Lucas Cranach, o Velho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Auto retrato de Lucas Cranach aos 77 anos (1550), da Galeria Uffizi, Florença

Lucas Cranach o velho (em alemão Lucas Cranach der Ältere, 4 de Outubro de 1472 em KronachWeimar, 16 de outubro de 1553)[1] foi um pintor germânico renascentista, autor também de gravuras e xilografias. Foi pintor da corte dos Eleitores da Saxônia durante a maior parte de sua carreira, e é mais conhecido por seus retratos, tanto de príncipes alemães como de líderes da Reforma Protestante, cuja causa abraçou com entusiasmo, tornando-se amigo próximo de Martinho Lutero. Pintou também assuntos religiosos, primeiro na tradição católica, depois buscando novas formas de transferir para a arte as referências religiosas luteranas. Durante toda sua carreira pintou nus baseados na mitologia e na religião. Tinha um grande estúdio e muitos trabalhos existem em diferentes versões; seu filho Lucas Cranach, o Jovem, e outros, continuaram a produzir versões do trabalho de seu pai por décadas após sua morte.

Juventude[editar | editar código-fonte]

Nascido como Lucas Sonder (ou Sünder ou Sunder) em Kronach, Francônia superior, aprendeu a arte do desenho com seu pai, cujo nome nno se conhece. Há algumas menções a certo "Hans Maler" ("pintor") e esposa, Hübner, que morreu em 1491. Posteriormente adotou como sobrenome o nome de sua cidade natal. Provavelmente estudou com mestres locais do sul da Alemanha, como seu contemporâneo Matthias Grünewald, que trabalhou em Bamberg e Aschaffenburg. Bamberg é a capital da diocese onde fica Kronach.

Cranach demonstrou seu talento como pintor no fim do século XV. Seu trabalho atraiu a atenção do duque Frederico III da Saxônia, cognominado Frederico o Sábio, que o levou para sua corte em 1504. Nos arquivos de Wittenberg seu nome aparece pela primeira vez em 24 de junho de 1504, quando recebeu um salário pelo trabalho de meio ano como pictor ducalis. Cranach trabalharia para o eleitor e seus descendentes pelo resto da vida.

Antes de ir para Wittenberg viveu em Gotha, onde nasceu sua esposa, Barbara Brengbier, que faleceria em 1540.

Carreira[editar | editar código-fonte]

"Kreuzigung Christi" (Português: "Crucificação de Cristo") de Lucas Cranach, o Velho, 1503

A primeira evidência do talento de Cranach como artista está em uma pintura de 1504. No início da carreira atuava em vários ramos da profissão: como pintor decorativo, mais frequentemente produzindo retratos e retábulos, xilografias, entalhes, e desenhando as moedas do eleitorado.

O realismo de suas naturezas mortas nos afrescos dos palácios de Coburgo e Locha chocou os cortesãos. O duque o levava em suas caçadas, onde Cranach esboçava os animais e as cenas.

Antes de 1508 seus retábulos na igreja do castelo de Wittenberg rivalizavam com os Albrecht Dürer e Hans Burgmair. Pintou retratos do duque e de seu irmão João em várias poses e publicou alguns de suas melhores xilogravuras.

Em 1509 foi à Holanda e pintou o Imperador Maximiliano e o futuro Carlos V. Até 1508 assinava seus trabahos com suas iniciais; a partir desse ano passou a usar o emblema da serpente alada (kleinodo).

Algum tempo depois o duque concedeu-lhe o monopólio da venda de remédios em Wittenberg, e o direito de imprimir, com privilégios como direitos autorais em Bíblias. Suas editoras foram usadas por Martinho Lutero. Sua farmácia funcionou por séculos, até ser destruída por um incêndio em 1871.


Obra gráfica[editar | editar código-fonte]

Lucas e sua equipe fizeram aproximadamente 5 mil obras, mas hoje resta apenas um quinto desta quantia. Alguns pesquisadores, no entanto, dizem que o número de trabalhos sobreviventes é bem maior.

Martírio de Catarina

1500-1509[editar | editar código-fonte]

"Adão e Eva", quadro pintado por Lucas, exposto no Instituto Courtauld de Arte.

1510-1519[editar | editar código-fonte]

1520-1529[editar | editar código-fonte]

As três graças

1530-1539[editar | editar código-fonte]

1540-1549[editar | editar código-fonte]


1550-Final[editar | editar código-fonte]

Estátuas e monumentos dedicados[editar | editar código-fonte]

Ruas[editar | editar código-fonte]

  • Lukas-Cranach-Straße na cidade alemã de Bottrop
  • Lucas-Cranach-Straße na cidade alemã de Deggendorf
  • Lucas-Cranach-Straße en Kronach en la parte del casco histórico de la ciudad, en el mismo sitio donde se ubica su casa de nacimiento.
  • Lucas Cranach Straße en la ciudad de Lutherstadt

Galeria dos trabalhos de Lucas Cranach, o Velho[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Lucas Cranach der Ältere

Referências[editar | editar código-fonte]

-->