Loveppears

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Loveppears
Álbum de estúdio de Ayumi Hamasaki
Lançamento Japão 10 de novembro de 1999
Gravação janeiro – outubro de 1999
Estúdio(s) Prime Sound Studio, Studio Sound Dali, Onkio Haus (Tóquio, Japão)
Soundtrack Studios (Nova Iorque)
Gênero(s) J-pop, house, dance, pop rock, pop
Duração 70:47 (Disco 1)
34:06 (Disco 2)
Idioma(s) japonês
Formato(s) CD, fita cassete
Gravadora(s) Avex Trax
Produção Max Matsuura
Cronologia de Ayumi Hamasaki
A Song for XX
(1999)
Duty
(2000)
Singles de Loveppears
  1. "Whatever"
    Lançamento: 10 de fevereiro de 1999
  2. "Love (Destiny)"
    Lançamento: 14 de abril de 1999
  3. "To Be"
    Lançamento: 12 de maio de 1999
  4. "Boys & Girls"
    Lançamento: 14 de julho de 1999
  5. "A"
    Lançamento: 11 de agosto de 1999
  6. "Appears"
    Lançamento: 10 de novembro de 1999
  7. "Kanariya"
    Lançamento: 8 de dezembro de 1999
  8. "Fly High"
    Lançamento: 9 de fevereiro de 2000

Loveppears (estilizado como LOVEppears) é o segundo álbum de estúdio da cantora e compositora japonesa Ayumi Hamasaki. Foi lançado no Japão, Hong Kong e China em 10 de novembro de 1999, através das gravadoras Avex Trax e China Record Corporation, e distribuído mundialmente em 10 de abril de 2001, pela Avex Entertainment Inc. Todas as letras foram escritas por Hamasaki, enquanto a produção foi realizada pelo músico japonês Max Matsuura. Musicalmente, Loveppears é um álbum do gênero dance, enquanto centra-se, liricamente, em temas como amor, frustrações da vida, solidão e individualismo.

Após seu lançamento, Loveppears recebeu críticas favoráveis por parte de especialistas, onde muitos destacaram os singles do álbum como parte dos melhores trabalhos de Hamasaki e elogiaram a transição de melodias inspiradas pelo pop rock, de A Song for XX, para o dance. Comercialmente, o álbum foi um sucesso no Japão, atingindo o topo da Oricon Albums Chart e, eventualmente, vendendo mais de 2,5 milhões de unidades, tornando-se o 40º álbum mais vendido no país. Foi certificado como platina dupla pela Recording Industry Association of Japan (RIAJ) pela venda de dois milhões de unidades físicas, e é o terceiro álbum mais vendido de Hamasaki, segundo o banco de dados da Oricon.

Para promover o álbum, Hamasaki lançou 11 singles, onde "Love (Destiny)" alcançou a primeira posição da Oricon Singles Chart, sendo o primeiro single da cantora a realizar esse feito. Todos os demais singles de Loveppears conseguiram chegar ao top dez das paradas. Os singles "Boys & Girls" e "A" venderam mais de um milhão de unidades, os primeiros de Hamasaki a alcançarem essa marca. A maior parte do material do álbum foi promovido através de propagandas de televisão, que mais tarde se tornaram um elemento básico para o futuro trabalho de Hamasaki, enquanto algumas canções apareceram em álbuns de remixes lançados posteriormente. A maioria das canções de Loveppears foram performadas na turnê Ayumi Hamasaki Concert Tour 2000.

Antecedentes e composição[editar | editar código-fonte]

Após o sucesso de seu álbum de estreia A Song for XX, lançando em janeiro de 1999,[1][2] Hamasaki começou a escrever canções para seu próximo álbum de estúdio. No entanto, sua gravadora, Avex Trax, decidiu lançar um álbum de remixes, intitulado Ayu-mi-x. Esse lançamento marcou o início da incorporação de elementos musicais fora do pop rock, incluindo trance, house music e música eletrônica.[3][4] Essa transição para a dance music fez Hamasaki recrutar novos compositores e produtores para seu novo álbum de estúdio, que ainda estava em fase de produção, incluindo a banda HΛL, Dai Nagao, compositor e membro do Do As Infinity, Kazuhito Kikuchi, entre outros.[5]

A editora discográfica Avex Trax contratou Max Matsuura para produzir o álbum juntamente com a ajuda de Hamasaki e do músico japonês Naoto Suzuki, enquanto Hamasaki escreveu todas as canções do álbum.[5] As sessões de gravação aconteceram no Prime Sound Studio, no Studio Sound Dali e no Onkio Haus em Tóquio, Japão, e também no Soundtrack Studios em Nova Iorque, Estados Unidos; o material final foi então mixado no Studio Sound Dali e no Conway Studios em Los Angeles, Califórnia, e masterizado por Eddy Schreyer, no Oasis Masterings.[5]

