Magnífica 70

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo ou seção se refere ou tem relação com uma série televisiva em exibição.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis. (Editado pela última vez em 2 de novembro de 2017.)
TV Future Icon.svg
Magnífica 70
Informação geral
Formato Série
Gênero Drama
Duração 50-60 minutos
Estado Em exibição
Criador(es) Cláudio Torres
Renato Fagundes
Leandro Assis
Luiz Noronha
baseado em um roteiro de Toni Marques
País de origem  Brasil
Produção
Diretor(es) Cláudio Torres
Diretor(es) de criação Carolina Jabor
Produtor(es) Luis F. Peraza
Roberto Rios
Maria Angela de Jesus
Câmera Multicâmera
Distribuída por HBO Latin America Group
Roteirista(s) Cláudio Torres
Renato Fagundes
Leandro Assis
Elenco Marcos Winter
Simone Spoladore
Adriano Garib
Maria Luísa Mendonça
Stepan Nercessian
Juliana Galdino
Pierre Baitelli
André Frateschi
Julia Ianina
Rodrigo Fregnan
Leandro Firmino
Paulo César Pereio
Joana Fomm
Tema de abertura "Sangue Latino", Secos & Molhados
Tema de encerramento Mesmo da abertura
Compositor da música tema João Ricardo; Paulinho Mendonça
Empresa(s) de produção Conspiração Filmes
HBO Latin America Originals
Localização Rio de Janeiro, RJ
Exibição
Emissora de televisão original Brasil HBO Brasil
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Formato de áudio Dolby Digital
Transmissão original 24 de maio de 201504 de dezembro de 2016
N.º de temporadas 2
N.º de episódios 23

Magnífica 70 é uma série de televisão brasileira criada por Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis e dirigida por Torres e Carolina Jabor, baseado em um roteiro escrito por Toni Marques.[1] Retrata o universo dos filmes da Boca do Lixo, além das suas relações com os órgãos de censura da ditadura militar na década de 1970 no Brasil, e é exibida pela HBO Brasil desde 24 de maio de 2015.[2][3]

A série foi renovada para uma segunda temporada em 14 de agosto de 2015,[4] e a estreia ocorreu em 2 de outubro de 2016, com a exibição de dez episódios.[5]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

1973. Vicente é um censor do Departamento de Censura Federal do Estado de São Paulo. Ele vive um casamento monótono com Isabel, filha do General Souto. Durante a avaliação de uma pornochanchada, ele acaba vetando o filme, mas no entanto, acaba se encantando pela atriz Dora Dumar, estrela do filme. Fascinado pela garota, que lembra uma falecida cunhada sua, Ângela, ele mergulha no universo da Boca do Lixo, onde começa a trabalhar com Dora e Manolo, com quem passa a formar um triângulo amoroso. A atmosfera da época, com a repressão imposta pela Ditadura Militar no poder relacionada com os filmes do gênero, desmerecidos pela alta sociedade devido ao conteúdo, é o principal mote da trama.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Produção[editar | editar código-fonte]

A série foi gravada no Rio de Janeiro durante quinze semanas, numa área de multilocação onde foi construída uma cidade cenográfica retratando os principais cenários da trama, como o Bar Imperador, a Magnífica Produções, a casa da família de Vicente e o Departamento de Censura Federal, entre outros ambientes. Foi uma coprodução da HBO Latin America Group com a Conspiração Filmes. Os recursos utilizados para o investimento da série foram da própria HBO, sem a necessidade da captação de recursos públicos pela ANCINE, por meio da Lei de Incentivo à Cultura.[6]

A vinheta de abertura da série mescla cenas e elementos da mesma ao som de "Sangue Latino", do grupo musical Secos & Molhados. Pode-se notar um erro nela, quando são mostrados maços de notas de cem mil cruzeiros, que só seriam lançadas em 1985, enquanto a série se passa doze anos antes.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principal[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem Temporadas
Marcos Winter Vicente Regular
Simone Spoladore Vera (Dora Dumar) Regular
Adriano Garib Manolo Mattos Regular
Maria Luísa Mendonça Isabel Regular
Stepan Nercessian George Larsen Regular Participação em flashback
Juliana Galdino Dra. Sueli Regular
Pierre Baitelli Dario Recorrente Regular
Julia Ianina Helena Garret Recorrente
Rodrigo Fregnan Orestes Recorrente Regular
André Frateschi Flint Westwood Recorrente Participação em flashback
Leandro Firmino Carioca Regular
Paulo César Pereio General Souto Regular Participação em flashback
Joana Fomm Lúcia Recorrente Participação em flashback
Carlo Mossy Lúcifer Santos Recorrente
Fábio Marcoff Rosalvo Recorrente
Charles Fricks Wolf Recorrente
Hamilton Vaz Pereira Inácio Recorrente
Felipe Abib Santos Regular
Taumaturgo Ferreira Bruno Boaventura Regular
Mariana Lima Marina Boaventura Regular
Beto Quirino Juarez do Bar Imperador Regular Regular

