Marçal de Azevedo Pacheco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marçal de Azevedo Pacheco
Outros nomes Marçal Pacheco
Nascimento 8 de novembro de 1847
Loulé
Morte 1896 (49 anos)
Nacionalidade Portuguesa
Ocupação Político
Cargo Deputado, Autarca, conselheiro, par do reino

Marçal de Azevedo Pacheco, igualmente conhecido como Marçal Pacheco (Loulé, 8 de Novembro de 1847 - 1896), foi um político português.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Vida pessoal e formação[editar | editar código-fonte]

Nasceu em Loulé, tendo-se formado em direito em 1872.[1]

Carreira política[editar | editar código-fonte]

Foi eleito, em 1874, presidente da Câmara Municipal de Loulé, tendo, dois anos depois, assumido as funções de deputado, no Partido Regenerador, pelo círculo eleitoral de Macedo de Cavaleiros.[1]

Em 1883, exercia as funções de conselheiro e par do reino, o que lhe conferia uma elevada importância política; já nesta altura, assistia às discussões levadas a cabo no Parlamento sobre o traçado da ligação ferroviária ao Algarve.[1] Em 1885, já se previa que a Estação Ferroviária de Loulé iria ficar longe da localidade, pelo que Marçal Pacheco inicia a sua luta por uma alteração no traçado da linha, de modo a que este passe mais próximo de Loulé; em 1890, consegue convencer o estado a elaborar um estudo para este projecto.[1]

Falecimento[editar | editar código-fonte]

Faleceu em 1896, após ter sofrido de uma doença grave.[1]

Referências

  1. a b c d e Freitas, p. 300, 303

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • FREITAS, Pedro de (1991). Quadros de Loulé Antigo. Loulé: Câmara Municipal de Loulé. 523 páginas. ISBN 972-9064-03-2 


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.