Lou Williams

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lou Williams
Louis Williams 76ers vs Wizards.jpg
Williams com os Sixers em 2010.
Informações pessoais
Nome completo Louis Tyrone Williams
Data de nasc. 27 de outubro de 1986 (32 anos)
Local de nasc. Memphis,  Tennessee,  Estados Unidos
Altura 1.85 m
Peso 79 kg
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Los Angeles Clippers
Número 23
Posição Ala-armador/Armador
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
20052012
2006
20122014
2014–2015
20152017
2017–presente
Estados Unidos Philadelphia 76ers
Estados Unidos Fort Worth Flyers (D-League)
Estados Unidos Atlanta Hawks
Estados Unidos Toronto Raptors
Estados Unidos Los Angeles Lakers
Estados Unidos Houston Rockets
455 (5.158)
3 (78)
99 (1.176)
80 (1.242)
67 (1.028)

Louis Tyrone Williams (Memphis, 27 de outubro de 1986) é um jogador de basquetebol profissional norte-americano que defende o Los Angeles Clippers na NBA.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Philadelphia 76ers (2005–2012)[editar | editar código-fonte]

Nascido em Memphis, no estado do Tennessee, Williams foi selecionado diretamente do colegial pelo Philadelphia 76ers na segunda rodada do Draft da NBA de 2005 como a 45ª escolha geral, devido ao seu baixo rendimento nos trabalhos pré-draft. Em sua primeira temporada na NBA, Williams obteve médias de 1,9 pontos e 0,3 assistências em mais de 30 jogos.

Na temporada seguinte, foi enviado para o Fort Worth Flyers, afiliado aos Sixers na D-League, em 28 de novembro de 2006. Após boas partidas na liga e os rumores da saída de Allen Iverson, Williams foi reintegrado ao elenco do 76ers em 5 de dezembro.

Durante a temporada de 2007–08, Williams teve médias de 11,3 pontos, 3,2 assistências e 2 rebotes por jogo. No final da temporada, Williams tornou-se agente livre restrito e assinou um contrato de cinco anos por 25 milhões de dólares para permanecer no 76ers.[2]

No Jogo 4 válido pela primeira rodada dos playoffs de 2011 da Conferência Leste, Williams acertou uma cesta de três pontos no estouro do cronômetro para garantir a vitória sobre o Miami Heat por 86–82.[3] Apesar da vitória, o 76ers foi eliminado na série pelo Heat em cinco jogos.[4]

Na temporada de 2011–12, Williams liderou o 76ers com uma média de 14,9 pontos por partida, apesar de não ter começado sequer um único jogo como titular. Ele terminou na segunda colocação na eleição do Sexto Homem do Ano.[5]

Atlanta Hawks (2012–2014)[editar | editar código-fonte]

Em 12 de julho de 2012, Williams assinou com o Atlanta Hawks.[6] Em 18 de janeiro de 2013, contra o Brooklyn Nets, Williams caiu desajeitadamente sobre seu joelho direito e teve que deixar o jogo em uma cadeira de rodas. Mais tarde foi revelado que ele sofreu uma lesão no ligamento cruzado anterior e perderia o resto da temporada.

Williams perdeu os primeiros jogos da temporada de 2013–14, enquanto se recuperava da lesão no joelho. Ele fez sua estreia em 20 de novembro de 2013, saindo do banco e marcando 6 pontos. Em 14 de dezembro, Williams marcou sua melhor pontuação na temporada com 27 pontos. Ele terminou a temporada com médias de 10,4 pontos, 3,5 assistências e 2,1 rebotes por jogo.

Toronto Raptors (2014–2015)[editar | editar código-fonte]

Em 30 de junho de 2014, Williams foi negociado, juntamente com os direitos de draft de Lucas Nogueira, com o Toronto Raptors, em troca de John Salmons e uma escolha de segunda rodada no Draft de 2015.[7] Em 22 de novembro, ele marcou seu recorde de pontos na carreira até então, fazendo 36 pontos na vitória dos Raptors sobre o Cleveland Cavaliers por 110–93.[8] Em 20 de abril de 2015, Williams foi nomeado como o Sexto Homem do Ano, tornando-se o primeiro membro do Toronto Raptors a ganhar o prêmio.[9][10]

Los Angeles Lakers (2015–2017)[editar | editar código-fonte]

Em 9 de julho de 2015, Williams assinou um contrato de três anos no valor de 21 milhões de dólares com o Los Angeles Lakers.[11][12] Ele fez sua estreia na equipe na abertura da temporada contra o Minnesota Timberwolves, em 28 de outubro, marcando 21 pontos na derrota por 112–111.[13] Em 3 de janeiro, ele conseguiu a sua melhor pontuação na temporada, marcando 30 pontos na vitória sobre o Phoenix Suns por 97–77.[14] Cinco dias depois, ele marcou 23 dos seus 44 pontos, sua maior pontuação na carreira, no último quarto da derrota dos Lakers por 117–113 para o Oklahoma City Thunder.

