Madelyne Pryor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Madelyne Pryor
Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Primeira aparição Avengers Annual #10
Criado por Chris Claremont
Paul Smith
Características do personagem
Alter ego Madelyne ("Maddie") Jennifer Pryor
Espécie Clone/Humano (Mutante)
Afiliações X-Men
Clube do Inferno
Irmandade de Mutantes
Situação presente desconhecido
Habilidades
  • Telepatia
  • Telecinese
  • Teletransporte
  • Absorção De Poderes
  • Misticismo
  • Magia
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Madelyne Jennifer Pryor Summers é uma personagem de histórias em quadrinhos da Marvel Comics, atuando principalmente nas histórias dos X-Men. Madelyne é a primeira esposa de Ciclope (Marvel Comics) , e permaneceu como membro coadjuvante dos X-Men até que uma série de traumas -ser abandonada pelo marido, perder seu filho e descobrir que era um clone de Jean Grey- levaram Maddie à aliar-se à demônios e tornar-se uma super-vilã.

História[editar | editar código-fonte]

Madelyne Jennifer Pryor apareceu primeiramente em Avengers Annual #10 como uma criança doente em um hospital. Alguns anos depois, foi introduzida na revista dos X-Men. Madelyne, que era idêntica à Jean Grey, apareceu na vida de Ciclope na época em que supunha-se que Jean estava morta após seu sacrifício na Lua (para tentar matar a Fênix Negra,que estava tentando possuir ela)[1] . Confuso pela enorme semelhança entre a moça e a sua amada, Scott se casou com ela[2] e eles tiveram um filho chamado Nathan Christopher Summers, que após ser enviado ao futuro (para salvá-lo de um vírus que o Apocalipse o infectou)se tornou o personagem Cable. Por algum tempo Madelyne permaneceu nos X-Men onde recebia o mesmo carinho que Jean.

Porém, tempos depois, Ciclope descobriu que Jean Grey estava viva , e largou a esposa e filho para estar ao lado de seu verdadeiro amor (fundando assim o X-Factor). Madelyne foi abandonada e ficou sob a guarda dos X-Men (na época dados como mortos e operando através de uma cidade fantasma no deserto australiano), onde teve um breve envolvimento com o irmão de Scott, Alex Summers.

Não tardou para que Pryor revelasse sua verdadeira origem : ela é um clone de Jean criada pelo Senhor Sinistro, com a intenção de mesclar o material genético de Scott e de Jean, concretizados no bebê Nathan, que seria o "mutante perfeito". Quando descobriu que não passava de um clone dela criado pelo geneticista, Madelyne enlouqueceu, obtendo poderes através de demônios e adotando a identidade de Rainha dos Duendes. Madelyne tenta abrir um portal entre a dimensão demoníaca do Limbo e a Terra matando seu próprio filho. Porém, ela é impedida pela ação conjunta do X-Men e X-Factor . Ao travar um duelo psíquico com Jean , Madelyne acaba morrendo, pois ela não é pareo para jean.

Retorno[editar | editar código-fonte]

Madelyne reapareceu posteriormente após a saga Era do Apocalipse, encontrando-se com Nate Grey e, posteriormente sendo recrutada por Selene e entrando no Clube do Inferno. Nesta fase, Madelyne demonstra possuir poderes telepáticos e telecinéticos equivalentes ao de Jean Grey. Quando ela reencontra-se novamente com Nate, ambos descobrem que ela foi recriada graças ao poder do jovem, logo que ele chegou, confuso, à "realidade normal". Inconscientemente, ele materializou uma pessoa que lhe transmitia conforto e segurança: sua "mãe" Jean Grey. Fugindo do jovem que, apavorado com o que fez, tentou destrui-la, ela voltou ao Clube do Inferno. Porém, sempre que as ambições do grupo eram muito grandes (e havia-se o risco da perda de muitas vidas inocentes), ela ajudava seus adversários secretamente tendo, inclusive, ajudado seu "filho", Cable.

Algum tempo depois, é revelado que ela era apenas uma ilusão.

Rainha Vermelha[editar | editar código-fonte]

Exatos 23 anos após a criação de Madelyne Pryor [3] , e 18 após sua morte[4] , Madelyne ressurge misteriosamente [5] . Enquanto os X-Men estavam em uma boate para comemorar sua vitória sobre o Culto do inferno , Ciclope avista sua ex-falecida esposa no meio de uma multidão . E Maddie não tardou à atacar Utopia com sua Irmandade de Mutantes , formada por Espiral , Quimera , Martinique Jason , Mestra Mental e Lady Letal.

Pryor revela que não possui um corpo (é, na verdade, uma psique fantasma), e que apenas duas "carnes" no Universo são capazes de suportar seu poder. A primeira foi destruída irrevogalmente quando Madelyne morreu anos atrás durante a saga Inferno, e a segunda seria a já falecida Jean Grey. Durante o ataque aos X-Men, Madelyne rouba uma mecha do cabelo de Jean que Wolverine guardava consigo, com o objetivo de rastrear o corpo de Grey e hospedar sua consciência no mesmo. Porém, ela é derrotada devido ao fato de Domino ter substituído o cadáver pelo de uma humana comum . O destino final de Madelyne é desconhecido[6] .

Avengers vs. X-Men[editar | editar código-fonte]

Recentemente (2012), no arco de histórias Vingadores versus X-Men, Madelyne ressurge nos planos de seu criador, Senhor Sinistro [7] . Planejando criar sua própria espécie e consequentemente derrotar os X-Men, é possível ver diversos clones de Madelyne Pryor no palácio Sinistro.

Poderes e Habilidades[editar | editar código-fonte]

  • Telecinese : Capacidade De Manipular e Controlar Objetos com a força da mente, com o Auxílio De algum Movimento para que sua telecinese funcione, Podendo Mover, Levitar, Quebrar, e Derivados, Sendo Qualquer Objeto Ou Até Mesmo Humano.


  • Telepatia : Capacidade De Ler a Mente Dos Outros e Mentalmente Falar Com Eles. A Telepatia Inclui Uma Quantidade Infinita De Habilidades Telepáticas e Telecinéticas.


  • Atributos Mentais : Capacidade De Possuir Todos Poderes e Habilidades Mentais, Como Telecinese, Telepatia, Realização De Desejos, Imaginação e Pensamentos Realistas, Aprendizagem, Tranferência Genética, Absorção De Poderes, Pisicocinese, Mimetismo De Poderes, Manifestação Psíquica, Manocinese, Adaptação De Poderes, Manipulação Psíquica, Transmutação, Clarividência, Clarisciência, Percepção, Retrocognição, Premonição, Imunidade Psíquica, Inundação Psíquica, Realidade Mental, Manipulação Da Realidade.


  • Magia : Capacidade De Usar Forças Sobrenaturais Para Graus Variantes, Geralmente Para Simular Outros Poderes, Como Controle Mental, Ataques Elementais, e Etc.


OBS : O Poder Atributos Mentais Também Tem Uma Quantidade Infinita De Poderes e Habilidades.

Referências

  1. Uncanny X-Men #137
  2. Uncanny X-Men #175
  3. Uncanny X-Men #168
  4. Uncanny X-Men #243
  5. Uncanny X-Men #503
  6. Uncanny X-Men #511
  7. Uncanny X-Men Vol. 2 #14