Luís Reis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Luís Reis
Nascimento 31 de março de 1926
São Luís
Morte 9 de fevereiro de 1980 (53 anos)
Rio de Janeiro
Cidadania Brasil
Ocupação pianista, compositor

Luís Abdenago dos Reis (São Luís do Maranhão, 31 de março de 1926Rio de Janeiro, 9 de fevereiro de 1980) foi um compositor e pianista brasileiro.

Aos seis anos de idade mudou-se com a família para o Rio de Janeiro. Considerado um dos maiores boêmios do Rio nos anos 1960 e 1970, Luis era uma figura sempre presente em todos os bares de piano da Zona Sul carioca. Era conhecido nos meios artísticos pelo apelido de Cabeleira.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira profissional em 1943, em Belo Horizonte, inicialmente como pandeirista e depois como pianista do conjunto Dazinho. Tocava também bateria e violão. Em seguida, integrou o conjunto Zé do Pistom, apresentando-se em cabarés e escolas de dança. Em 1944, voltou para o Rio de Janeiro, participando, como pianista, do programa Hora do Guri, da Rádio Mauá, época na qual começou a trabalhar como redator de jornal.

Em 1962, gravou seu primeiro LP solo Samba de balanço.

Entre seus parceiros destacam-se Haroldo Barbosa, Nássara e Luis Antonio.

Luis Reis foi um dos "inventores" do chamado Sambalanço, uma espécie de fusão entre o samba de gafieira e a bossa, juntamente com João Roberto Kelly, Denis Brean, Hianto de Almeida e Ed Lincoln entre outros.

Entre as composições mais famosas estão Palhaçada ( também conhecida como Cara de palhaço), Tudo É Magnífico, Fiz o Bobão, Nossos Momentos, Canção da Manhã, Notícia de Jornal, Moeda Quebrada (todas com Haroldo Barbosa), O Leite das Crianças (com Pedro Caetano), e O Bloco dos Sujos.

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1962 Samba de balanço - Philips
  • 1965 Samba a quatro mãos. (com João Roberto Kelly) - RCA