Luís José Correia de Sá Velasco e Benevides

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Luís José Correia de Sá Velasco e Benevides ou simplesmente Luís José Correia de Sá (Santos-o-Velho, Lisboa, 15 de outubro de 1698 - Santos-o-Velho, 1771?) foi um nobre, militar e aristocrata colonial português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Inicialmente seguiu a vida religiosa, inscrevendo-se como porcionista, no Real Colégio de São Paulo da Universidade de Coimbra, que depois abandonou para seguir a carreira militar[1]. Em 1747 passou ao Rio de Janeiro, no Brasil, onde sentou praça. Voltando ao Reino de Portugal, continuou o serviço militar[2] e foi capitão-tenente da marinha[3].

Foi membro do conselho dos reis D. João V e D. José I[4].

Governador e Capitão General da Capitania de Pernambuco (15 de Março de 1749-16 de Fevereiro de 1756)[5]. Sua gestão notabilizou-se no fortalecimento do poderio político-comercial do Recife[6].

Dados genealógicos[editar | editar código-fonte]

Filho de:

Casado com Francisca Joana Josefa da Câmara, filha de Lourenço Gonçalves da Câmara Coutinho, almotacé-mor do Reino, e de D. Leonor Josefa de Tavora[8] (2 de fevereiro de 1711-?), dama do Paço[9], filha de D. Luís José de Almada, mestre sala da Casa Real[10][11].

Filhos:

Referências

  1. Memorias historicas e genealogicas dos grandes de Portugal, que contem a origem e antiguidade de suas familias, os estados e os nomes dos que actualmente vivem..., por António Caetano de Sousa, na regia officina Sylvania, 1755, pág. 257
  2. Animais enviados para Portugal, entre 1754 e 1805, pelos governadores da capitania de Pernambuco, Coordenação geral: Mário Eduardo Viaro, Arquivos do NEHiLP, Núcleo de apoio à pesquisa em Etimologia e História da Língua Portuguesa (NEHiLP), Volume 2, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), Universidade de São Paulo (USP), 2014, pág. 11
  3. Memorias historicas e genealogicas dos grandes de Portugal, que contem a origem e antiguidade de suas familias, os estados e os nomes dos que actualmente vivem..., por António Caetano de Sousa, na regia officina Sylvania, 1755, pág. 257
  4. Animais enviados para Portugal, entre 1754 e 1805, pelos governadores da capitania de Pernambuco, Coordenação geral: Mário Eduardo Viaro, Arquivos do NEHiLP, Núcleo de apoio à pesquisa em Etimologia e História da Língua Portuguesa (NEHiLP), Volume 2, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), Universidade de São Paulo (USP), 2014, pág. 11
  5. Estado do Brasil - Governadores de Pernambuco, 1534-1822, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas - São Paulo - Brasil
  6. Animais enviados para Portugal, entre 1754 e 1805, pelos governadores da capitania de Pernambuco, Coordenação geral: Mário Eduardo Viaro, Arquivos do NEHiLP, Núcleo de apoio à pesquisa em Etimologia e História da Língua Portuguesa (NEHiLP), Volume 2, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), Universidade de São Paulo (USP), 2014, pág. 11
  7. História genealógica da casa real portuguesa, por António Caetano de Sousa, Atlântida, 1955, pág. 259
  8. História genealógica da casa real portuguesa, por António Caetano de Sousa, Atlântida, 1955, pág. 260
  9. História genealógica da casa real portuguesa, por António Caetano de Sousa, Atlântida, 1955, pág. 273
  10. História genealógica da casa real portuguesa, por António Caetano de Sousa, Atlântida, 1955, pág. 312
  11. Após ter ficado viúva casou novamente com D. Manuel de Saldanha da Gama, filho de João de Saldanha da Gama, com geração - Livro de oiro da nobreza: apostilas à Resenha das famílias titulares do reino de Portugal, por João Carlos Feo Cardoso Castelo Branco e Torres e Manoel de Castro Pereira da Mesquita, Volume 2, pág. 481
  12. Grande enciclopédia portuguesa e brasileira, Volume 3, Editorial Enciclopédia, pág. 524
  13. Costados das familias illustes [sic de Portugal, Algarves, Ilhas, e Indias: obra que a el Rei fidelissimo o muito alto e poderoso Senhor D. Miguel Primeiro, Volume 1, por José Barbosa Canaes de Figueiredo Castello Branco, na Impressão Regia, 1829, pág, 29]
  14. Asseca (António Maria Correia de Sá e Benevides Velasco da Câmara, 8.º visconde de), Portugal - Dicionário Histórico, Corográfico, Heráldico, Biográfico, Bibliográfico, Numismático e Artístico, Volume I, pág. 795, Edição em papel, João Romano Torres - Editor, 1904-1915, Edição electrónica, por Manuel Amaral, 2000-2012


Precedido por
Marcos José de Noronha e Brito
Governador e capitão-general da Capitania de Pernambuco
1749 - 1756
Sucedido por
Luís Diogo Lobo da Silva