Lucifer (banda do Japão)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Λucifer
Λucifer Bangkok 2010.jpg
Λucifer ao vivo em Bangkok, 2010. (e-d): Yuki, Santa, Makoto, Towa, Atsuro
Informação geral
Origem Tóquio
País  Japão
Gênero(s) Rock alternativo
Hard rock
Visual kei
Período em atividade 1999 - 2003[1]
2010
2012
Gravadora(s) Pony Canyon
Universal Japan
Integrantes Makoto "Makoto" Koshinaka (Vocal)
Masahiko "Yuki" Yuuki (Guitarra)
Daisuke "Atsuro" Kato (Guitarra)
Tomonori "Towa" Taguchi (Baixo)
Toru "Santa" Abe (Bateria)

Lucifer (リュシフェル? ou Λucifer) é uma banda de J-Rock japonesa pertencente ao estilo visual kei. Foi formada em 1999 e terminou em 2003.


Sobre a banda[editar | editar código-fonte]

O nome da banda tem origem na bem-sucedida manga Shōjo "Kaikan Phrase" pela japonesa mangaka Mayu Shinjo sobre uma banda com o mesmo nome. Λucifer começou por promover o anime "Kaikan Phrase".[2] Os membros da banda real adotaram os mesmos nomes das personagens do anime, exceto o cantor Makoto, que não alterou o seu nome para Sakuya.

Λucifer estreou-se a 15 de setembro de 1999 com seu primeiro single "Datenshi BLUE", que foi também a segunda abertura do anime. Λucifer tocou igualmente as músicas "C no Binetsu" e "Tokyo Illusion" na terceira e quarta aberturas, respetivamente. No início do anime, a banda tocou as músicas cujas letras apareceram na manga escritas por Mayu Shinjo. Um exemplo é o tema "Plasmagic" que foi tocado pela banda Manga/Anime e pela banda real Λucifer.

A banda tornou-se cada vez mais popular. No mesmo ano lançou o seu primeiro álbum, "Limit Control". A música foi escrita por Takuya Asanuma (ex-Judy and Mary), Chisato (Penicillin), IPPEI e TAIZO (FEEL), mas os membros da banda começaram a escrever eles próprios músicas mais tarde.[3] Seguiram-se mais álbuns e singles. Após o fim do anime, os membros da banda decidiram continuar a tocar juntos.

A 25 de outubro de 2002, mais de dois anos e meio depois do fim do anime, Λucifer anunciou a sua dissolução. Foram então na sua última digressão de 9 concertos, "Λucifer Last Live 2002-2003 Energy", de 16 de dezembro de 2002 a 10 de janeiro de 2003. A 11 de janeiro de 2003 após apareceram na televisão Tailandesa (também a primeira vez que apareceram fora do Japão), a banda separou-se e os seus membros seguiram caminhos separados.

Makoto iniciou uma carreira a solo (primeiro utilizando o seu primeiro nome, depois com o nome completo). É um cantor, compositor, ator e modelo japonês, com atividade no Japão e na Tailândia. Desde 2010, é o vocalista da banda de rock visual kei †яi¢к. Os outros membros da banda são: guitarra: Taiji Fujimoto (ex-D・T・R, Groove Master, The Dead Pop Stars), guitarra: Shintaro Mizuno, baixo: Shuse (ex-La'cryma Christi), bateria: Tero (ex-Vidoll).

Towa pertence a duas bandas chamadas Olive Sunday e Birth of Life e também fez algum trabalho a solo. É também uma das pessoas que fazem arranjos para muitas canções dos ídolos j-pop AKB48 e para outros grupos semelhantes.[4]

Santa está com Towa nos Olive Sunday. Desde 2007, tem participado em muitas digressões ao vivo dos Miliyah Kato.[5]

Yuki formou os Dustar-3 com três ex-membros dos Sex Machineguns, Noisy e Himawari. Colabora igualmente com o Yasu dos Janne Da Arc no seu projeto a solo, Acid Black Cherry.[6] Em 2010, juntou-se aos Rayflower, uma banda criada por Keiichi Miyako (Sophia) e Sakura (Zigzo, ex-L'Arc-en-Ciel).[7]

Atsuro tem tocado guitarra em estúdio para artistas de j-pop como meg rock, Marika e Chieko Kawabe. Também produz e faz arranjos para um número impressionante de artistas de j-pop, incluindo Aya Hirano, Shoko Nakagawa, e Minori Chihara.[8]

A banda teve regressos em 2010 e 2012.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

  • Limit Control (1999)
  • Beatrip (2001)
  • Element Of Love (2002)

Coletâneas[editar | editar código-fonte]

  • The Best (2002)

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Datenshi Blue" (1999)
  • "C no Binetsu" (1999)
  • "Tokyo Illusion" (2000)
  • "Carnation Crime" (2000)
  • "Junk City" (2000)
  • "Tsubasa" (2000)
  • "Hypersonic Soul" (2001)
  • "Regret" (2002)
  • "Realize" (2002)

Videografia[editar | editar código-fonte]

VHS[editar | editar código-fonte]

  • Be-Trip Tour 2001 (2001)

DVD[editar | editar código-fonte]

  • Film〜Escape (2000)
  • Be-Trip Tour 2001 (2001)
  • Film〜Escape 2 (2001)
  • Last Tour 2002-2003 Energy Tour Final at Tokyo Kokusai Forum (2003)

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]