Lordelo (Vila Real)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portugal Portugal Lordelo 
  Freguesia  
Pelorinho de Lordelo
Pelorinho de Lordelo
Bandeira de Lordelo
Bandeira
Brasão de armas de Lordelo
Brasão de armas
Localização no concelho de Vila Real
Localização no concelho de Vila Real
Lordelo está localizado em: Portugal Continental
Lordelo
Localização de Lordelo em Portugal
Coordenadas 41° 19' 01" N 7° 46' 16" O
País Portugal Portugal
Concelho Vila Real brasão.gif Vila Real
Fundação 12 de Novembro de 1519 (foral)
Administração
 - Tipo Junta de freguesia
 - Presidente José Duarte de Carvalho Gomes (PPD/PSD)
Área
 - Total 5,16 km²
População (2011)
 - Total 3 169
    • Densidade 614,1 hab./km²
Código postal 5000–(054,161 a 218) Vila Real
Orago Santa Maria Madalena

Lordelo é uma vila e freguesia portuguesa do concelho de Vila Real. A freguesia, de perfil urbano,[1] tem 5,16 km² de área[2] e 3 169 habitantes (2011[3]). Das 20 freguesias do concelho resultantes da reorganização administrativa de 2012/2013,[4] é a 18.ª em área, a 4.ª em população residente e a 3.ª em densidade populacional (614,1 hab/km²).

Inclui no seu território as seguintes localidades: Cales, Laverqueira, Lordelo (sede) e Petisqueira. Nela se situam ainda o Hospital de Vila Real, a Escola Superior de Enfermagem de Vila Real e a Feira do Levante.

É uma das freguesias periurbanas de Vila Real (confronta com a freguesia urbana de Vila Real) e um dos eixos de expansão da cidade.

População da freguesia de Lordelo (desde 1801)
1801

[5]

1849

[6]

1864

[7][8]

1878

[7][9]

1890

[7][10]

1900

[7][11]

1911

[7][12]

1920

[7][13]

1930

[7][14]

1940

[7][15]

1950

[7][16]

1960

[7]

1970

[17]

1981

[18]

1991

[19]

2001

[20]

2011

[3]

654 * 653 710 767 830 844 962 848 844 1 157 1 281 1 345 1 414 1 598 2 059 2 886 3 169
* Nesta data a freguesia constituía um concelho próprio, encravado dentro do concelho de Vila Real
Distribuição da População por Grupos Etários em 2001 e 2011
Idade 0-14 15-24 25-64 > 65 0-14 15-24 25-64 > 65
2001 542 504 1.534 306 18,8% 17,5% 53,2% 10,6%
2011 535 355 1.869 410 16,9% 11,2% 59,0% 12,9%

História[editar | editar código-fonte]

Lordelo foi elevada a vila e sede de concelho, constituído por uma única freguesia, por foral de D. Manuel I datado de 12 de Novembro de 1519.[21] Era donatário o Marquês de Távora. Em 1759, com a extinção da Casa dos Távoras por acusação de conjura contra D. José, Lordelo é integrado na Coroa e Fazenda Régia.[22]

A 6 de Novembro de 1836, o concelho foi extinto e a freguesia integrada no município de Vila Real.[23]

A 12 de Junho de 2009, a sede da freguesia foi novamente elevada à categoria de vila.[24]

A 11 de Outubro de 2012 a Assembleia Municipal de Vila Real aprovou a proposta de Reorganização Administrativa Territorial do Município apresentada pela Câmara Municipal.[25][26] Com o intuito de evitar a sua eventual agregação com outras freguesias vizinhas, a freguesia de Lordelo foi reclassificada, em contradição com os dados estatísticos, como «não urbana».[27]

Património[editar | editar código-fonte]

