MTV Video Music Awards de 1996

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
MTV Video Music Awards de 1996
Data 4 de setembro de 1996 (1996-09-04)
Apresentação Dennis Miller
Local Radio City Music Hall, Nova Iorque
País  Estados Unidos
Cobertura televisiva
Estação MTV
1995
1997

O MTV Video Music Awards de 1996 foi ao ar em 4 de setembro de 1996, premiando os melhores videoclipes lamçados entre 16 de junho de 1995 e 14 de junho de 1996. A premiação, ocorrida no Radio City Music Hall, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, foi apresentada pelo comediante estadunidense Dennis Miller.[1]

A cerimônia centrou-se na banda norte-americana The Smashing Pumpkins, que liderou as indicações naquela noite, com um total de nove. Tendo perdido seu tecladista de turnê dias antes dessa aparição para uma overdose de heroína, e expulso o baterista original da banda, Jimmy Chamberlin, o grupo abriu o show como um trio, apresentando uma inspiradora e emotiva versão de "Tonight, Tonight".[2] Além disso, eles acabaram ganhando sete dos nove prêmios a que estavam co correndo: "Tonight, Tonight" ganhou seis prêmios de oito indicações, incluindo Vídeo do Ano,[3] tornando-se assim o vídeo com mais indicações e o mais premiado da noite; enquanto seu vídeo da canção "1979" ganhou o único prêmio a que fora indicado, de Melhor Vídeo Alternativo.[2]

A segunda maior indicada e vencedora naquela noite foi a cantora canadense Alanis Morissette, que ganhou três de suas seis indicações por seu vídeo da canção "Ironic". Empatando com ela em termos de indicações estava a cantora islandesa Björk, com também seis; no entanto, seu vídeo da canção "It's Oh So Quiet" só levou para casa um prêmio, de Melhor Coreografia. Seguindo de perto com cinco indicações cada, estavam Coolio, Foo Fighters e Bone Thugs-n-Harmony. Destes, porém, apenas os dois primeiros acabaram levando para casa alguns prêmios por seus vídeos. Coolio ganhou três, enquanto "Gangsta's Paradise" ganhou duas de suas três indicações, e "1, 2, 3, 4 (Sumpin' New)" ganhou uma de suas duas indicações, enquanto "Big Me", do Foo Fighters, levou para casa um premio, de Melhor Vídeo de Grupo. Enquanto isso, Bone Thugs-n-Harmony foi para casa de mãos vazias.[1]

Os destaques do evento incluíram um pré-show da então pouco conhecida banda No Doubt, que em breve se tornaria mundialmente famosa, que se apresentou na marquise de entrada do Radio City Music Hall.[4] Houve também um breve reencontro dos quatro membros originais do Van Halen, que, na época, não apareciam juntos há mais de uma década, apresentando o prêmio de Melhor Vídeo Masculino,[1] bem como uma interação ao vivo com os astronautas abordo da estação espacial soviética Mir.[1] A cerimonia também marcou a última aparição pública do rapper Tupac Shakur antes de ser baleado quatro vezes em um tiroteio em Las Vegas, nos Estados Unidos, três dias depois, em 7 de setembro, vindo a falecer em decorrência dos ferimentos em 13 de setembro.[5]

Performances[editar | editar código-fonte]

Artista Canção Apresentado por
Pré-show
Beck "Where It's At"
No Doubt "Spiderwebs"
"Just a Girl"
Premiação
The Smashing Pumpkins "Tonight, Tonight"
The Fugees
Nas
Medley:
"Killing Me Softly"
"Fu-Gee-La"
"Ready or Not"
"If I Ruled the World (Imagine That)"
Ben Stiller
Metallica "Until It Sleeps" Dennis Miller
LL Cool J "Doin' It" Michael Buffer
Neil Young[A] "The Needle and the Damage Done"
Hootie & the Blowfish "Sad Caper"
Alanis Morissette "Your House" Seal
Bush "Machinehead"
The Cranberries "Salvation" Janeane Garofalo
Oasis "Champagne Supernova" Ewan McGregor
Ewen Bremner
Bone Thugs-N-Harmony "Tha Crossroads"
Kiss[B] "Rock and Roll All Nite" Dennis Miller

