Lotus 92

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lotus 92
Lotus 92 Donington.jpg
Visão Geral
Produção 1983
Fabricante Lotus
Modelo
Carroceria Monoposto de corrida
Designer Colin Chapman
Martin Ogilvie
Ficha técnica
Motor Ford Cosworth DFV V8
Ford Cosworth DFY V8
Transmissão Lotus/Hewland 5 velocidades
Dimensões
Peso 580 kg
Cronologia
Último
Lotus 91
Lotus 93T
Próximo

O 92 é o modelo da Lotus da temporada de 1983 da Fórmula 1. Condutores: Elio de Angelis e Nigel Mansell.

De Angelis usou o chassi 92 apenas no Brasil e Mansell do Brasil até o Canadá.

Resultados[1][editar | editar código-fonte]

(legenda)

Ano Chassi Motor Pneus Pilotos 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 Pontos Posição
BRA USW FRA SMR MON BEL USE CAN GBR GER AUT HOL ITA EUR RSA
1983 92 Ford Cosworth
DFV V8
P 11 Itália Elio de Angelis DSQ 1 13º
12 Reino Unido Nigel Mansell 12 12
Ford Cosworth
DFY V8
Ret 12 Ret Ret 6 Ret

↑1 Do Oeste dos Estados Unidos até Alemanha (menos Grã-Bretanha), utilizou o chassi 93T. Da Grã-Bretanha até África do Sul, utilizou o chassi 94T marcando 11 pontos.

Referências

  1. «Lotus 92» (em inglês). STATS F1. 
Ícone de esboço Este artigo sobre Fórmula 1 é um esboço relacionado ao projeto sobre Fórmula 1. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.