Marc Albrighton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marc Albrighton
Marc Albrighton cropped.jpg
Informações pessoais
Nome completo Marc Kevin Albrighton
Data de nasc. 18 de novembro de 1989 (27 anos)
Local de nasc. Tamworth,  Reino Unido
Altura 1,75 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Inglaterra Leicester City
Número 11
Posição meia, ala
Clubes de juventude

19982009
Inglaterra Mile Oak Rovers
Inglaterra Aston Villa
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
20092014
2013
2014
Inglaterra Aston Villa
Inglaterra Wigan (emp.)
Inglaterra Leicester City
0086 0000(7)
0004 0000(0)
00064 0000(4)
Seleção nacional3
2009
20102011
Flag of England.svg Inglaterra Sub-20
Flag of England.svg Inglaterra Sub-21
0002 0000(0)
0008 0000(1)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 4 de maio de 2016.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 19 de junho de 2011.

Marc Kevin Albrighton (18 de novembro de 1989) é um futebolista inglês. Atualmente joga pelo Leicester City, da Premier League, na função de meio-campista e ala. Foi campeão da Copa da Paz de 2009.

Juntou-se ao Aston Villa quando tinha oito anos de idade, estreando profissionalmente em 2009, participou de 101 jogos pelos Villains e marcou 9 gols nesse tempo. Foi emprestado ao Wigan em 2013. Quando terminou o seu vínculo com os clubes, assinou com as Raposas em 2014, na qual foi campeão da Premier League na temporada 2015/16, atuando em todos os jogos.

Já teve participação por sua seleção, nos times sub-20[1] e no sub-21 em Setembro de 2010 durante as qualificações para a próxima Euro, marcando seu gol quinze minutos após entrar em campo.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Aston Villa[editar | editar código-fonte]

Seu início[editar | editar código-fonte]

Nascido em Tamworth, Staffordshire. Começou sua carreira no clube da cidade, o Mile Oak Monarchs[3] antes de ser oferecido em proposta para os rivais locais do Villa, o West Bromwich Albions. Foi rejeitado pelos Albions, assinando então com o Villa aos oito anos de idade.

Após impressionar na equipe sub-18, jogando com os reservas, sua 1ª experiência profissional foi em 10 de julho de 2008, saiu do banco de reserva e jogou 17 minutos no amistoso de pré-temporada contra o Wil, vencendo por 6-0. Sua estreia em jogos oficiais foi no jogo fora de casa em 26 de fevereiro de 2009 contra o CSKA pela UEFA Cup em derrota por 2-0 (3-1 no agregado)[4]

No decorrer da temporada 2009/10, Albrighton foi incluído na equipe que participou em um torneio de pré-temporada, chamado Copa da Paz 2009, na qual marcou seu 1º gol pela equipe no triunfo de 3-1 sobre o Atlante[5]. Jogou a final contra a Juventus, na qual os Villains venceram os italianos por 4-3 na disputa de pênaltis.[6]

Primeiro time[editar | editar código-fonte]

Albrighton jogou pela 1ª vez a Premier League em 15 de agosto de 2009 contra o Wigan no Villa Park, entrando em campo no 68º minuto na derrota por 2-0. Em 24 de setembro, estendeu seu contrato por mais 3 anos[7]. Em Dezembro, o técnico Martin O'Neill admitiu que Marc, Nathan Delfouneso, Ciaran Clark estavam sendo visados para empréstimo, todavia reiterou que acreditava que o crescimento dos jovens seria igualmente benéfico ao permanecerem no Aston Villa[8].

Após uma boa pré-temporada, estreou como titular na temporada 2010/11 contra o West Ham em 14 de agosto de 2010, assistindo duas vezes para a vitória de 3-0. Marcou seu 1º gol contra o Tottenham em 2 de outubro. Foi suspenso em 27 de outubro na partida contra o Burnley pela Copa da Liga, perdendo a chance de enfrentar seu rival local, o Birmingham City. Em 5 de novembro, assinou um novo contrato o mantendo até 2014 no clube. Em 23 de novembro teve que desfalcar a equipe por 3 a 4 semanas devido a uma cirurgia de remoção do apêndice. Retornou para disputar a partida contra o Liverpool em Anfield e foi substituído por Robert Pirès após 65 minutos em campo na derrota por 3-0[9]. Albrighton participou das jogados de ambos os gols que definiram em casa a vitória por 2-1 contra o West Bromwich em dezembro de 2010.

Em dezembro de 2011, marcou o 20000º gol da Premier League em casa contra o Arsenal, ganhando um cheque de 20 mil libras da Barclays, a patrocinadora da liga. Doou para a instituição de caridade de sua escolha, a Acorns Children's Hospice[10]. Marcou o 1º gol da partida na vitória por 3-1 contra o Bristol Rovers no estádio Memorial Ground pela FA Cup[11].

