Marco Delgado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marco Delgado
Nome completo Marco Bruno Tavares Delgado
Nascimento 18 de outubro de 1972 (44 anos)
Lisboa,  Portugal
Nacionalidade Português
Ocupação Ator
IMDb: (inglês)

Marco Bruno Tavares Delgado mais conhecido por Marco Delgado (18 de Outubro de 1972) é um actor português.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Marco Delgado tem o curso de Formação de Actores do Instituto de Formação, Investigação e Criação Teatral e curso de Formação de Actores de Teatro do Instituto Franco-Português. Desde 1992 participou no elenco de Os Possessos de Dostoiévski (enc.: Aldona Skiba-Lickel), Diálogos Sobre Pintura na Cidade de Roma de Francisco de Holanda (enc.: Christine Laurent) no Teatro da Cornucópia; O Conto de Inverno de Shakespeare (enc.: Luís Miguel Cintra) apresentado no Teatro da Trindade; Em Busca de Proust de Marcel Proust (enc.: Aldona Skiba-Lickel); O Avarento de Moliére (enc. Helder Costa) no Teatro da Barraca; Sonho de Uma Noite de Verão de Shakespeare (enc.: João Perry) apresentado no Teatro da Trindade; Hotel Savoy de Joseph Roth (enc.: Jorge Listopad) apresentado no ACARTE; Jardim Zoológico de Cristal (enc.: Diogo Infante) apresentado na sala estúdio do Teatro Nacional D. Maria II;

Em 1997 ingressou na Companhia Teatro da Garagem, com direcção de Carlos Pessoa, onde participou em cerca de 10 espectáculos. No cinema participou em Corte de Cabelo de Joaquim Sapinho; Rádio de Lance Kneeshaw e António, Um Rapaz de Lisboa de Jorge Silva Melo.

No cimema participou em vários filmes, entre os quais: "Dot.com"(2006) de (Luís Galvão Telles), A Bomba (2000), António, um rapaz de Lisboa (1999), Rádio (1997) e Corte de Cabelo (1994).

Marca presença habitual em séries e telenovelas como Clube dos Campeões (1996), Todo o Tempo do Mundo (1999), Queridas Feras (2004), "Mundo Meu" (2005), Tempo de Viver (2006), Ilha dos Amores (2007), Fascínios (2008), Olhos nos Olhos (2008) e Ele é Ela (2009). Em 2010 assinou contrato de exclusividade com a estação televisiva TVI durante cerca de 2 anos e está a planear a sua estreia na novela Boogie Oogie da TV Globo.[2]

Televisão[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Numa grande entrevista publicada pela revista TABU Delgado assumiu a sua bisexualidade, revelando ter uma relação de 12 anos com outro homem.[3]

Em novembro de 2015, foi apanhado na operação Full House da PSP, que visou encerrar um casino clandestino em Porto Salvo, Oeiras onde foram detidas 33 pessoas no âmbito da investigação por jogo ilegal, auxílio à prostituição e tráfico de droga.[4]

Referências

  1. «Certidão de lista de associadas da Audiogest» (pdf). IGAC/Ministério da Cultura. 25 de julho de 2007. Consultado em 18 de Janeiro de 2014. Cópia arquivada (PDF) em 24 de Dezembro de 2013 
  2. Rita Porto e Vítor Rainho (16 de abril de 2015). «Marco Delgado: Problema com a SIC 'parou a minha vida durante dois anos'». Jornal Sol. Sol.pt. Consultado em 14 de maio de 2015 
  3. Rita Porto e Vítor Rainho (16 de abril de 2015). «Marco Delgado: 'A minha sexualidade é uma coisa bastante aberta'». Jornal Sol. Sol.pt. Consultado em 14 de maio de 2015 
  4. «Gémeos de novela apanhados em casa de jogo e sexo». Consultado em 5 de dezembro de 2015