão
Cinema
1946 Quase no céu Cia Cinematográfica Tupi
Programas de TV
1950 Música e fantasia Tupi
1952-1980 Clube dos artistas Tupi/SBT
1954-1982 Almoço com as estrelas Tupi/SBT
1960-1963 Você faz o show Tv Jornal do comércio

Recife- PE

1960 Chá das bonecas Tupi
1995 Papo sério Tv Manchete

Referências

  1. «Biografia de Lolita Rodrigues». NetSaber. Consultado em 15 de fevereiro de 2012. 
  2. a b «Vida de Lolita Rodrigues». Contigo. Consultado em 15 de fevereiro de 2012. 
  3. «Uma Santista em cartaz há 71 anos». Novo Milênio. Consultado em 3 de fevereiro de 2016. 
  4. Danilo Casaletti (18 de setembro de 2010). «Lolita Rodrigues: ela cantou o hino da TV brasileira». Revista Época. Consultado em 13 de fevereiro de 2012. 
  5. «Jô Soares reapresenta o programa com Hebe Camargo, Nair Belo e Lolita Rodrigues». 01 de outubro de 2012  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. desconhecido (23 de março de 2009). «Lolita Rodrigues recebe homenagem de Manoel Carlos». Área Vip. Consultado em 13 de fevereiro de 2012. 
  7. Janaina Nunes (5 de novembro de 2015). «Aos 86 anos, Lolita Rodrigues se 'exila' da TV: 'Envelhecer é uma indignidade'». Notícias da TV. Consultado em 3 de fevereiro de 2016. 
  8. «Longe da TV há 8 anos, Lolita Rodrigues assiste peça sobre a amiga Hebe Camargo em SP». Extra Online 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.