Mabuhay Investment Corporation

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

A Mabuhay Investment Corporation (MIC) (também conhecida por apenas Mabuhay) é uma holding detida pela Philippine Long Distance Telephone Company. Era conhecido anteriormente como Mabuhay Satellite Corporation (MSC), uma corporação aeroespacial filipina responsável pela operação de satélites de comunicação até 2009, a única companhia filipina destinada a esta finalidade.[1] Foi proprietária do Agila 2 o satélite que fornece a cobertura mais poderoso da região Ásia-Pacífico. Além da operação de satélite, também fornece serviços por satélite. Atualmente, opera dois centros espaciais, nomeadamente a Mabuhaysat Subic Space Center, seu principal centro, e o Zamboanga City, seu centro de back-up.[2]

História[editar | editar código-fonte]

Fundada em 10 de novembro de 1994 com o nome Mabuhay Philippines Satellite Corporation (MPSC), a empresa foi criada principalmente para construir, possuir, operar e manter uma instalação de satélite internacional e outras formas de equipamentos de telecomunicações, que são capazes de fornecer telecomunicações e radiodifusão em nível doméstico e internacional.[3]

A maioria do conselho de administração concordou, em uma reunião realizada em 10 de abril de 2003, para eliminar a palavra "Philippines" do nome da empresa, como a empresa foi criada para ser um operador de satélite internacional e, não só dentro das Filipinas.[4]

Em 6 de novembro de 2009, a comunicação empresarial e operação de satélite da MSC foi vendida para a Asia Broadcast Satellite (ABS) depois de terem assinado um acordo.[5]

Em 13 de janeiro de 2012, após a Securities and Exchange Commission (SEC) aprovar a alteração em seus atos constitutivos, a Mabuhay Satellite Corporation foi renomeada para Mabuhay Investment Corporation.[6]

Venda da empresa[editar | editar código-fonte]

A Mabuhay Satellite Corporation (Mabuhay) e ProtoStar Ltd., uma companhia de Bermudas, assinaram vários acordos no dia 17 de setembro de 2008, que abrangiam múltiplas áreas de cooperação entre as duas empresas.[7] Mas a ProtoStar faliu e estes acordos não foram concretizados.

Em novembro de 2009, as Filipinas, concordou em vender toda a sua participação de 67% na Mabuhay Satellite Corporation (detida pela Philippine Long Distance Telephone Company, PLDT) para o operador Asia Broadcast Satellite (ABS), incluindo o satélite Agila 2.[8]

A venda do satélite nacional foi criticada e não aceita nas Filipinas. Falou-se de regressão tecnológica e perda de independência no campo da comunicação e defesa.[9] Porque a empresa foi vendida e a renda potencial do satélite - o mercado de serviços de satélite, nas Filipinas, em 2010, foi avaliado em 120 milhões de USD. No início de 2013, a imprensa nacional indicaram que as Filipinas são o único dos cinco países mais ricos do Sudeste Asiático, sem o seu próprio satélite de comunicações,[10] sublinhando que para um país formado por 7.000 ilhas ter seu próprio satélite deve ser um meio óbvio de infraestrutura de telecomunicações.

Satélites[editar | editar código-fonte]

Satélite Fabricante Data do lançamento Veiculo de lançamento Estado Nota
Agila 1 Hughes 20 de março de 1987 Delta-3920 Inativo Após uma tentativa de lançamento em 1984, o satélite Palapa B3 foi condenado. O mesmo foi lançado com sucesso, como Palapa B2P a bordo de um de foguete Delta-3920 PAM-D em março de 1987.[11] Em meados de 1996, o satélite foi adquirido da PT Pasifik Satelit Nusantara pela PLDT para se tornar o primeiro satélite do sistema Mabuhay.[12]
Agila 2 Space Systems/Loral 19 de agosto de 1997 Longa Marcha 3B Vendido Ex-ABS-5. Também conhecido por Mabuhay 1 e ABS-3[13]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Emmie V. Abadilla (30 de janeiro de 2010). «Firm investing $800 M to build 5 satellites». Manila Bulletin Publishing Corporation 
  2. «Facilities». Mabuhay Satellite Corporation. Consultado em 17 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 1 de setembro de 2010 
  3. «PLDT forms satellite firm». The Manila Standard. 4 de novembro de 1994 
  4. «MABUHAY History in Briefs». Mabuhay Satellite Corporation. Consultado em 17 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 28 de abril de 2010 
  5. «ABS acquirres Mabuhay». www.absatellite.net. 11 de julho de 2012. Consultado em 17 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 16 de junho de 2013 
  6. «PLDT Financial Information» (PDF) (Nota de imprensa). 8 de maio de 2013. Consultado em 19 de junho de 2013 
  7. «Mabuhay Satellite Corporation» [ligação inativa]
  8. «Philippine's one and only orbital satellite sold» 
  9. «Agila II: Philippines in cyperspace» 
  10. «Business at satellite speed» 
  11. «Palapa-B 1, 2, 2P, 2R, 4 / Palapa Pacific / Agila 1 / NewSat 1 - Gunter's Space Page» 
  12. «TSE - Palapa B2P - The Satellite Encyclopedia» 
  13. «Agila 2 / ABS 5 → ABS 3 - Gunter's Space Page»