Marília Garcia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Marília Garcia
Nascimento 1979 (42 anos)
Rio de Janeiro,  Brasil
Prémios Prêmio Oceanos de literatura (2018)
Género literário poesia
Movimento literário Pós-modernismo
Magnum opus Um Teste de Resistores

Marília Garcia (Rio de Janeiro, 1979) é uma escritora, tradutora e editora brasileira[1].

Publicou os livros 20 poemas para o seu walkman (São Paulo: Cosac Naify, 2007/ Bahía Blanca, Argentina: Vox Editorial, 2013),[2][3] Engano geográfico[4] (Rio de Janeiro: 7letras, 2012 / Error geográfico: Barcelona, 2015), Um teste de resistores (Rio de Janeiro: 7letras, 2014 / Lisboa: Mariposa Azual, 2015), Paris não tem centro (Megamíni, 2015) e Câmera lenta (São Paulo: Companhia das letras, 2017). Participou de encontros e festivais de poesia como o "Corpo a corpo com a poesia", na Casa das Rosas, em São Paulo, o Festival Latinoamericano de Poesía Salida al Mar, em Buenos Aires[5] e o Festival Europalia, na Bélgica, em 2011.

É co-editora, com os poetas Angélica Freitas, Fabiano Calixto e Ricardo Domeneck, da revista de poesia Modo de Usar & Co[6] e, em 2015, fundou a LunaPARQUE Edições com o poeta Leonardo Gandolfi. Formou-se em Letras e, em 2010, doutorou-se em Literatura Comparada.

Atualmente mora em São Paulo e trabalha com tradução.

Ganhou o Prêmio Oceanos de literatura de 2018[7].

Obras[editar | editar código-fonte]

  • 20 poemas para o seu walkman (2007);
  • Engano geográfico (2012);
  • Um teste de resistores (2014);
  • Paris não tem centro (2016);
  • Câmera Lenta (2017);
  • Parque das ruínas (2018).

Referências

  1. «Marília Garcia». Cosac Naify. Consultado em 4 de outubro de 2010. Arquivado do original em 6 de março de 2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. Marília Garcia (2007). 20 poemas para o seu walkman. [S.l.]: Cosac Naify. ISBN 9788575031384  Verifique data em: |ano= (ajuda)
  3. http://www.ramona.org.ar/node/48997
  4. http://www.7letras.com.br/engano-geografico.html
  5. «Arranca el Festival Latinoamericano de Poesía de Buenos Aires y Rosario». Ñ Revista de Cultura. Consultado em 4 de outubro de 2010. Arquivado do original em 1 de novembro de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. «Poeta Argentino no Instituto Simões Lopes». Coordenadoria de Comunicação Social - Universidade Federal de Pelotas. 16 de julho de 2010. Consultado em 4 de outubro de 2010  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  7. Marília Garcia vence prémio literário Oceanos. Diário de Notícias, 7 de dezembro de 2018

Ligações externas[editar | editar código-fonte]