Míssil anticarro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Um FGM-148 Javelin do exército americano disparando um míssel anti-tanque.
Um ATGM 9K115 Metys do Exército Polaco

O míssil anticarro ou antitanque (ATGM) é um míssil guiado projetado para abater e destruir tanques ou qualquer outro tipo de veículo de militar com blindagem. Pode ser lançado de plataformas terrestres, aviões, navios e até por uma dupla de soldados; geralmente é guiado por laser ou infravermelhos e perfura a blindagem do tanque antes de detonar.

Mísseis antitanque estão na escala de mísseis cujo tamanho e peso podem ser transportados por um soldado apenas, e lançados a partir do ombro do soldado ou montado em um tripé. Mísseis de maior "calibre" necessitam de um esquadrão ou time para o transporte e manuseio da arma, até o veículo ou aeronave na qual o míssil arma será montado.

A introdução de pequenos mísseis portáteis anticarro deu a infantaria a habilidade de derrotar mesmo carros de combate pesados, usualmente com o primeiro tiro.

As armas anticarro mais antigas como rifles antitanque, foguetes, e minas antitanque tinham uma penetração na blindagem limitada e/ou requeriam uma aproximação maior do soldado para serem usadas com eficiência.

A primeira geração de mísseis anticarro como o AT-3 Sagger eram comandadas manualmente usando joysticks ou acessórios similares.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre mísseis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.