Lotus 107

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lotus 107/107B/107C
Herbert at 1993 British Grand Prix (cropped).jpg Lotus 107B de 1993
Visão Geral
Produção 1992-1994
Fabricante Lotus
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer Peter Wright
Chris Murphy
Ficha técnica
Motor 107: Ford HBA5 V8
107B: Ford HBD6 V8
107C: Mugen-Honda MF-351HC V10
Transmissão 1992:Lotus/XTrac transverse seq
1993:Lotus/XTrac T manual
1994:Lotus/XTrac semi-auto T 6 velocidades
Dimensões
Peso 530 kg (107)
505 kg (107B)
515 kg (107C)
Cronologia
Último
Lotus 102
Lotus 109
Próximo

O 107/107B/107C é o modelo da Lotus das temporadas de 1992,1993 e de 1994 da Fórmula 1. Condutores: Mika Häkkinen, Johnny Herbert, Pedro Lamy, Alessandro Zanardi, Philippe Adams, Éric Bernard e Mika Salo.

Cronologia do 107[editar | editar código-fonte]

1992: O 107 foi utilizado a partir do GP de San Marino.

1993: O 107B foi utilizado por todo o campeonato por: Alessandro Zanardi, Johnny Herbert e Pedro Lamy.

1994: O 107C até o GP do Canadá, conduzido por: Pedro Lamy, Johnny Herbert e Alessandro Zanardi.

Resultados[1] [2] [3][editar | editar código-fonte]

(legenda)

Ano Chassi Motor Pneus Pilotos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 Pontos Posição
RSA MEX BRA ESP SMR MON CAN FRA GBR GER HUN BEL ITA POR JPN AUS
1992 107 Ford HBA5
V8
G 11 Finlândia Mika Hakkinen Ret Ret 4 6 Ret 4 6 Ret 5 Ret 7 111
(13)
12 Reino Unido Johnny Herbert Ret Ret Ret 6 Ret Ret Ret 13 Ret Ret Ret 13
RSA BRA EUR SMR SPA MON CAN FRA GBR GER HUN BEL ITA POR JPN AUS
1993 107B Ford HBD6
V8
G 11 Reino Unido Johnny Herbert Ret 4 4 8 Ret Ret 10 Ret 4 10 Ret 5 Ret Ret 11 Ret 12
12 Itália Alessandro Zanardi Ret 6 8 Ret 14 7 11 Ret Ret Ret Ret DNS
Portugal Pedro Lamy 11 Ret 13 Ret
BRA PAC SMR MON SPA CAN FRA GBR GER HUN BEL ITA POR EUR JPN AUS
1994 107C Mugen-Honda
MF-351HC
V10
G 11 Portugal Pedro Lamy 10 8 Ret 11 0 NC
(12º)
Itália Alessandro Zanardi 9 15
12 Reino Unido Johnny Herbert 7 7 10 Ret

↑1 DO GP da África do Sul até San Marino utilizou o 102D marcando 2 pontos (13 no total).

↑2 Do GP da Espanha até o final do campeonato, utilizou o 109.

Referências

  1. «Lotus 107» (em inglês). STATS F1. 
  2. «Lotus 107B» (em inglês). STATS F1. 
  3. «Lotus 107C» (em inglês). STATS F1.