Em 3 de dezembro de 2016, Williams saiu do banco e marcou sua pontuação mais alta na temporada com 40 pontos em uma derrota por 103–100 para o Memphis Grizzlies. Os 40 pontos de Williams foram a maior pontuação feita por um reserva sobre o Memphis, e se tornou o primeiro reserva a marcar tal pontuação desde Jordan Crawford em abril de 2014. Dois dias depois, ele marcou 38 pontos, deu 7 assistências e pegou 6 rebotes em uma derrota por 107–101 para o Utah Jazz, registrando os primeiros 30 pontos em jogos de back-to-back em seus doze anos de NBA. Ele também se tornou o primeiro jogador dos Lakers a marcar pelo menos 38 pontos em jogos consecutivos desde Kobe Bryant em março de 2013. Nos quatro jogos entre 3 de dezembro e 9 de dezembro, Williams marcou um total de 137 pontos - a maior pontuação feita por um reserva em um intervalo de quatro jogos desde que a NBA começou a manter o controle de titulares em 1970.

Houston Rockets (2017– 2017)[editar | editar código-fonte]

Em 23 de fevereiro de 2017, Williams foi para o Houston Rockets em troca de Corey Brewer e uma escolha de primeira rodada no Draft de 2017.[15] Ele fez sua estreia para os Rockets naquela noite, saindo do banco e marcando 27 pontos, com sete arremessos de três convertidos, em uma vitória por 129–99 sobre o New Orleans Pelicans. Em 15 de março, ele marcou 30 pontos em uma vitória por 139–100 sobre os Lakers.

Estatísticas na NBA[editar | editar código-fonte]

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira

Temporada regular[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2005–06 Philadelphia 30 0 4.8 .442 .222 .615 .6 .3 .2 .0 1.9
2006–07 Philadelphia 61 0 11.3 .441 .324 .696 1.1 1.8 .4 .0 4.3
2007–08 Philadelphia 80 0 23.3 .424 .359 .783 2.1 3.2 1.0 .2 11.5
2008–09 Philadelphia 81 0 23.7 .398 .286 .790 2.0 3.0 1.0 .2 12.8
2009–10 Philadelphia 64 38 29.9 .470 .340 .824 2.9 4.2 1.3 .2 14.0
2010–11 Philadelphia 75 0 23.3 .406 .348 .823 2.0 3.4 .6 .2 13.7
2011–12 Philadelphia 64 0 26.3 .407 .362 .812 2.4 3.5 .8 .3 14.9
2012–13 Atlanta 39 9 28.7 .422 .367 .868 2.1 3.6 1.1 .3 14.1
2013–14 Atlanta 60 7 24.1 .400 .342 .849 2.1 3.5 .8 .1 10.4
2014–15 Toronto 80 0 25.2 .404 .340 .861 1.9 2.1 1.1 .1 15.5
2015–16 L.A. Lakers 67 35 28.5 .408 .344 .830 2.5 2.5 .9 .3 15.3
2016–17 L.A. Lakers 58 1 24.2 .444 .386 .884 2.3 3.2 1.1 .2 18.6
2016–17 Houston 23 0 25.7 .385 .315 .867 3.0 2.4 .7 .4 14.9
Carreira 782 90 23.6 .417 .345 .827 2.1 2.9 .9 .2 12.8

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2008 Philadelphia 6 0 22.5 .400 .222 .733 2.0 2.0 1.0 .0 12.0
2009 Philadelphia 6 0 24.8 .412 .375 .667 2.5 2.8 .5 .2 9.7
2011 Philadelphia 5 0 26.0 .327 .300 .737 1.6 3.0 1.0 .0 10.8
2012 Philadelphia 13 0 27.5 .352 .167 .788 2.1 3.0 1.0 .0 11.5
2014 Atlanta 7 0 19.0 .380 .313 .938 2.3 1.1 1.0 .1 8.3
2015 Toronto 4 0 25.5 .314 .190 .833 1.8 1.3 1.5 .1 12.8
Carreira 41 0 24.6 .362 .238 .780 2.1 2.3 1.0 .1 10.8

Prêmios e homenagens[editar | editar código-fonte]

Referências

Basketball pictogram.svg Este artigo sobre um(a) basquetebolista, integrado ao Projeto Basquetebol, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.