Luis Alberto Lacalle Pou

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Lacalle Pou
Lacalle Pou 2019.jpg
Lacalle Pou
42.º Presidente do Uruguai
Período a partir de 1 de março de 2020
Vice-presidente Beatriz Argimón
Antecessor Tabaré Vázquez
Sucessor -
Senador por Canelones
Período 1 de março de 2015
a atualidade
116.º Presidente da Câmara dos Representantes do Uruguai
Período 1 de março de 2011
a 1 de março de 2012
Antecessor Ivonne Passada
Sucessor Jorge Orrico
Deputado por Canelones
Período 1 de março de 2000
a 1 de março de 2015
(3 mandatos consecutivos)
Dados pessoais
Nascimento 11 de agosto de 1973 (46 anos)
Montevidéu, Uruguai
Nacionalidade uruguaio
Progenitores Mãe: María Julia Pou
Pai: Luis Alberto Lacalle
Cônjuge Lorena Ponce de León
Filhos Luis Alberto · Violeta · Manuel
Partido Partido Nacional
Profissão Advogado

Luis Alberto Aparicio Alejandro Lacalle Pou, mais conhecido por Lacalle Pou (Montevidéu, 11 de agosto de 1973) é o presidente eleito do Uruguai, advogado, uruguaio do Partido Nacional também conhecido como Partido Blanco e que abriga tendencias de centro, centro-direita e direita.

Filho do ex-presidente Luis Alberto Lacalle, foi eleito deputado pelo Partido Nacional em 1999, representando o departamento de Canelones e reeleito em 2004 e 2009. Atualmente é Senador da República, desde 2015[1] Formado em Direito pela Universidade Católica do Uruguai em 1998.

Nas eleições primárias de 1 de junho de 2014, Lacalle Pou foi escolhido como candidato do Partido Nacional para as eleições presidenciais de outubro, tendo sido derrotado por Tabaré Vázquez.[2] no segundo turno.

Nas eleições de 2019, foi novamente candidato à presidente do Uruguai, sendo eleito no segundo turno, derrotando o candidato oficialista Daniel Martínez Villamil. A vitória de Lacalle Pou encerrou um ciclo de 15 anos de governos de centro-esquerda no país.[3]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Luis Lacalle Pou nasceu no dia 11 de agosto de 1973 e é o filho do meio do ex-presidente do Uruguai Luis Alberto Lacalle e de Julia Pou. Estudou no colégio The Britis Schools de Montevidéu, em 1998 se formou em direito na Universidade Católica do Uruguai.[4]

Seguiu os passos do pai e ingressou na política sendo membro do Partido Nacional, foi eleito Deputado da República na eleição geral de 1999, tendo sido reeleito duas vezes. É senador desde fevereiro de 2015.[4]

É casado com Lorena Ponce de León, a quem conheceu com apenas dezesseis anos, ele tem com a mesma três filhos: Luis Alberto, Violeta y Manuel.[5]

Carreira Política[editar | editar código-fonte]

Câmara de Representantes[editar | editar código-fonte]

Foi eleito como Deputado da República nas eleições gerais de 1999, tendo tomado posse em 2000, quando tinha apenas 26 anos, foi reeleito em 2004 e em 2009, ou seja, foi eleito para 3 mandatos consecutivos.

Lacalle Pou foi Presidente da Câmara de Representantes entre março de 2011 e março de 2012, durante esse período se tornou mais conhecido pela mídia e pelo povo uruguaio. Durante sua gestão, pela primeira vez desde a redemocratização do país, a Câmara de Representantes devolveu mais de 2,5 milhões de dólares que recebeu do Orçamento Federal, dinheiro que por "razões de boa administração" foi devolvido à Receita Orçamentaria, por créditos não usados pelos deputados em 2011.[6] Também implementou transmissão audiovisual das sessões da Câmara de Representantes, através de um canal da web de acesso gratuito. Ele também criou uma conta no Facebook e uma conta no Twitter para divulgar as atividades da câmara.[7]

No ano de 2013, Lacalle Pou foi proclamado pré-candidato presidencial pelo setor "Todos Hacia Adelante", grupo integrado por vários setores do Partido Nacional apresentado ao público em junho de 2013 (anteriormente chamado de Unidade Nacional).[8] Sua candidatura foi lançada oficialmente no domingo, 30 de março de 2014 no Palácio Peñarol.[9] Alguns dias depois, recebeu o apoio de outro ex-candidato, Sergio Abreu.[10]

Posteriormente, ele disputou as eleições primárias de 2014, no mês de Junho de 2014.[11]

Em 1.º de junho de 2014, Luis Lacalle Pou venceu as eleições internas com 54,3% sobre Jorge Larrañaga e foi o candidato à presidência do Partido Nacional na eleições gerais uruguaias de 26 de outubro de 2014.[12] Jorge Larrañaga aceitou o pedido de Lacalle Pou e do setor "Alianza Nacional" para complementar a fórmula e foi candidato a vice-presidente. Depois de perder no segundo turno contra Tabaré Vázquez, Lacalle Pou foi eleito pela primeira vez desde que ingressou na política como Senador da República.[13][14]

Referências

  1. «Deputado Lacalle Pou». Parlamento do Uruguai (em espanhol). Consultado em 10 de março de 2013. Arquivado do original em 26 de setembro de 2007 
  2. «Victoria inesperada de Lacalle Pou en las internas». EL PAIS. 2 de junho de 2014  (em castelhano)
  3. De 2019, 1 De Julio. «Quiénes son los candidatos presidenciales de Uruguay». Infobae (em espanhol). Consultado em 15 de setembro de 2019 
  4. a b ¿Quién es Luis Lacalle Pou?, consultado em 15 de setembro de 2019 
  5. May 23; especial |, 2019 | Informe (23 de maio de 2019). «LOLI, LA ESPOSA DE LACALLE POU QUE LO ACOMPAÑÓ EN SU GIRA POR ARTIGAS». Artigas Noticias (em espanhol). Consultado em 15 de setembro de 2019 
  6. «Diputados ahorró US$ 2:5 en 2011 - Diario EL PAIS - Montevideo - Uruguay». historico.elpais.com.uy. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  7. «Diputados ingresa a las redes y filmará sesiones». LARED21 (em espanhol). 22 de agosto de 2011. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  8. «Todos Hacia Adelante». www.facebook.com. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  9. «Las uñas clavadas en la tradición». web.archive.org. 7 de abril de 2014. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  10. «Sergio Abreu se baja y apoya a Lacalle Pou en la interna blanca». subrayado.com.uy (em espanhol). Consultado em 15 de setembro de 2019 
  11. «Lacalle Pou se inspira en Aznar para acusar a Mujica: "Lo que no tiene es coraje político"». LARED21 (em espanhol). 4 de dezembro de 2011. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  12. «"A gobernar ahora, y a gobernar bien": Lacalle Pou ganó la interna blanca y es el candidato. | Lacalle Pou | PRESIDENTE». web.archive.org. 14 de julho de 2014. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  13. «Tabaré Vazquez vence eleição no Uruguai». Valor Econômico. 1 de dezembro de 2014. Consultado em 15 de setembro de 2019 
  14. «Luis Lacalle Pou: "…Por primera vez en 4 elecciones, me parece, que un sector del Partido Nacional es el más votado del país, de todos los partidos políticos"». UYCheck (em espanhol). 12 de dezembro de 2014. Consultado em 15 de setembro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Luis Alberto Lacalle Pou


Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre o Uruguai é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.