Notas

Vencedores e indicados[editar | editar código-fonte]

Vídeo do Ano
(apresentado por Sharon Stone)
Artista Revelação
(apresentado por Kevin Bacon e Rosie O'Donnell)
Melhor Vídeo Masculino
(apresentado por Van Halen)
Melhor Vídeo Feminino
(apresentado por Susan Sarandon)
Melhor Vídeo de Grupo
(apresentado por Mariah Carey)
Melhor Vídeo de Hard Rock
(apresentado por 2Pac e Snoop Doggy Dogg)
Melhor Vídeo de R&B
(apresentado por Beck e Chris Rock)
Melhor Vídeo de Rap
(apresentado por Jenny McCarthy e Damon Wayans)
Melhor Vídeo de Dance
(apresentado por Claudia Schiffer, Anthony Kiedis e Flea)
Melhor Vídeo Alternativo
(apresentado por Tim Robbins)
Melhor Vídeo de Um Filme
(apresentado por John Norris e Alison Stewart)
Vídeo Inovador
(apresentado por Toni Braxton e Dennis Rodman)
Melhor Direção
(apresentado por Geena Davis)
Melhor Coreografia
Melhor Efeitos Especiais Melhor Direção de Arte
Melhor Edição Melhor Cinematografia
Escolha da Audiência
(apresentado por Steven Tyler e Joe Perry)
Escolha da Audiência International (Ásia)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
  • Seo Taiji and Boys – "Come Back Home"
    • Dewa 19 – "Cukup Siti Nurbaya"
    • IE – "Chan Tang Jai"
    • Put3Ska – "Manila Girl"
Escolha da Audiência International (América Latina)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
Escolha da Audiência International (Brasil)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
  • Soda Stereo – "Ella Usó Mi Cabeza Como un Revólver"
    • Los Fabulosos Cadillacs – "Mal Bicho"
    • Illya Kuryaki and the Valderramas – "Abarajame"
    • Maldita Vecindad e los Hijos del 5to. Patio – "Don Palabras"
    • Eros Ramazzotti – "La Cosa Más Bella"
Escolha da Audiência International (Europa)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
Escolha da Audiência International (Índia)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
  • Colonial Cousins – "Sa Ni Dha Pa"
    • Asha Bhosle – "Piya Tu Ab To Aaja"
    • Biddu – "Boom Boom"
    • Indus Creed – "Sleep"
    • Shaan e Style Bhai – "Roop Tera Mastana""
Escolha da Audiência International (Japão)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
Escolha da Audiência International (Mandarim)
(apresentado por Beavis and Butt-head)
  • Kuroyume – "Pistol"
    • Ken Ishii – "Extra"
    • Toshinobu Kubota – "Funk It Up"
    • The Mad Capsule Markets – "Walk!"
    • Seiko – "Let's Talk About It"
  • Nana Tang – "Freedom"
    • Dou Wei – "Outside the Window"
    • Andy Lau – "Truly Forever"
    • Eric Moo – "Love Is So Heavy"
    • Regina Tseng – "From Dark to Light"

Referências

  1. a b c d «vma 1996: about the show». MTV (em inglês). Viacom. 4 de setembro de 1996. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  2. a b Andy Greene (24 de maio de 2013). «Flashback: Smashing Pumpkins Open 1996 Video Music Awards». Rolling Stone (em inglês). Wenner Media LLC. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  3. Stephanie Marcus (24 de agosto de 2016). «Here's What The MTV VMAs Looked Like In 1996». HuffPost (em inglês). Verizon Communications. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  4. Erika Harwood (22 de agosto de 2016). «This Is What The VMA Red Carpet Looked Like In 1996». MTV News (em inglês). MTV. Consultado em 17 de setembro de 2018 
  5. «vma 1996 - videos: Tupac's Last MTV Interview». MTV (em inglês). Viacom. 4 de setembro de 1996. Consultado em 17 de setembro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]