Long Live the Kane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde janeiro de 2014). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Long Live the Kane
Álbum de estúdio de Big Daddy Kane
Lançamento 21 de Junho de 1988
Gravação 1987–1988
Gênero(s) Golden age hip hop
Duração 46:40
Gravadora(s) Cold Chillin'/Warner Bros. Records
25731
Produção Marley Marl
Certificação Ouro (RIAA)
Cronologia de Big Daddy Kane
It's a Big Daddy Thing
(1989)

Long Live the Kane é o álbum de estreia do MC Big Daddy Kane, lançado pela Cold Chillin' Records em 1988. Foi produzido por Marley Marl e estabilizou os dois como artistas principais durante a era de ouro do hip hop. Kane mostrou a sua técnica de rapping única enquanto cobria assuntos como amor ("I'll Take You There"), afrocentricidade ("Word to the Mother(Land)") e sua proeza no rap ("Set It Off"). Marley Marl mostra um estilo de produção esparso - criando bases com baterias aceleradas e samples de James Brown levemente utilizados.

Quatro singles foram lançados em promoção do primeiro álbum de Kane: "Raw/Word to the Mother (Land)," "Ain't No Half-Steppin'/Get Into It," "I'll Take You There/Wrath of Kane" e "Set It Off/Get Into It." O single mais bem sucedido comercialmente foi "Ain't No Half-Steppin'," que chegou ao número 53 na parada Hot R&B/Hip-Hop Singles & Tracks, e "I'll Take You There", que alcançou o número 73 na mesma parada, mas também chegou ao número 21 na parada Hot Rap Singles. Os outros dois singles não chegaram as paradas, mas "Raw" e "Set It Off" popularizaram o estilo acelerado de Big Daddy Kane e uso abundante de jogo de palavras. "Raw" e "Ain't No Half Steppin'" são descritos como "sensação[ões] underground" e "clássico[s]" por Steve Huey do Allmusic.[1] "Raw" não aparece em Long Live the Kane, mas um remix que utiliza a mesma base sim.

Recepção[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Allmusic 4.5 de 5 estrelas.[2]
Robert Christgau (B)[3]
The Daily Vault A−[4]
Los Angeles Times 3 de 4 estrelas.[5]
Music Hound 4.5 de 5 estrelas.[6]
Rhapsody (favorável)[7]
Rolling Stone 4 de 5 estrelas.[6]
The Source 5 de 5 estrelas.[8]
Virgin Encyclopedia 4 de 5 estrelas.[6]

Em 1998, o álbum foi selecionado como um dos 100 Melhores Álbuns de Rap da revista The Source.[9][10] Em 1999, ego trip o elegeou o sexto melhor álbum de hip hop lançado em 1988.[9] em 1989, Spin o escolheu o vigésimo melhor álbum de 1988.[9] Nas elegeu o álbum como um dos seus 25 Álbuns Favoritos.[11]

Foi certificado como disco de ouro pela Recording Industry Association of America em 1989, e continua sendo um dos dois únicos álbuns de Kane que vendeu mais de 500,000 cópias.[12] O outro álbum a alcançar status de ouro, It's a Big Daddy Thing, é dito como o único álbum a rivalizar Long Live the Kane como o melhor álbum de Kane.

Lista de faixas[editar | editar código-fonte]

# Título Compositores Produtor Cantores Samples
1 "Long Live the Kane" A. Hardy (AKA Big Daddy Kane) Marley Marl Big Daddy Kane
2 "Raw (Remix)" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane
  • "Escape-ism" as performed by James Brown
  • "Hot Pants. . . I'm Coming, I'm Coming, I'm Coming" as performed by Bobby Byrd
  • "Mama Feelgood" as performed by Lyn Collins
3 "Set It Off" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane
4 "The Day You're Mine" A. Hardy, A. Boothe Marley Marl Big Daddy Kane
5 "On the Bugged Tip" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane, Scoob Lover
  • "I Like It" as performed by DeBarge
  • "Down by Law" as performed by Grand Wizard Theodore
6 "Ain't No Half-Steppin'" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane
  • "Ain't No Half Steppin'" as performed by Heatwave
  • "Big Water Bed" as performed by Monk Higgins & the Specialties
  • "Ease on Down the Road" as performed by Quincy Jones
  • "Blind Alley" as performed by The Emotions
  • "UFO" as performed by ESG
  • "Big Beat" as performed by Billy Squier
7 "I'll Take You There" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane
  • "I'll Take You There" as performed by The Staple Singers
8 "Just Rhymin' with Biz" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane, Biz Markie
  • "Synthetic Substitution" as performed by Melvin Bliss
  • "The Payback" as performed by James Brown
  • "I Promise to Remember" as performed by the Jimmy Castor Bunch
  • "Funky President (People It's Bad)" as performed by James Brown
9 "Mister Cee's Master Plan" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane, Mister Cee
  • "Get on the Good Foot" as performed by James Brown
  • "I Promise To Remember" by The Jimmy Castor Bunch
  • "Before I Let Go" by Maze Featuring Frankie Beverly
  • "It's My Thing" as performed by Marva Whitney
  • "I'm Chief Kamanawanalea (We're the Royal Macadamia Nuts)" as performed by The Turtles
  • "Who's the Man (with the Master Plan)" as performed by the Kay Gees
  • "Eric B. is President" as performed by Eric B. & Rakim
  • "The Vapors" as performed by Biz Markie
  • "ABC" as performed by The Jackson Five
  • "Death Mix (Side Two)" as performed by Afrika Bambaataa
  • "Just Rhymin' With Biz" as performed in previous track of this album by Big Daddy Kane
  • "Al-Naafiysh" as performed by Hashim
  • "Here We Go (Live at the Funhouse)" as performed by Run-D.M.C.
  • "The New Style" as performed by Beastie Boys
  • "Move Your Body" as performed by Marshall Jefferson
10 "Word to the Mother (Land)" A. Hardy Marley Marl Big Daddy Kane
  • "Gimme What You Got" as performed by Le Pamplemouse
  • "I'll Take You There" as performed by The Staple Singers
  • "Funky President (People It's Bad)" as performed by James Brown

Referências