Manuel Quezón

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Manuel Quezón
2.º Presidente das Filipinas
Período 15 de novembro de 1935 até
a 1 de agosto de 1944
Sucessor Sergio Osmeña
Dados pessoais
Nascimento 19 de agosto de 1878
Baler (Luzón, Filipinas
Morte 1 de agosto de 1944 (65 anos)
Nova Iorque, Estados Unidos
Primeira-dama Aurora Aragon
Partido Partido Nacionalista

Manuel Luis Quezón y Molina (Baler, 19 de agosto de 1878Nova Iorque, 1 de agosto de 1944) foi o presidente das Filipinas entre 1935 e 1944.

Manuel Quezón foi um combatente do movimento revolucionário chefiado por Emilio Aguinaldo. Entre 1909 e 1916 viveu em Washington e de 1916 a 1935 foi presidente do Senado.

Foi eleito primeiro presidente da Comunidade das Filipinas em 1935 em virtude de ser o principal dirigente do Partido Nacionalista Filipino.

Durante a invasão japonesa, mudou-se para os Estados Unidos da América, assumindo aí, em 1942 a presidência no exílio da União Filipina.

Quezon acabou por falecer vítima de tuberculose em 1944, sem ver as Filipinas libertadas do jugo japonês.

Em sua homenagem deu-se o seu nome a Quezon City, uma das maiores cidades do arquipélago.

Referências

Precedido por
Emilio Aguinaldo
como presidente da República das Filipinas
Presidente das Filipinas
1935 - 1944
Sucedido por
Sergio Osmeña
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.