Notas e Referências

  1. INE (1997) — "Tipologia Urbano/Rural (para fins estatísticos)".
  2. Instituto Geográfico Português, Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013 Arquivado em 9 de dezembro de 2013, no Wayback Machine. (ficheiro Excel zipado)
  3. a b INE (2012) – "Censos 2011 (Dados Definitivos)", "Quadros de apuramento por freguesia" (tabelas anexas ao documento).
  4. Diário da República, Reorganização administrativa do território das freguesias, Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro, Anexo I.
  5. Luís Nuno Espinho da Silveira, coord. (2001) – "Os Recenseamentos da População Portuguesa de 1801 e 1849: Edição crítica, vol. I" (Censos 1801), p. 239 (ficheiro: p. 248).
  6. Luís Nuno Espinho da Silveira, coord. (2001) – idem, vol. III (Censos 1849), p. 788 (ficheiro: p. 133).
  7. a b c d e f g h i j INE (1964) – "X Recenseamento Geral da População no Continente e Ilhas Adjacentes às 0 horas de 15 de Dezembro de 1960. Tomo I, volume I" (Censos 1960), p. 90 (ficheiro: p. 116).
  8. Estatística de Portugal (1868) – "População: Censo no 1.º de Janeiro 1864" (Censos 1864), p. 232 (ficheiro: p. 258).
  9. Estatística de Portugal (1881) – "População no 1.º de Janeiro 1878 (parte 2)" (Censos 1878), p. 330 (ficheiro: p. 142).
  10. Direcção da Estatística Geral e Comércio (1896) – "Censo da População do Reino de Portugal no 1.º de Dezembro de 1890. Volume I" (Censos 1890), p. 238 (ficheiro: p. 357).
  11. Direcção Geral da Estatística e dos Próprios Nacionais (1905) – "Censo da População do Reino de Portugal no 1.º de Dezembro de 1900 (Quarto recenseamento geral da população). Volume I" (Censos 1900), p. 246 (ficheiro: p. 256).
  12. Direcção Geral da Estatística (1913) – "Censo da População de Portugal no 1.º de Dezembro de 1911 (5.º Recenseamento Geral da População). Parte I" (Censos 1911), p. 228 (ficheiro: p. 267).
  13. Direcção Geral de Estatística (1923) – "Censo da População de Portugal no 1.º de Dezembro de 1920 (6.º Recenseamento Geral da População). Volume I" (Censos 1920), p. 178 (ficheiro: p. 229).
  14. Direcção Geral de Estatística (1933) – "Censo da População de Portugal no 1.º de Dezembro de 1930 (7.º Recenseamento Geral da População). Volume I" (Censos 1930), p. 188 (ficheiro: p. 190).
  15. INE (1945) – "VIII Recenseamento Geral da População no Continente e Ilhas Adjacentes em 12 de Dezembro de 1940. Volume XVIII: Distrito de Vila Real" (Censos 1940), p. 28 (ficheiro: p. 32).
  16. INE (1952) – "IX Recenseamento Geral da População no Continente e Ilhas Adjacentes em 15 de Dezembro de 1950. Tomo I" (Censos 1950), p. 238 (ficheiro: p. 240).
  17. INE (1975) – "11.º Recenseamento da População, 1.º Recenseamento da Habitação: População e Alojamento por lugares: distrito de Vila Real", p. 42. (Ficheiro: "11.º Recenseamento da População, 1.º Recenseamento da Habitação: continente e ilhas" (Censos 1970), p. 1026.)
  18. INE (1983) – "XII Recenseamento Geral da População, II Recenseamento Geral da Habitação: Resultados Definitivos: Distrito de Vila Real" (Censos 1981), p. 5 (ficheiro: p. 15).
  19. INE (1993) – "Censos 91: Resultados Definitivos – Região do Norte", p. 34 (ficheiro: p. 32).
  20. INE (2003) – "Censos 2001: Resultados definitivos: XIV Recenseamento Geral da População, IV Recenseamento Geral da Habitação: Norte", p. 27 (ficheiro: p. 130).
  21. José Viriato Capela et al. (2006) — As Freguesias do Distrito de Vila Real nas Memórias Paroquiais de 1758. Memórias, História e Património Arquivado em 12 de junho de 2007, no Wayback Machine., mapa da p. 74. Braga: Instituto de Ciências Sociais da Universidade do Minho. Depósito Legal n.º 238492/05.
  22. Ribeiro Aires (2007) — História das Freguesias do Concelho de Vila Real. Vila Real: Maronesa. pp. 343 ss.
  23. José Viriato Capela et al. (2006), op. cit., p. 68.
  24. Público. «Portugal tem cinco novas cidades e 22 vilas». Notar que mesmo antes de 12 de junho de 2009 já o brasão da freguesia ostentava os quatro castelos indicadores dessa categoria (e não os três correspondentes às freguesias com sede em aldeias), em conformidade com a opinião de alguns juristas, que defendem que a extinção de concelhos no séc. XIX não significou necessariamente a despromoção das suas antigas sedes à categoria de aldeia. (Efectivamente, a lei da extinção desses concelhos foi em geral omissa quanto ao novo estatuto da localidade onde o concelho extinto estava sediado.) Nessa perspectiva, a elevação de Lordelo a vila pode ser considerada uma desambiguação do seu estatuto. Publico.pt. Consultado em 12 de junho de 2009.. Arquivado do original em 15 de junho de 2009 
  25. http://www.cm-vilareal.pt/ver-notas-usermenu-144/82-notas/1431-assembleia-municipal-de-vila-real-aprova-reorganizacao-administrativa-do-territorio-das-freguesias-do-municipio.html
  26. http://www.noticiasdevilareal.com/noticias/index.php?action=getDetalhe&id=14346
  27. Reorganização Administrativa Territorial no Município de Vila Real — "Ata da Reunião Extraordinária da Câmara Municipal de Vila Real, a 13 de Setembro de 2012"

Ligações externas[editar | editar código-fonte]