Luís de Brito e Almeida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Luís de Brito e Almeida
Nacionalidade Reino de Portugal Português

Luís de Brito e Almeida (Portugal, século XVI — ?) foi governador das capitanias do norte do Brasil (ao norte de Porto Seguro, com sede na Bahia) de 1572 a 1576 e de toda a colônia em 1577.

Governo do Brasil[editar | editar código-fonte]

Coube a ele governar não o Brasil inteiro, mas apenas as capitanias do Norte, a partir de Ilhéus. Quem governou de lá para o sul foi Antônio Salema. Em ambos os lados do território da colônia, combateram-se indígenas e corsários franceses, sem que fossem definitivamente vencidos.[1]

Almeida empreendeu diversas bandeiras pelo interior do Brasil, para descoberta e mineração de pedras preciosas. Fundou a cidade de Santa Luzia na Bahia, dando início à Capitania de Sergipe, se envolvendo em diversas contendas com os nativos da região.

Descendência[editar | editar código-fonte]

Teve um filho com uma esposa desconhecida:

•João Pinto de Almeida, se casou com Mariana Coutinho de ascendência nobre portuguesa. Sem filhos

Referências

  1. «Govêrno Geral». Enciclopédia Delta de História do Brasil. [S.l.]: Editora Delta S/A. 1969. p. 1467 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • VICENTE, "História do Brasil, 1500-1627" de 1982 com 437 páginas, citado na página 140.
  • "Grande enciclopédia portuguesa e brasileira" de 1936, citado na página 60.