Lugansk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Luhansk)
Lugansk
Луганск(russo)
Луганськ(ucraniano)
  Cidade  
Horizonte de Lugansk Луганск(russo) Луганськ(ucraniano)
Símbolos
Brasão de armas de Lugansk Луганск(russo) Луганськ(ucraniano)
Brasão de armas
Localização
Mapa da Ucrânia com Lugansk em destaque
Mapa da Ucrânia com Lugansk em destaque
Coordenadas 48° 34' N 39° 18' E
País  Ucrânia (de jure)
Flag of the Lugansk People's Republic (Official).svg República Popular de Lugansk (de facto)
História
Fundação 1795
Administração
Manolis Pilavov
Características geográficas
Área total 257 km²
População total (2021) 399,559 hab.
Densidade 1,6 hab./km²
Altitude 105 m
Fuso horário EET (UTC+2)
Horário de verão EEST (UTC+3)
Código postal 91000
Código de área +380 642
Sítio [1]=

Lugansk ou Luhansk (em russo: Луганск, em ucraniano: Луганськ) é uma cidade do norte da República Popular de Lugansk, de jure no leste da Ucrânia. Foi designada capital e centro administrativo da República Popular de Lugansk, Estado de facto soberano a partir de 2014.[1] Quando ainda localizada na Ucrânia, era capital do Oblast de Luhansk.[2]

Foi denominada Voroshilovogrado entre 1935–1958 e entre 1970–1990, em homenagem a Kliment Vorochilov, herói de guerra soviético.

É o principal centro econômico e demográfico da República Popular de Lugansk. Em 2021, sua população era de 399.559 habitantes.[3]

História[editar | editar código-fonte]

A história da cidade inicia-se em 1795, quando o industrial britânico Charles Gascoigne fundou uma fábrica metalúrgica perto do assentamento de cossacos zaporozhianos Kamianyi Brid.[4] O assentamento em torno da fábrica era conhecido como Luganskiy Zavod. Em 1882, o assentamento fabril Luganskiy Zavod foi fundido com o povoado de Kamianyi Brid, tornando-se a cidade de Lugansk. Localizada na bacia carbonífera de Donets, Lugansk tornou-se um importante centro industrial da Europa Oriental, particularmente como sede da grande empresa de construção de locomotivas Luhanskteplovoz.[4]

Em 5 de novembro de 1935, a cidade foi renomeada para Voroshilovogrado, em homenagem ao comandante militar e político soviético Kliment Voroshilov.[4] A cidade foi ocupada pela Alemanha Nazista entre 14 de julho de 1942 e 14 de fevereiro de 1943.[5]

Em 5 de março de 1958, com o apelo de Nikita Khrushchov para não dar nomes de pessoas vivas às cidades, o antigo nome foi restabelecido.[4] Em 5 de janeiro de 1970, após a morte de Voroshilov em 2 de dezembro de 1969, o nome mudou novamente para Voroshilovogrado.[4] Finalmente, em 4 de maio de 1990, um decreto do Soviete Supremo da República Socialista Soviética da Ucrânia devolveu à cidade o seu nome original.[6][7]

Em 1994, um referendo ocorreu no Oblast de Donetsk e no Oblast de Luhansk, com cerca de 90% apoiando que a língua russa ganhasse status de língua oficial ao lado da ucraniana, e para a língua russa ser uma língua oficial em nível regional; no entanto, o referendo foi anulado pelo governo ucraniano.[8]

Agitação pró-Rússia em Lugansk, abril de 2014[editar | editar código-fonte]

Durante a Guerra Civil no Leste da Ucrânia, os separatistas tomaram edifícios governamentais na região, proclamando a República Popular de Lugansk. Um referendo de independência, inconstitucional sob a lei ucraniana, foi realizado em 11 de maio de 2014. Este referendo não foi reconhecido como legítimo por nenhum governo, exceto pela Ossétia do Sul.[9][10] A Ucrânia não reconhece o referendo, enquanto a União Europeia e os Estados Unidos disseram que os referendos eram ilegais.[11]

Em 25 de junho de 2014, o governo separatista da República Popular de Lugansk declarou Lugansk a capital.[12]

Em agosto de 2014, as forças do governo ucraniano cercaram completamente Lugansk, controlada pelos rebeldes. O bombardeio pesado causou baixas civis na cidade.[13][14][15] Em 17 de agosto, soldados ucranianos entraram em Lugansk, controlada pelos rebeldes, e por algum tempo controlaram uma delegacia de polícia.[16]

Após a contra-ofensiva de Ilovaisk, as forças da República Popular de Lugansk recuperaram Lutuhyne e outros subúrbios de Lugansk. As forças ucranianas se retiraram do Aeroporto Internacional de Lugansk em 1º de setembro após intensos combates.[17]

Lugansk tornou-se a capital e o centro administrativo do estado rebelde da República Popular de Lugansk. A administração do Oblast de Luhansk foi transferida para Sievierodonetsk pelo governo da Ucrânia.[18]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

