Lyonel Feininger

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Lyonel Feininger
Nascimento 17 de julho de 1871
Nova Iorque
Morte 13 de janeiro de 1956 (84 anos)
Nova Iorque
Cidadania Estados Unidos
Cônjuge Julia Feininger
Filho(s) Lore Feininger, Laurence Feininger, T. Lux Feininger, Andreas Feininger
Alma mater
Ocupação pintor, artista, fotógrafo, desenhista, desenhista de banda desenhada, professor, artista gráfico, desenhista
Empregador Black Mountain College
Movimento estético expressionismo

Lyonel Feininger (Nova Iorque, 17 de junho de 1871 — Nova Iorque, 13 de janeiro de 1956) foi um pintor, artista, fotógrafo, ilustrador, artista de história em quadrinhos estadunidense.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ele também trabalhou como caricaturista. Ele nasceu e cresceu em Nova York, viajando para a Alemanha aos 16 anos para estudar e aperfeiçoar sua arte. Iniciou sua carreira como cartunista em 1894 e obteve muito sucesso nessa área. Ele também foi caricaturista comercial por 20 anos para revistas e jornais nos EUA e na Alemanha. Aos 36 anos, começou a trabalhar como artista plástico. Ele também produziu uma grande quantidade de trabalhos fotográficos entre 1928 e meados da década de 1950, mas os manteve principalmente em seu círculo de amigos. Foi também pianista e compositor, com várias composições para piano e fugas para órgão existentes.[1][2][3][4]

Obras selecionadas[editar | editar código-fonte]

  • 1907, Der weiße Mann, (Collection Museo Carmen Thyssen-Bornemisza, Madrid)
  • 1910, Straße im Dämmern, (Sprengel Museum, Hannover)
  • 1913, Gelmeroda I, (Private collection, New York)
  • 1913, Leuchtbake, (Museum Folkwang, Essen, Germany)
  • 1916, Grüne Brücke II (Green Bridge II), (North Carolina Museum of Art, Raleigh)
  • 1918, Teltow II, (Neue Nationalgalerie, Berlin)
  • 1918, "Yellow Streets II", (Musée des Beaux-Arts de Montréal, Montréal)
  • 1920, Ostsee-Segelboote II, (Private collection, Wichita, KS)
  • 1922, Church of Heiligenhafen, (Reynolda House Museum of American Art, Winston-Salem, NC)
  • 1925, Barfüßerkirche in Erfurt I, (Staatsgalerie Stuttgart)
  • 1926, Barfüßerkirche II (Church of the Minorities II)
  • 1929, Halle, Am Trödel, (Bauhaus-Archive, Berlin)
  • 1931, Die Türme über der Stadt (Halle), (Museum Ludwig, Köln)
  • 1936, Gelmeroda XIII, (Metropolitan Museum of Art, New York)
  • 1940, The River, (Worcester Art Museum, MA)

Referências

  1. Grimes, William (14 de julho de 2011). «T. Lux Feininger, Photographer and Painter, Dies at 101». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 17 de julho de 2022 
  2. Muir, Laura e Nathan Timpano. Lyonel Feininger: Fotografias 1928-1939.
  3. «American Academy of Arts and Letters - Deceased Members». web.archive.org. 26 de julho de 2011. Consultado em 17 de julho de 2022 
  4. NDR. «Radtour: Auf Lyonel Feiningers Spuren über Usedom». www.ndr.de (em alemão). Consultado em 17 de julho de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.