Margarida de Espanha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde junho de 2012). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Margarida de Bourbon
 
Cônjuge Juan Carlos Emilio Zurita e Delgado
Descendência Afonso Zurita João Carlos
Maria Emília Sofia Carmen
Casa Bourbon
Nome completo
Margarida Maria Vitória da Esperança Jacoba Felicidade Perpétua de Todos os Santos de Bourbon e Bourbon Duas-Sicílias
Nascimento 6 de março de 1939 (77 anos)
Roma, Itália
Pai João de Bourbon
Mãe Maria das Mercedes de Bourbon e Orléans

Margarida de Espanha, Duquesa de Sória (nome completo: Margarita María Victoria de la Esperanza Jacoba Felicidad Perpetua de Todos los Santos de Borbón y Borbón-Dos Sicilias) GCIH (nascida em Roma, Itália, a 6 de março de 1939), a filha mais nova de João de Bourbon e Maria das Mercedes de Bourbon-Duas Sicílias e Orleães.

É descendente da rainha Vitória do Reino Unido.[1]

Casou-se com Juan Carlos Emilio Zurita e Delgado (um médico nascido em 1943), em 12 de outubro de 1972. Eles têm dois filhos:

  • Alfonso Zurita y Juan Carlos de Borbón (1973)
  • María Emilia Sofia Carmen Zurita y de Borbón (1975).

Dona Margarida renunciou a seu direito de sucessão devido ao casamento, mas sua renúncia teve lugar antes da aprovação da constituição espanhola de 1978 e não foi ratificada pelas Cortes.

Timbre real de Margarida.

Em 6 de janeiro de 1979, o primo da infanta, Manfredo de Bourbon, 1.º Duque de Hernani, faleceu e a infanta assumiu o seu título ducal a ser herdado por ela. O rei atendeu o pedido e, em 27 de maio de 1981, ela tornou-se a 2.ª Duquesa de Hernani. No mês seguinte, em 23 de junho de 1981, foi-lhe concedido o título para toda a vida, e tornou-se na Duquesa de Sória. Este título não será herdado pelo seu filho, mas será Duque de Hernani, herdando esse mesmo título da sua mãe.


A 13 de outubro de 1988 recebeu a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique de Portugal.[2]

Em 1989, juntamente com o seu marido, criou a Fundação Cultural Duques de Soria. Ela é também presidente honorária, em Madrid, da delegação da UNICEF e da Fundação Espanhola do Coração.

Ascendência[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Doña Margot. La Infanta más marchosa
  2. «Cidadãos Estrangeiras Agraciados com Ordens Nacionais». Resultado da busca de "Margarita de Borbón". Presidência da República Portuguesa (Ordens Honoríficas Portuguesas). Consultado em 2016-03-01. 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.