Módulo Harmony

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
ISS Node 2 em construção (NASA)
Navegação na Estação Espacial Internacional
Frente-esquerda Triangle Up.svg Frente-direita
- Destiny -
Triangle Left.svg Cima/Baixo Triangle Right.svg
Columbus Módulo CAM/- JEM
Atrás-esquerda Triangle Down.svg Atrás-direita
- PMA-2 -
editar...

O módulo Harmony, também conhecido como Node 2, é o "entroncamento" da Estação Espacial Internacional (ISS), contendo quatro racks que providenciam ar, energia eléctrica, água e outros sistemas essenciais de suporte à vida na estação. É o segundo dos três conectores dos módulos da ISS[1], e é gerido pelo Marshall Space Flight Center da NASA em Huntsville, Alabama. A sua instalação pela missão STS-120, no final de outubro de 2007[2], possibilitou uma expansão considerável no espaço da ISS, uma vez que permitiu a acoplamento dos laboratórios japonês (JEM), na missão STS-124, de junho de 2008, e o europeu (Columbus) na missão STS-122, em fevereiro de 2008.

Num acordo entre a NASA e a Agência Espacial Europeia, uma empresa internacional, a Alenia Spazio, sediada em Roma, construiu o Node 2 nas suas instalações em Turim, Itália. [3]

Especificações[editar | editar código-fonte]

  • Comprimento: 6.1 m
  • Diâmetro: 4.2 m
  • Peso bruto: 14.288 Kgs

Referências

  1. «Node 2: Connecting Module». Estação Espacial Internacional. 2007. Consultado em September 28, 2007  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. NASA (23 de outubro de 2007). «STS-120 MCC Status Report #01». NASA 
  3. «Space Station Assembly: Harmony Node 2». NASA. 2007. Consultado em September 28, 2007  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Módulo Harmony