Lorenz SZ 40/42

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lorenz SZ42 em Bletchley Park.

A Lorenz SZ 40/42 foi uma máquina criptográfica usada pela Alemanha Nazista na Segunda Guerra Mundial. Sua decodificação pelos Aliados foi efetuada pelo computador britânico Colossus.

A principal diferença entre esta máquina e a Enigma, de menor tamanho e criptografia rotativa, está em que a Lorenz operava num circuito de teletipo e foi utilizada para transmitir mensagens de alto nível entre Adolf Hitler e os seus generais.

Através desta máquina telegráfica introduziam-se mensagens em alemão que se encriptavam através de um aparelho de criptografia adjunto e eram recebidas pelo destinatário através de outra máquina de teletipo.

Pela sua complexidade e maior tamanho, os alemães guardavam as máquinas Lorenz em lugares seguros, ao ponto de os criptógrafos britânicos terem conseguido quebrar o código em 1942, sem nunca terem visto nenhuma destas máquinas.

Ícone de esboço Este artigo sobre Segunda Guerra Mundial é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.