Secundário[editar | editar código-fonte]

Ator/Atriz Personagem Temporadas
Bella Camero Ângela Recorrente
Clarice Niskier Marília Castellini Recorrente
Shalon Hsu Chang Zhou Recorrente
Tainã Santos Anjo (foquista) Recorrente
Marco Rocha Caniço (Operador Maquinário) Participação
Ivone Hoffman Mãe de Santo Recorrente
Juan Palomino "El Tio" Recorrente
Natália Rosa Mestiça Recorrente
Carolina Virgüez Cafetina Recorrente
Lena Brito Bruxa Participação
Rogério Fróes Seu Lourenço Participação
Roney Villela Walter Recorrente
Gustavo Gasparani Carlos Recorrente Participação em flashback
Gilray Coutinho Jorginho Macedo Recorrente
Xando Graça Aurélio Recorrente
Ricardo Souzedo Tenente Brás Participação
Léo Netto Major Alfredo Participação Recorrente
Milhem Cortaz Agente Chagas Participação
Eduardo Galvão Flávio Gonçalves Participação
Felipe Vidal Figueira Recorrente
Tammy Di Calafiori Melissa Recorrente
Alessandra Colasanti Brigite Recorrente
Bruce Gomlevsky Cesar Bragalia Recorrente
Ricardo Blat Padre Ribeiro Recorrente
Mário Gomes Homem Perigoso Participação
Anderson Almos Filho do Ministro Participação