A cidade dispõe do Aeroporto Internacional de Lugansk.[19]

Educação[editar | editar código-fonte]

Algumas das universidades mais prestigiadas da Ucrânia e da República Popular de Lugansk têm sua sede em Lugansk. Localiza-se na cidade os campi principal da Universidade Nacional Taras Shevchenko de Lugansk,[20] da Universidade do Estado de Lugansk Volodymyr Dahl e da Universidade Médica do Estado de Lugansk.[21]

Cultura e lazer[editar | editar código-fonte]

Desportos[editar | editar código-fonte]

Lugansk é a casa do Futbolniy Klub Zorya, que disputa o Campeonato Ucraniano de Futebol e joga no Estádio Avanhard. O clube ganhou a Liga Soviética de 1972.[22]

Pessoas famosas de Lugansk[editar | editar código-fonte]

  • Sergei Bubka — (nascido em 1963), atleta soviético de salto com vara, antigo detentor do recorde mundial, e campeão olímpico.
  • Vasiliy Bubka — (nascido em 1960), atleta soviético de salto com vara.
  • Vladimir Dal — (1801-1872), maior lexicógrafo russo.
  • Fedor Emelianenko — (nascido em 1976), campeão de artes martiais.
  • Andriy Serdinov — (nascido em 1982), nadador ucrâniano.
  • Kliment Voroshilov — (1881-1969), comandante militar soviético.
  • Aleksandr Zavarov — (nascido em 1961), um famoso soviético, treinador e jogador de futebol.
  • Valeriy Brumel — (1942-2003), um famoso campeão olímpico soviético.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Putin reconhece a independência de Donetsk e Lugansk, na Ucrânia - CartaCapital». www.cartacapital.com.br. Consultado em 22 de fevereiro de 2022 
  2. «Luhansk (Ukraine)» (em inglês). British Encylopedia 
  3. https://www.citypopulation.de/en/ukraine/luhansk/ UKRAINE: Luhansk]. City Population. 2021.
  4. a b c d e History of Luhansk. Traveltill.com. 2021.
  5. Katchanovski, Ivan. The Politics of Soviet and Nazi Genocides in Orange Ukraine. Europe-Asia Studies Vol. 62, No. 6 (August 2010), pp. 973-997 (25 pages) Published By: Taylor & Francis, Ltd.
  6. 'Военная Литература' – Биографии – С.Н. Хрущёв ['Military Literature' – Biographies – S. N. Khrushchev] (em russo). Militera.lib.ru. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  7. «Записки из Якирова Посада – Луганск-Ворошиловград-Луганск». Shusek.livejournal.com. 2 de novembro de 2009. Consultado em 16 de setembro de 2011 
  8. Донбасс: забытый референдум-1994 [Donbas: the forgotten referendum-1994] (em russo). Thekievtimes.ua. 14 de maio de 2014. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  9. «Ukraine's Eastern Region Of Luhansk May Now Hold Referendum On Joining Russia». Business Insider. Consultado em 12 de maio de 2014 
  10. «South Ossetia recognises independence of Donetsk People's Republic». Information Telegraph Agency of Russia. 27 de junho de 2014. Consultado em 28 de junho de 2014 
  11. «Ukraine rebels seek to join Russia». 12 de maio de 2014. Consultado em 15 de abril de 2019 
  12. «ru:ЗАКОН 'О системе исполнительных органов государственной власти Луганской Народной Республики'» LEI 'Sobre o Sistema de Órgãos Executivos do Poder Estatal da República Popular de Lugansk' (em russo). lugansk-online.info. 2014. Consultado em 23 de novembro de 2014. Arquivado do original em 15 de setembro de 2014 
  13. «Ukraine conflict: Under siege in Luhansk». Bbc.com. 13 de agosto de 2014. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  14. "In Shell-Torn Luhansk, Food and Water Is Scarce: 'Welcome to Hell!'". Newsweek. 15 August 2014.
  15. Magnay, Diana; Lister, Tim (3 de junho de 2014). «Air attack on pro-Russian separatists in Luhansk kills 8, stuns city». CNN. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  16. «Ukraine troops claim breakthrough in battle for rebel city Luhansk». The Guardian. Reuters. 17 de agosto de 2014. Consultado em 17 de agosto de 2014 
  17. «Ukraine crisis: Troops abandon Luhansk airport after clashes». Bbc.com. 1 de setembro de 2014. Consultado em 30 de outubro de 2017 
  18. Peace in Ukraine (III): The Costs of War in Donbas. Crisis Group. 3 de setembro de de 2020 — Report 261 / Europe & Central Asia.
  19. Separatistas pró-russos atacam aeroporto de Lugansk. RFI. 8 de junho de 2014.
  20. University Nowadays. luguniv.edu.ua
  21. Abaute SE. lsmu.edu.ua
  22. Futbolniy Klub Zorya. cofactor.io