Ludo Bagman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ludo Bagman (Ludovic Bagman), é um personagem ficticio da série Harry Potter criada pela escritora britânica J.K. Rowling.

Sua primeira e única aparição é no quarto volume da série, Harry Potter e o Cálice de Fogo. Bagman é descrito como um homem branco, de meia idade e de cabelos louros e olhos azuis demonstrando espírito e disposição juvenil e em quase toda a trama, traja suas vestes de seu antigo time de Quadribol, os Wimbourne Wasps.

História[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Ludo Bagman foi um grande batedor tanto no Wimbourne Wasps quanto na seleção da Inglaterra, isso o fez muito popular a ponto de se tornar uma lenda viva, e não por acaso, pois quando jogou com os Wasps os levou à conquista de três campeonatos consecutivos.

No entanto, Bagman sabia que a glória de seus dias de jogador um dia acabariam e por isso vai procurar a ajuda de contatos úteis. Nessa época porém, o reinado de terror de Lord Voldemort havia começado e ele já contava com muitos espiões, a maioria Comensal da Morte e um deles era Augusto Rookwood que prometera um emprego no Ministério da Magia, a Bagman se este lhe ajudasse a passar informações sigilosas para um suposto número de pessoas. Bagman foi pego e levado a julgamento por estar passando informações aos Comensais da Morte. Mas o fato de Bagman nunca ter simpatizado com as Artes das Trevas e ser considerado um pouco abobalhado, com certeza por levar muitos balaços na cabeça, acabou por inocenta-lo e por efeito de sua fama nunca foi acusado formalmente de Comensal da Morte. Anos depois, consegue seu tão almejado emprego e torna-se Chefe da Seção de Jogos e Esportes Mágicos e permanece neste cargo até o fim do Torneio Tribruxo.

O vício e as trapaças[editar | editar código-fonte]

Bagman é lamentavelmente fraco quando se trata de apostas, isso o fez perder muito dinheiro e o deixou em divida com os nada amistosos duendes do Gringotes, que o fizeram pagar com tudo que tinha nos bolsos na Copa Mundial de Quadribol.

Sem a dívida saudada, Bagman aposta com eles que Harry Potter é que venceria o Torneio Tribruxo e assim acabaria com seus problemas. Porém Harry sai do labirinto da Terceira tarefa com o corpo de Cedrico Diggory e os duendes invalidam a aposta já que Bagman apostou na vitória de Harry e não de ambos.

Vendo-se em grande perigo, Bagman foge na noite da volta de Lord Voldemort sem pagar os Duendes e os gêmeos Weasley a quem ele devia desde a final da Copa, e que o chantageavam pois conheciam seu segredo.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Ausência nos filmes[editar | editar código-fonte]

Ludo Bagman não esteve presente no filme Harry Potter e o Cálice de Fogo e por ter sua única participação no quarto livro ele não aparece em nenhum dos outros filmes. Como não participou dos filmes, algumas de suas falas foram dadas a Bartolomeu Crouch, o que atrapalhou um pouco a personalidade calada e fria de Crouch.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Harry Potter e o Cálice de Fogo, J.K.Rowling(2001)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]