Episódios[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.
Título Dirigido por Escrito por Data de exibição original Audiência
1 "Na Boca do Lixo" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 24 de maio de 2015 TBA
Ao avaliar uma pornochanchada, o censor Vicente veta o filme, mas fica maravilhado com a atriz Dora Dumar, que lembra sua falecida cunhada. Ele ajuda Manolo a criar um novo roteiro. Dario acaba de sair da penitenciária e já planeja um roubo à produtora. 
2 "O Roteiro" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 31 de maio de 2015 TBA
Vicente é convencido por Manolo a escrever o roteiro de um novo filme, pois só ele sabia como driblar a censura. Após ouvir o conselho de Dora, Vicente escreve o roteiro baseado na história da sua vida, e são reveladas as trocas de interesses entre seu casamento com Isabel e o porquê da morte da sua cunhada, Ângela. Dario acaba fracassando na tentativa de roubar os lucros do filme anterior. 
3 "A Produção" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 7 de junho de 2015 TBA
Walter deixa a cadeia e passa a ficar no mesmo apartamento de Dario, e os dois planejam roubar os lucros do próximo filme. Isabel começa a desconfiar de Vicente, e acaba descobrindo sobre Dora ao segui-lo. Larsen diz a Manolo que o próximo filme será produzido com um orçamento 20% menor que o anterior, e para isso, Vicente tem que cortar algumas cenas do roteiro. Flint acaba divergindo da decisão de Larsen, e após brigar com Manolo, este decide que Vicente será o novo diretor do filme. 
4 "O Elenco" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 14 de junho de 2015 TBA
Começam os preparativos do novo filme da Magnífica, "Minha Cunhada é de Morte". Helena, uma ex-comparsa de Vera nos crimes de vigarice, se candidata ao papel de uma das atrizes, e após ameaçar contar a verdade sobre o seu passado, acaba o ganhando. Manolo pede que Vicente ajude a liberar um filme produzido por Inácio na Censura Federal, e em troca, ele custearia os negativos e a revelação do filme. Isabel acaba descobrindo sobre o roteiro que Vicente escreveu para o filme de Manolo no meio de suas coisas. 
5 "O Primeiro Dia" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 21 de junho de 2015 TBA
Walter e Dario começam a reunir mais bandidos para o assalto à produtora. O apartamento de Rosalvo no Rio de Janeiro pega fogo, e a produção do filme acaba sendo que ser feita em São Paulo. Vicente acaba cedendo sua casa para as gravações, aproveitando o fato de Isabel ter se retirado para um spa. A Censura Federal ibera o filme de Inácio, e este cede os negativos para que o filme de Manolo continue a ser produzido. Em meio as dificuldades como iniciante, Vicente acaba se demitindo da direção do filme, mas Vera o aconselha a voltar, afirmando que ele e o filme agora são a mesma coisa. 
6 "O Último Dia" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 28 de junho de 2015 TBA
A produção do filme chega em sua última semana. Larsen e Vicente começam a se desentender sobre a forma como o filme está sendo dirigido, e Larsen pede a Manolo que Vicente seja despedido, porém, ele lhe diz que não pode fazer isso. No spa, Isabel se apaixona por Carlos. Dario, se passando por repórter, começa a se envolver com Helena, que suspeita do envolvimento entre Vicente e Vera. O laboratório de revelação queima duas cenas do filme, e Larsen exige que Manolo vá ao Rio de Janeiro resolver o problema, deixando Vera e Vicente à sós. 
7 "O Fim do Filme" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 5 de julho de 2015 TBA
Larsen contrata Aurélio, um detetive particular que irá investigar a vida de Vicente. Vera revela a Vicente os motivos pelo qual estava fazendo o filme, e também os planos de roubo a produtora. A produtora tem que regravar uma das cenas perdidas durante a revelação e desocupar rapidamente a casa de Vicente, enquanto Isabel está prestes a retornar do spa. Manolo retorna do Rio de Janeiro, e durante a montagem das cenas do filme descobre que pode ter havido algo entre Vicente e Vera enquanto esteve fora. Vicente retorna a sua vida normal como censor, e passa a conviver com a desconfiança de Orestes. Helena conta a Dario que Vera pode estar lhe passando pra trás, mas este não acredita e acaba matando-a. 
8 "A Montagem" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 12 de julho de 2015 TBA
Vicente finaliza sua tese sobre o cinema nacional, como forma de promover o General Souto ao SNI. A morte de Helena começa a ser investigada, e Dario diz a Vera que se Vicente tentar impedir o roubo, ele irá morrer. Vicente diz a Manolo que se a montagem do filme não sair do jeito dele, ele irá barrar o filme na censura. Vera diz a Vicente que irá fugir da cidade, e Isabel descobre ainda mais sobre a vida secreta de Vicente como diretor de cinema. Após receber os relatórios de Aurélio, Larsen revela a Manolo que Vicente está tendo um caso com Vera, além dele ser um censor federal. Vicente e Manolo chegam a um impasse quanto a liberação do filme, e dessa vez, Manolo diz que se Vicente não liberar o filme, ele revelará a todos quem ele é. 
9 "Música!" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 19 de julho de 2015 TBA
Vicente e Souto viajam para Brasília, onde apresentarão sua tese aos militares. Após se desiludir com Vicente, Vera toma a liderança do plano de roubo a produtora. Lúcia revela a Isabel que Ângela não era sua irmã. Larsen diz a Manolo que após o lançamento do filme, irá fechar a produtora. Vicente sugere a Jorginho que coloque música nas cenas finais, para dar mais ênfase ao filme. Os militares aplaudem a tese de Vicente, enquanto Inácio, criador do filme usado na tese, é encontrado morto após se suicidar. Após retornar, Vicente e os demais envolvidos no filme assistem ao trabalho finalizado em um cinema, mas ele sente falta de algo que dê sentido a história. Vendo o vídeo entregue por Lúcia, Isabel descobre que Ângela sofria abusos e torturas do General Souto quando jovem, e essa era a causa do ódio por sua família. 
10 "A Censura" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 26 de julho de 2015 TBA