Passou por uma operação na garganta em outubro de 2013 que restringiu sua participação na Copa da Liga. Foi emprestado ao Wigan por 28 dias em 30 de outubro[12]. Jogou 4 vezes até ser chamado de volta em 27 de novembro[13] e em 20 de maio de 2014, ele e Delfouneso foram liberados pelo clube.[14]

Leicester City[editar | editar código-fonte]

Temporada 2014/15[editar | editar código-fonte]

Em 23 de maio de 2014, assinou contrato de 4 anos com o clube, acompanhando o retorno deles à Premier League[15]. Estreou pelos Foxes em 23 de agosto, substituindo Riyad Mahrez nos últimos 22 minutos da partida na derrota por 2-0 ao Chelsea. No dia 29 de abril, no returno contra o mesmo Chelsea, marcou o primeiro gol antes do intervalo da partida, só que houve a virada e findou em 3-1[16]. Totalizou 18 aparições na liga em sua 1ª temporada pelo novo clube, marcando seu 2º gol no último jogo da rodada num 5-1 contra o Queens Park Rangers em 24 de maio[17]. Uma das razões para o sucesso do Leicester no final da temporada, foi a mudança de posicionamento do jogador, mais recuado e próximo ao meio de campo e não como ala. Teve papel crucial na retomada do time para escapar do rebaixamento, vencendo 7 das 9 partidas restantes e finalizando em 14º lugar com 41 pontos.

Temporada 2015/16[editar | editar código-fonte]

Jogou mais vezes como titular com a chegada de Claudio Ranieri. Marcou seu 1º gol contra o Sunderland na vitória por 4-2, o qual acabaria se tornando uma temporada inesquecível. Teve Riyad Mahrez como parceiro de meio-campo, além de Danny Drinkwater e N'Golo Kanté como volantes próximos a ele[18]. Foi lembrado pelo seu ''trabalho diligente defensivamente e quando avançava ao ataque, era capaz de fazer bons lançamentos aos companheiros e abrir espaços''[19]. Ranieri reivindicou que ''Albrighton personifica o espírito do Leicester'' e seu ''inequivocável senso de sacrifício''. Marcou seu 2º tento pela equipe na vitória por 4-0 contra o Swansea em 24 de abril.[20]

Deu seis assistências nessa temporada da Premier League contra West Ham, Chelsea, West Brom, Sunderland (2) e Swansea City[21].

Temporada 2016/17[editar | editar código-fonte]

Marcou o 1º gol do Leicester na Champions League em sua história, contra o Club Brugge na Bélgica, na vitória por 3-0[22].

Títulos[editar | editar código-fonte]

Leicester City

Referências

  1. http://www.tribalfootball.com/articles/villa-winger-albrighton-stars-england-victory-over-italy-236169. . "O meio campista do Aston Villa estreia pela Inglaterra na vitória sobre a Itália".
  2. (2010-09-07) "England U21 3-0 Lithuania U21". BBC.
  3. «From Mile Oak to Moscow for Aston Villa star Marc». 2009-02-27. Consultado em 2016-07-13. 
  4. (2010-09-08) "Albrighton grateful to MacDonald". BBC.
  5. «Aston Villa See Off Atlante To Progress In Peace Cup - Goal.com» (em inglês). 2009-07-29. Consultado em 2016-07-13. 
  6. «Aston Villa win Peace Cup after beating Juventus». the Guardian. 2009-08-03. Consultado em 2016-07-13. 
  7. http://www1.skysports.com/football/news/11677/5580686. . "Marc Albrighton assina um novo contrato com o Villa".
  8. «Gaffer excited by tremendous young trio». www.avfc.co.uk. Consultado em 2016-07-13. 
  9. «Match report: Liverpool 3-0 Villa». www.avfc.co.uk. Consultado em 2016-07-13. 
  10. «Albrighton: To get 20,000th Premier League goal is special» (em inglês). 2011-12-21. Consultado em 2016-07-13. 
  11. «Bristol Rovers 1-3 Aston Villa». BBC Sport. Consultado em 2016-07-13. 
  12. «Marc Albrighton: Aston Villa winger joins Wigan Athletic on loan». BBC Sport. Consultado em 2016-07-13. 
  13. http://www1.skysports.com/football/news/11677/9044867/. . "Aston Villa retoma Marc Albrighton do empréstimo ao Wigan Athletic".
  14. «Albrighton and Delfouneso released». www.avfc.co.uk. Consultado em 2016-07-13. 
  15. «City Seal Deal For Albrighton». www.lcfc.com. Consultado em 2016-07-13. 
  16. «Leicester City 1-3 Chelsea». BBC Sport. Consultado em 2016-07-13. 
  17. «Leicester 5 QPR 1 : Five-star City end season in style - match report». 2015-05-24. Consultado em 2016-07-13. 
  18. «Why Riyad Mahrez, and not Jamie Vardy, has been the player of the season so far». the Guardian. 2015-12-08. Consultado em 2016-07-13. 
  19. «From Schmeichel to Vardy: Leicester's title winners rated». the Guardian. 2016-05-03. Consultado em 2016-07-13. 
  20. «Leicester City 4-0 Swansea City». Consultado em 2016-07-13. 
  21. «Marc Albrighton Player Profile - ESPN FC». www.espnfc.us. Consultado em 2016-07-13. 
  22. «Albrighton Proud Of Historic Goal». Consultado em 2016-09-18. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de InglaterraSoccer icon Este artigo sobre futebolistas ingleses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.