Governo móvel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de M-gov)

Governo móvel ou M-gov, é o conceito e-gov (Governo eletrônico), estendido às plataformas de comunicação móvel. São serviços do governo para o cidadão oferecidos através de celulares e palms, ou seja, é também chamado como o acesso a serviços e informações públicas via dispositivos móveis[1] ou smartphones.

Permitem maior transparência do governo na prestação de contas, e facilidade para o cidadão na consulta de informações. Exemplo, consulta a multas pelo celular oferecido pelo Estado do Piauí, no Brasil

No Brasil, um estado que utiliza este conceito é o Alagoas.[2]

Com a prestação de serviços móveis do tipo: Cosulta ao Banco de Dados do DETRAN, fazendo com que o usuário usufrua de informações do seu veículo com a inserção apenas da placa do carro. Consultas a CNH com a inserção do CPF. Outros serviços como segurança cidadã, onde o cidadão poderá informar se o carro pelo qual foi consultado é roubado ou se possui pagamentos atrasados do seu antigo dono. Consulta ao Sistema de Protocolo, onde o cidadão poderá saber como estão os trâmites legais do seu protocolo. E a central de informações, com o uso do RSS.

Também a Prefeitura de Porto Alegre tem um projeto na área, o "Porto Alegre Móvel", onde acessando o site da Prefeitura em um dispositivo móvel (www.portoalegre.rs.gov.br) é possível ter acesso a notícias e serviços ao cidadão.

Governo Eletrônico e Governo Móvel[editar | editar código-fonte]

O e-gov e o Governo Móvel não são atividades distintas. O e-gov engloba todo o uso de tecnologias nos serviços destinados a população além de tornar mais simples e eficazes as atividades do governo. O m-gov surge como um complemento ao e-gov, ele se utiliza das tecnologias móveis como telefones celulares, tablets e equipamentos com suporte wi-fi e Bluetooth para realizar serviços do governo. O m-gov não chega para substituir o governo eletrônico, os dois se complementam. O m-gov se torna mais prático devido ao fato dos dispositivos móveis serem mais acessíveis do que os computadores de mesa, por causa do menor custo e por estar sempre ao alcance de todos.[3]

Benefícios do Governo Móvel para o Governo[editar | editar código-fonte]

A utilização de tecnologia móvel proporciona um aumento de qualidade significativo dos serviços prestados pelo Governo.


  • Alcance mais amplo: A penetração da telefonia móvel permite que o governo se aproxime de grupos que antes eram mais difíceis de serem alcançados, como os idosos, pessoas com deficiências e cidadãos que vivem em áreas remotas.
  • Mobilidade e onipresença: O cidadão pode acessar de qualquer lugar e a qualquer hora usando usando redes sem fio por meio de seus dispositivos móveis.
  • Aumento da democracia: O Estado fica ciente com maior facilidade das opiniões e anseios da população. Além de aumentar a responsabilidade e transparência do Governo, tornando possível uma maior participação do cidadão no desenvolvimento de políticas públicas e tomadas de decisão.
  • Governo Verde habilitado: O uso de papel será reduzido graças ao aumento no uso dos dispositivos móveis. No entanto, baterias de telefones celulares são um mal para o meio ambiente. Por isso é preciso encontrar soluções para esse problema, nem que seja para garantir o descarte adequado.[4]


Referências

  1. «O governo descobre a mobilidade». Consultado em 13 de abril de 2014. Arquivado do original em 14 de abril de 2014 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 13 de janeiro de 2007. Arquivado do original em 19 de janeiro de 2007 
  3. http://unpan1.un.org/intradoc/groups/public/documents/apcity/unpan040050.pdf. Consultado em 16 de novembro de 2018.
  4. http://unpan1.un.org/intradoc/groups/public/documents/un-dpadm/unpan047499.pdf. Consultado em 02 de dezembro de 2018.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia tem o portal:
Ícone de esboço Este artigo sobre Informática é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.