Manolo diz a Vera que Larsen irá fechar a produtora após o lançamento do filme. Vicente assume a Isabel que se casou com ela por sentir-se culpado pela morte de Ângela, e diz a Vera que irá vetar o filme. Larsen ordena que Aurélio e seus capangas começam a vigiar Walter e Dario após descobrir que eles são os assassinos de Helena. Isabel confronta Souto, e ameaça denunciá-lo ao Exército pelos abusos a Ângela. Vera revela a Manolo todo o plano de roubo à produtora, sua verdadeira identidade, e também que Vicente irá vetar o filme. Souto invade a casa de Isabel, e tortura sua filha para descobrir onde ela escondeu o filme que o incrimina. Dario foge com Manolo e Vera enquanto Aurélio invade o apartamento e mata Walter. Isabel tenta fugir do seu pai, mas acaba despencando do segundo andar, indo parar no Hospital do Exército. Vicente veta o filme, enquanto Manolo e Vera dizem que ele terá de gravar a cena que dê sentido ao filme, aconselhando o veto. O General Souto telefona para Vicente e revela que Isabel está grávida. 
11 "O Lançamento" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 2 de agosto de 2015 TBA
Ocorre a avant-première do filme "Minha Cunhada é de Morte". Todos se reúnem em um cinema para a apresentação do filme, e vão ocorrendo flashbacks de três semanas antes, onde Vicente vai ao hospital após a ligação que recebe, e Isabel revela a ele que Ângela sofria abusos do General Souto. Após o filme ser barrado, Manolo inventa uma desculpa para Larsen liberar dinheiro para finalizar a produção. Vicente escreve a cena final do filme, e Larsen diz a Manolo que não vai liberar dinheiro para gravar a cena final. O General Souto diz a Vicente que irá infiltrar um agente na Boca do Lixo, e Vicente se oferece para ser esse agente, se passando por um grande investidor. Com o dinheiro que recebe de Souto, Vicente injeta recursos para a cena final do filme, e posteriormente o libera na Censura Federal. Retornando a avant-première, onde todos comemoram o sucesso do filme, Vicente diz a Isabel que após denunciar Souto, eles irão fugir. Vera revela os planos de Manolo para tomar a produtora de Larsen, e finge se aliar a ele para acabar com os planos do produtor. 
12 "Divisão de Lucros" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 9 de agosto de 2015 TBA
O filme torna-se um sucesso de bilheteria, gerando enorme lucro para a produtora. O General Souto ordena que continuem vigiando Isabel, e ela se une a Lúcia para acabar com ele. Larsen diz aos acionistas da produtora que Manolo estava lhes roubando, mas ele conta a verdade e força Larsen a passar a produtora para o seu nome. Larsen pega uma arma em sua maleta e atira em Manolo, e após uma briga com os outros, Vera mata Larsen. O General Souto desconfia que haja um comunista infiltrado na Censura Federal, porém Vicente não acredita. Sem saber o que fazer com o corpo de Larsen, os outros chamam Vicente para que ele crie uma história para encobrir o assassinato, e ele sugere que o mesmo tenha ocorrido após um ataque da "Vanguarda Armada Popular". Flint desconfia da movimentação estranha na produtora, e também acaba se envolvendo na história do assassinato, como o "carrasco" de Larsen. Vicente e Isabel encenam uma briga de casal para enganar os soldados que os vigiam, e ele telefona para o General Souto para informar sobre um ataque comunista na Boca do Lixo. 
13 "Os Magníficos" Cláudio Torres e Carolina Jabor Cláudio Torres, Renato Fagundes e Leandro Assis 16 de agosto de 2015 TBA
Após ter fugido, Dario viaja para o Paraguai, onde descobre sobre o passado de Manolo, e se alia com El Tio, seu desafeto. Em São Paulo, Orestes revela a Sueli o envolvimento de Vicente com a Boca do Lixo, e ela conta ao General Souto, mas ele não acredita. Souto assiste ao filme "Minha Cunhada é de Morte" em um cinema, e descobre que a história é igual aos fatos da sua vida, e manda confiscar as cópias do filme. Vicente é raptado e torturado por Souto, e ele o força a entregar seus colegas de trabalho na produtora, se não, irá morrer como um "comunista". Vicente manda grampear o seu telefone e alerta Dora e Manolo que está sendo vigiado. O grupo vai a uma fazenda da família, onde gravam um filme igual ao que Ângela fez quando foi abusada por Souto. Em sua festa de aniversário, o General é confrontado por sua família enquanto os produtores filmam toda a situação, porém, ele sofre um ataque cardíaco e morre. Os produtores se reúnem para a divisão de lucros do filme, e abandonam a produtora após o que ocorreu, deixando Manolo e Vicente sem ter como continuar o negócio. Manolo é surpreendido por Dario, acompanhado por El Tio e seus capangas, e pela Mestiça com a qual teve um filho. Dora é convidada por Flávio, produtor de novelas, para um papel. Vicente entrega sua carta de demissão ao Departamento de Censura Federal, e Orestes e Sueli propõem que ele faça um filme ufanista para o governo, e em troca, eles não o denunciarão. Ele aceita a proposta. 
Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Referências

  1. Amendola, Beatriz (24 de maio de 2015). «Na HBO, Magnífica 70 homenageia cinema e mostra romance de censor com atriz». BOL. Consultado em 25 de maio de 2015 
  2. Martini, Priscila de (22 de maio de 2015). «HBO estreia domingo "Magnífica 70", sua nova série brasileira». Zero Hora. Consultado em 25 de maio de 2015 
  3. Furquim, Fernanda (3 de março de 2015). «HBO Brasil define a data de estreia de 'Magnífica 70′». Veja. Consultado em 25 de maio de 2015 
  4. Furquim, Fernanda (14 de agosto de 2015). «'Magnífica 70′ já está renovada para sua segunda temporada». Veja. Consultado em 16 de agosto de 2015 
  5. «Segunda temporada de 'Magnífica 70' estreia em outubro». O Globo. 29 de junho de 2016. Consultado em 23 de setembro de 2016  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda)
  6. Vaquer, Gabriel (4 de março de 2015). «HBO define estreia de sua nova série nacional, "Magnífica 70"; confira». NaTelinha - UOL. Consultado em 25 de maio de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre séries de televisão é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.