Loveppears foi notado pelos críticos como a primeira transição de Hamasaki e de seu estilo de pop rock "cauteloso" utilizado em A Song for XX.[4][6] O álbum inclui duas faixas instrumentais: "Introduction", composta por HΛL, e "Interlude", composta por Naoto Suzuki.[5] Alguns dos singles de Loveppears foram remixados e recompostos, incluindo "Fly High", uma versão estendida de "Whatever" e uma versão revisada de "Love (Destiny)", que foi reescrita e intitulada "Love (Refrain)",[5] além das canções "Too Late" e "Appears", sendo a última lançada como single limitado no mesmo dia do álbum. Loveppears também inclui uma faixa secreta, inserida após "Who...", intitulada "Kanariya".[5] Liricamente, o material do álbum se concentra em temas sobre o amor, frustração da vida, solidão e individualismo.[7]

Lançamento e capa[editar | editar código-fonte]

Loveppears foi lançado no Japão, em Hong Kong e na China em 10 de novembro de 1999, através das gravadoras Avex Trax e China Record Corporation.[5][8][9] O álbum é composto por dezessete faixas e, exceto a versão lançada na China, inclui um CD Extra, que, ao ser inserido em um computador, apresenta arquivos de comerciais, pequenas amostras de áudio de todos os lançamentos de Hamasaki à época, links de internet, imagens de Hamasaki em revistas, arquivos de voz e imagens de Hamasaki durante um ensaio fotográfico em Nova Iorque.[5] O CD Extra inclui também cinco remixes; dois megamixes, inspirados em eurodance e house music, e remixes de três canções do álbum de estreia de Hamasaki: "A Song for XX", "Powder Snow" e "Friend II".[5] Em 10 de abril de 2001, o álbum foi relançado mundialmente pela Avex Entertainment Inc., através de lojas digitais.[nota 1]

A arte de Loveppears foi fotografada por Toru Kumazawa em Nova Iorque e em Los Angeles, na Califórnia. A capa apresenta Hamasaki nua da cintura para cima, com uma peruca marrom-clara cobrindo seus seios. Hamasaki acreditava que o material produzido influenciou sua decisão em chamar o álbum Loveappears, afirmando que "enquanto trabalhava em A Song for XX, durante os tempos tristes, eu sempre dizia 'eu estou muito triste, não consigo me livrar disso'. Silenciosamente chorando, silenciosamente ferida, silenciosamente de luto. Mas, com Loveppears, eu expresso isso com sons furiosos, gritando".[10] Durante uma entrevista com a revista japonesa Beatfreak, em novembro de 1999, Hamasaki explicou que o título representava os aspectos visuais de um relacionamento e como as pessoas vêem o amor; ela explicou detalhadamente;

Alinhamento de faixas[editar | editar código-fonte]

Todas as letras escritas por Ayumi Hamasaki[5]

CD 1 / Download digital[5]
N.º TítuloMúsicaArranjo Duração
1. "Introduction"  HΛLHΛL 1:09
2. "Fly High"  Dai NagaoHΛL 4:07
3. "Trauma"  D.A.I
  • Naoto Suzuki
  • Dai Nagao
4:17
4. "And Then"  Yasuhiko HoshinoKeisuke Kikuchi 4:14
5. "Immature" (Album Version)Kazuhito KikuchiHΛL 4:44
6. "Boys & Girls"  Nagao
  • Suzuki
  • Nagao
3:54
7. "To Be"  Nagao
  • Suzuki
  • Nagao
5:18
8. "End Roll"  Nagao
  • Suzuki
  • Nagao
4:49
9. "P.S II"  Hideaki KuwabaraAkimitsu Honma 4:48
10. "Whatever" ("Dub's 1999 Remix")Kazuhito KikuchiIzumi Miyazaki 7:20
11. "Too Late"  Nagao
  • Suzuki
  • Nagao
4:25
12. "Appears" (Album Version)KikuchiHΛL 5:38
13. "Monochrome"  HΛL
  • Suzuki
  • Nagao
4:21
14. "Interlude"  SuzukiSuzuki 0:55
15. "Love (Refrain)" (Versão revisada de Love (Destiny))TsunkuSuzuki 5:21
16. "Who..."  KikuchiSuzuki 5:35
17. "Kanariya" (faixa secreta)Yasuhiko HoshinoCPM-Marvin 3:52
CD2[11]
N.º Título Duração
1. "Ayu's Euro Mega-Mix" (Y&Co. Mix) 9:48
2. "Ayu's House Mega-Mix" (N.S House Mix) 9:58
3. "A Song for XX" (Millennium Mix) 4:46
4. "Powder Snow" (Acoustic Orchestra Version) 5:03
5. "Friend II" (Make My Mad Mix) 4:31

Notas adicionais[editar | editar código-fonte]

Créditos[editar | editar código-fonte]

