Maria do Relento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Maria do Relento
Informação geral
Origem Porto Alegre,  Rio Grande do Sul
País  Brasil
Gênero(s) Folk Rock, Pop Rock, Rock and Roll, Punk Rock, Hardcore, Ska
Período em atividade 1994 - atualmente
Gravadora(s) Banguela Records, Warner Music Brasil, Excelente Discos, Polygram do Brasil, Antídoto Discos, Abril Music, Independente
Integrantes Peppe Joe
Luciano Loira
Ricardo Pêdo
Jazzner Mess
Ex-integrantes Kako Kanidia
Nino Lee
Guilherme Barros
Página oficial Site Oficial

Maria do Relento é uma banda de rock brasileira, formada em 1994, em Porto Alegre.

História[editar | editar código-fonte]

A Maria do Relento foi formada em 1994, na cidade de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, a partir da extinção da banda Qual?. A banda estreou nos palcos abrindo o primeiro de muitos shows da banda Raimundos no Bar Opinião, na capital gaúcha. Com o sucesso da parceria, a Maria do Relento excursionou com os "primos" de Brasília por diversas cidades do interior do Estado do Rio Grande do Sul. Em menos de 1 ano, empilharam 4 músicas na grade de programação da extinta rádio Ipanema FM, de Porto Alegre/RS e enfileiraram dezenas de shows pelo interior dos Estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. Em 1995, a Maria do Relento foi escolhida pelo produtor Carlos Eduardo Miranda para o debute do selo Excelente Discos, parceria do produtor com os músicos Branco Mello, Sergio Britto e Charles Gavin, do Titãs. Em 1996, a Excelente Disco lançou o primeiro álbum da Maria do Relento, que levou o mesmo nome da banda. Distribuído pela major Polygram do Brasil, o álbum levou a Maria do Relento a patamares maiores, como apresentações no Estados do Paraná, de São Paulo e do Rio Janeiro, participação em grandes festivais como o Skol Rock, em Blumenau/SC, e o primeiro Planeta Atlântida, em Atlântida/RS, além de aparições em diversos programas populares da TV brasileira, como o Jô Soares Onze e Meia, apresentado por Jô Soares, e Programa Livre, apresentado por Serginho Groisman, ambos veiculados pelo SBT. De lá pra cá, a Maria do Relento se mantem na ativa com um público sempre fiel, 6 álbuns lançados, participação em diversas coletâneas e uma coleção de hits que empolgam o público em cada apresentação.

Formação[editar | editar código-fonte]

 Formação atual[editar | editar código-fonte]

  • Peppe Joe - vocal (1994-hoje)
  • Luciano Loira - guitarra (1994-2003, 2012-hoje)
  • Ricardo Pêdo - baixo (1994-hoje)
  • Jazzner Messa - bateria (1994-hoje)

Ex-integrantes[editar | editar código-fonte]

Linha do tempo[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Segunda Sem Ley (coletânea com 18 bandas gaúchas) - Banguela Records / Warner Music Brasil, 1995.
  • Maria do Relento - Excelente Discos / Polygram do Brasil, 1996.
  • Revista Showbizz Vol. 5 (coletânea com 6 bandas lançadas pela Excelente Discos) - Excelente Discos / Polygram do Brasil, 1997.
  • Movido a Gás - Antídoto Discos / Abril Music, 1998.
  • Histórias para Contar - Antídoto Discos, 2001.
  • Operação Tocaia - Antídoto Discos, 2003.
  • Terapia Kamikaze - Antídoto Discos, 2005.
  • Sobras - Independente, 2007.

Maiores sucessos[editar | editar código-fonte]

  • Ritmo de Festa
  • É Fácil Dizer Adeus
  • Zero a Zero - cover de Mniej niż zero, da banda polonesa Lady Pank
  • O Vagabundo
  • Conhece o Mário?
  • Fevereiro
  • Meio Devagar
  • Beep Beep
  • Nem Todo Dia é Igual
  • Náufrago
  • Corcel 72

Ligações externas[editar | editar código-fonte]