Manuel Pinto da Costa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Manuel Pinto da Costa
6º Presidente de São Tomé e Príncipe São Tomé e Príncipe
Período 3 de setembro de 2011
a actualidade
Antecessor(a) Fradique de Menezes
Presidente de São Tomé e Príncipe São Tomé e Príncipe
Período 12 de julho de 1975
a 4 de março de 1991
Antecessor(a) Criação do título
Sucessor(a) Leonel Mário d'Alva (Presidente interino)
Miguel Trovoada (Presidente eleito)
Vida
Nascimento 5 de agosto de 1937 (79 anos)
Água Grande, Flag of Sao Tome and Principe.svg São Tomé e Príncipe
Dados pessoais
Partido Independente (desde 2011)
Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe (1975-2011)
Profissão Economista
Assinatura Assinatura de Manuel Pinto da Costa

Manuel Pinto da Costa GColIH (Água Grande, 5 de agosto de 1937) é um economista e político são tomense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Manteve a posição de presidente de São Tomé e Príncipe entre 1975 e 1991, onde governou o país com mão de ferro e jogou um papel importante na luta pela independência de Portugal.

Educado na Humboldt-Universität de Berlim na República Democrática da Alemanha, a antiga Alemanha Oriental, fala português e alemão fluentemente.

Participou também do Movimento pela Libertação de São Tomé e Príncipe MLSTP, que conquistou a independência perante Portugal. Durante seu governo (1975-1991), que foi o primeiro após a independência do país, foi instituído um sistema socialista unipartidário.

A 31 de Janeiro de 1986 foi agraciado com o Grande-Colar da Ordem do Infante D. Henrique de Portugal.[1]

Em 1996 se candidatou novamente ao cargo de presidente, perdendo nas urnas para seu companheiro na universidade no curso de Direito Miguel Trovoada, por uma pequena margem de votos. Em 2001 é derrotado novamente, dessa vez para Fradique de Menezes, no primeiro turno das eleições.

Um Decreto Presidencial de Manuel Pinto da Costa.

Vinte anos depois de ter deixado o poder Manuel Pinto da Costa foi eleito Presidente da República na segunda volta das presidenciais em 7 de agosto de 2011.[2]

É o actual presidente de São Tomé e Príncipe, depois das eleições presidenciais de 2011.

Referências

  1. «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Manuel Pinto da Costa". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 11 de abril de 2016 
  2. Diário de Noticias: http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1948041&seccao=CPLP Pinto da Costa ganha eleições em São Tomé recuperado 8 de agosto 2011
Precedido por
Novo título
Presidente de São Tomé e Príncipe
1975 - 1991
Sucedido por
Miguel Trovoada
Precedido por
Fradique de Menezes
Presidente de São Tomé e Príncipe
2011 - presente
Sucedido por
Incumbente
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]