Créditos adaptados das notas do encarte do álbum Loveppears.[5]

Desempenho nas tabelas musicais[editar | editar código-fonte]

Vendas e certificações[editar | editar código-fonte]

País Provedor Vendas Certificação
 Japão RIAJ[15] 2,562,130[16] Double Diamond 2.png Diamante Duplo

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

Região Data Formato Editora discográfica
 Japão[5] 10 de novembro de 1999 CD + CD Extra Avex Trax
 Hong Kong[17]
 China[9] CD Avex Trax, China Record Corporation
 Japão[18] 10 de abril de 2001 Download digital Avex Entertainment Inc.
 Austrália[19]
 Nova Zelândia[20]
 Reino Unido[21]
 Irlanda[22]
 Alemanha[23]
Flag of Spain.svg Espanha[24]
 França[25]
 Itália[26]
Taiwan[27]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. O site da iTunes Store identifica 10 de abril de 2001 como a data de lançamento do álbum fora da Ásia, mas a loja não estava disponível até 2003.

Referências

  1. «GOLD ALBUM 他認定作品 1999年3月度» [Álbuns de Outro e outros trabalhos certificados, edição de março de 1999] (PDF). Chuo, Tóquio: Recording Industry Association of Japan. The Record (em japonês). 474: 9. 10 de maio de 1999. Consultado em 22 de janeiro de 2014.. Cópia arquivada (PDF) em 22 de janeiro de 2014 
  2. «GOLD ALBUM 他認定作品 1999年2月度» [Álbuns de Outro e outros trabalhos certificados, edição de fevereiro de 1999] (PDF). Chuo, Tóquio: Recording Industry Association of Japan. The Record (em japonês). 473: 9. 10 de abril de 1999. Consultado em 23 de janeiro de 2014.. Cópia arquivada (PDF) em 23 de janeiro de 2014 
  3. Hamasaki, Ayumi (1999). Ayu-mi-x (CD Remix Album; Liner notes). Japan: Avex Trax. AVCD-11716~7 
  4. a b Walters, Barry (5 de março de 2002). «Turning (Japanese) Point». The Village Voice. Consultado em 19 de abril de 2008. 
  5. a b c d e f g h i j k l m n Hamasaki, Ayumi (1999). Loveppears (Álbum de estúdio; notas do encarte). Ayumi Hamasaki. Japão: Avex Trax. AVCD-11740.
  6. Takeuchi Cullen, Lisa (25 de março de 2002). «Empress of Pop». Time. p. 3. Consultado em 28 de novembro de 2011.. Cópia arquivada em 3 de abril de 2002 
  7. «Loveppears». Beatfreak (em japonês). 142. Novembro de 1999 
  8. Hamasaki, Ayumi (1999). Loveppears (Álbum de estúdio; notas do encarte). Hong Kong: Avex Trax. AVTCD-95292 
  9. a b Hamasaki, Ayumi (1999). Loveppears (Álbum de estúdio; notas do encarte). China: Avex Trax, China Record Corporation. AVTCD-95292/B, SCD-779 
  10. a b «Ayumi Hamasaki exclusive interview». Beatfreak. Novembro de 1999 
  11. "Loveppears" (notas do encarte). Avex Trax. 1999. 4-988064-117406 
  12. «Oricon Albums Chart – Loveppears» (em japonês). Oricon Style. 10 de novembro de 1999. Consultado em 14 de julho de 2016.. Cópia arquivada em 8 de agosto de 2011 
  13. «Oricon Albums Chart – Annual 1999 Chart» (em japonês). Oricon Style. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  14. «Oricon Albums Chart – Annual 2000 Chart» (em japonês). Oricon Style. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  15. «GOLD ALBUM 他認定作品 1999年11月度» [Álbuns de Outro e outros trabalhos certificados, edição de novembro de 1999] (PDF). Chuo, Tóquio: Recording Industry Association of Japan. The Record (em japonês). 482: 9. 10 de janeiro de 2000. Consultado em 17 de janeiro de 2014.. Cópia arquivada (PDF) em 17 de janeiro de 2014 
  16. «オリコンランキング情報サービス「you大樹」» [Serviço de Informação de Rankings da Oricon] (em japonês). Oricon. Consultado em 21 de maio de 2014.. (pede subscrição (ajuda)) 
  17. Hamasaki, Ayumi (1999). Loveppears (Álbum de estúdio; notas do encarte). Hong Kong: Avex Trax. AVTCD-95292 
  18. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Japão). 10 de novembro de 1999. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  19. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Austrália). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  20. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Nova Zelândia). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  21. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Reino Unido). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  22. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Irlanda). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  23. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Alemanha). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  24. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Espanha). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  25. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (França). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  26. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Itália). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 
  27. «Loveppears – Album – de Ayumi Hamasaki». iTunes Store (Taiwan). 10 de abril de 2001. Consultado em 14 de julho de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]